segunda-feira, 23 de março de 2020

PERNAMBUCO: Em combate ao COVID-19, Governador determina a contratação de 4.279 profissionais da área da Saúde e anuncia a proibição do transporte de passageiros por meio de mototáxis. Reuniões e aglomerações acima de 10 pessoas estão proibidas a partir de hoje

De acordo com o Governo, serão contratados 430 médicos e 1.552 outros
profissionais de diversas áreas; aprovados no último concurso.

O governador do Estado de Pernambuco, Paulo Câmara, anunciou, no final da manhã de hoje, segunda-feira (23), mais uma série de medidas que vão impactar diretamente no controle da epidemia do Coronavírus, o Covid-19. No pronunciamento, o governador determinou a contratação de 4.729 profissionais da área de Saúde, a abertura de duas seleções públicas, o repasse de R$ 11 milhões para a Assistência Social e Saúde e a edição de um novo decreto impedindo o transporte de passageiros em mototáxis e proibindo as reuniões e aglomerações para grupos com mais de 10 pessoas.

De acordo com o decreto, serão convocados 4.729 profissionais para reforçar o sistema de saúde. Serão contratados 430 médicos e 1.552 outros profissionais de diversas áreas, aprovados no último concurso. Esse pessoal vai fortalecer toda a rede pública de Saúde, inclusive o Hemope e o Hospital Oswaldo Cruz.

O governador também autorizou a realização imediata de duas seleções públicas simplificadas para a contratação de 2.747 novos profissionais. A primeira será para a Secretaria de Saúde; com previsão de 160 vagas para médicos e 1.917 para outros cargos.

A segunda seleção será feita pela Universidade de Pernambuco – UPE e vai contratar 65 médicos e 605 para profissionais como enfermeiros, nutricionistas, farmacêuticos, biomédicos, fisioterapeutas, técnicos em enfermagem, entre outros.

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário