segunda-feira, 29 de junho de 2020

Prefeitura realiza testes rápidos de Covid-19 com taxistas de Garanhuns

Ação testou cerca de 70 profissionais
na manhã do último sábado (27).

A Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Saúde, realizou, na manhã do último sábado (27), uma ação de testagem rápida de Covid-19 direcionada aos taxistas de Garanhuns. A ação, desenvolvida pelos setores de Vigilância em Saúde e Núcleo de Promoção à Saúde, com o apoio de profissionais do Núcleo Ampliado à Saúde da Família e Atenção Básica (Nasf-AB) e da Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transportes (AMSTT), testou cerca de 70 taxistas que atuam em pontos fixos no centro e demais localidades do município.   

A secretária de Saúde, Nilva Mendes, destacou a importância de promover a testagem entre profissionais que estão atuando em contato com a população durante a pandemia. “Realizamos a testagem para poder assegurar os profissionais e passageiros que fazem o uso do serviço. A partir destes testes, também poderemos fazer um rastreamento de como a doença está se comportando no município, agora que a Covid-19 está se interiorizando”, comentou a gestora da pasta.

.

O taxista, Gildo Leite da Silva, atua no serviço de transporte individual há mais de 20 anos e avaliou a ação da Prefeitura. “Esta iniciativa foi muito positiva. Nós, que não somos médicos mas também estamos na linha de frente, em contato direto com a população, podemos ter uma garantia de cuidado, tanto para nós, quanto para nossa família, que está em casa”, explicou o profissional.

A Secretaria de Saúde também realizará testagens rápidas do novo coronavírus com os guardas municipais da Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transportes (AMSTT), além de todos os servidores que atuam nos serviços de saúde municipais que ainda não foram testados, incluindo agentes comunitários de Saúde (ACS’s) e agentes comunitários de Endemias (ACE’s). As testagens serão descentralizadas e feitas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS’s). O cronograma de ações será divulgado posteriormente.

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário