quarta-feira, 1 de abril de 2020

FIQUE LIGADO: Feiras de Garanhuns recomeçam nesta quinta, dia 2; com a venda apenas de produtos alimentícios. Bancas terão de ficar a no mínimo dois metros uma da outra. Consumidores não poderão se aglomerar em quantidade maior que dez pessoas

Profissionais da Vigilância Sanitária do município e da empresa concessionária 
de serviços nas feiras livres estarão fiscalizando o cumprimento das exigências sanitárias.

A Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente (SDRMA), informa sobre o funcionamento das feiras livres no município, a partir desta semana, com nova formatação, visando atender às medidas preventivas ao contágio da Covid-19, bem como o abastecimento da população de Garanhuns.

A partir desta quinta (02), com a feira localizada na avenida Oliveira Lima, no bairro Heliópolis, as atividades serão retomadas de forma gradual. De acordo com os padrões de higienização estabelecidos pelos órgãos de referência na área de saúde, bem como as recomendações do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), e as normas expedidas pelo Governo Municipal, por meio de decretos oficiais.

Todas as feiras serão fiscalizadas permanentemente, da mesma forma que o cumprimento das normas sanitárias por parte dos feirantes e consumidores. Profissionais da Vigilância Sanitária do município e da empresa concessionária de serviços nas feiras livres serão responsáveis pela fiscalização; visando evitar também aglomerações desnecessárias nos espaços.

Será estabelecido ainda um limite de dois metros de distanciamento entre as bancas dos feirantes, que serão dispostas em formato linear, em corredores com o dobro do tamanho padrão. Será permitida apenas a comercialização de produtos do gênero alimentício, sendo eles: hortaliças, frutas, legumes, carnes, peixes e aves. Nenhum item poderá ser acondicionado no chão da feira.

As feiras nos bairros continuarão funcionando nos dias já estabelecidos, bem como a Central de Abastecimento de Garanhuns (Ceaga), que vai contar com um espaçamento maior para a comercialização dos produtos, com o horário que se estenderá até às 14h. Exceto a feira realizada em frente ao Mercado 18 de Agosto, localizada na rua Manoel Borba, no centro da cidade, que passa a funcionar apenas aos sábados.

Feira do Peixe — Já as tradicionais ‘feiras do peixe’ estão mantidas, no dia 8 de abril, no Mercado 18 de agosto; e no dia 09 de abril, no bairro Heliópolis.

A Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transportes (AMSTT) informa ainda sobre as interdições temporárias nas vias do município, para garantir a realização das feiras com o espaçamento necessário.

Para feira da Oliveira Lima, na quarta-feira (01), serão interditados os pontos da avenida Rui Barbosa com a Oliveira Lima, Santa Rosa e Euclides Dourado. Além da rua Pedro Cavalcante com a avenida Djalma Dutra; avenida Thompson com Euclides Dourado e Santa Rosa; avenida Ernesto Dourado com a Oliveira Lima e Djalma Dutra com a avenida Frei Caneca.

No bairro Boa Vista, as interdições acontecem a partir da sexta (03), com pontos entre a avenida Bom Pastor e a Praça do Café (próx. a Funase), e também com a BR-424. No sábado (04), no Mercado 18 de Agosto, serão interditados pontos entre a rua 13 de Maio e Manoel Borba, além da rua Santos Dumont e Manoel Antônio de Miranda.

Para a feira da avenida Santa Terezinha, no Magano, que será realizado no domingo (05), as interdições acontecem no sábado, entre a Santa Terezinha e avenida Sátiro Ivo, Rua Julião Cavalcante e também na Praça Campos Sales.

Nenhum comentário:

Postar um comentário