segunda-feira, 8 de junho de 2020

Prefeitura de Garanhuns vai repassar R$ 2,7 milhão para o Hospital Infantil empregar no combate ao novo coronavírus

Recurso deverá ser aplicado na aquisição de medicamentos, suprimentos, insumos e produtos
hospitalares; além de equipamentos; realização de pequenas reformas, dentre outros.

A Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, informa que iniciou reuniões junto ao Hospital Infantil Palmira Sales, conveniado ao Governo Municipal desde o ano de 2013, para definir a atuação, de forma articulada, da unidade filantrópica de saúde no auxílio ao enfrentamento da pandemia de Covid-19.

As tratativas incluem a destinação de um total de 2.781.000,00 (dois milhões, setecentos e oitenta e um mil reais) em recursos repassados pelo Governo Federal. O valor faz parte do auxílio financeiro emergencial às santas casas e aos hospitais filantrópicos, em conformidade com a Portaria nº 1.448, de 29 de maio de 2020, do Ministério da Saúde.

Este valor foi transferido para o Fundo Municipal de Saúde, devendo ser aplicado de forma prioritária pelo hospital em atividades fins como a aquisição de medicamentos, suprimentos, insumos e produtos hospitalares; aquisição de equipamentos; realização de pequenas reformas e adaptações físicas, aumento da oferta de leitos e outras medidas. Sendo vedada sua destinação para outro fim, que não seja auxiliar a atuação da unidade no combate ao coronavírus.

Considerando que a atuação complementar deve acontecer de forma articulada com a gestão municipal, foi sugerido pela Prefeitura de Garanhuns à direção do Hospital Infantil que os recursos fossem aplicados na implantação de 20 leitos de retaguarda na unidade, incluindo contratações de médicos e gastos com insumos, ampliando a oferta destes serviços no município; que também vai contar com 30 leitos de retaguarda na Unidade de Tratamento Covid-19, sendo estes estruturados e administrados diretamente pelo Governo Municipal.

Secom/PMG

Nenhum comentário:

Postar um comentário