sexta-feira, 2 de agosto de 2019

Gestão eficiente: TCE aprova contas de Izaías referente ao ano de 2013

Além de Prefeito, secretários de Saúde e de Assistência Social e Direitos 
Humanos, também tiveram suas contas aprovadas. (Blog do Carlos Eugênio).

O Tribunal de Contas de Pernambuco aprovou, com ressalvas, a prestação de contas da Prefeitura de Garanhuns. O julgamento foi realizado na manhã de hoje, dia 1º de agosto.

As contas da Gestão Izaías Régis, referentes ao exercício de 2013, foram apreciadas pela 2ª Câmara do Tribunal de Contas e tiveram como relator, o Conselheiro Substituto, Adriano Cisneiros. Por Unanimidade, foram julgadas regulares as contas do Prefeito Izaías Régis (PTB); do então secretário de Saúde, Harley Davidson, bem como da secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Célia Sobral.

Nas redes sociais, o Prefeito vem repercutindo a aprovação das contas, em tom de comemoração. Em uma de suas contas no Facebook, ele postou: “A decisão confirma todo o esforço da Gestão Municipal em cumprir com as determinações legais, mostrando a lisura dos gastos, contratos e despesas públicas da Prefeitura Municipal de Garanhuns. O nosso compromisso de austeridade com o dinheiro público tem levado Garanhuns a ser destaque em responsabilidade e transparência no Estado de Pernambuco”.

No próximo domingo tem a 8ª edição da ultramaratona 100 km do frio

Este ano, corrida será descendo, com saída de Garanhuns
e com chegada em Caruaru. (Com informações da Secom/PMG).

Nesse domingo (04), um evento esportivo vai ligar as cidades de Garanhuns e Caruaru. Trata-se da ultramaratona dos 100 km do frio. E neste ano a corrida será descendo, com saída de Garanhuns, fazendo sua chegada em Caruaru. A largada acontece às 4 horas, no Parque Euclides Dourado, aqui em Garanhuns. O evento conta com o apoio da Prefeitura de Garanhuns, através das secretarias de Juventude, Esportes e Lazer; Turismo e de Saúde, além da Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transporte (AMSTT).

Chegando a sua oitava edição, a ultramaratona promovida pelos Associação dos Corredores da Jaqueira (ACORJA) vem com uma série de novidades. O evento contará apenas com as modalidades: solo (100km) e dupla (50km para cada atleta), sendo decretado o fim do revezamento por quarteto. De acordo com a organização, a decisão veio após orientação da Policia Rodoviária Federal, já que todo o percurso se dá pela BR 423. “O propósito não é apenas de elevar a qualidade do evento, mas, principalmente, de dar maior segurança aos atletas e apoios”, observa Lula Holanda, organizador da ultramaratona.

Sem a distância de 4×25 km, a prova em 2019 acabou tornando-se de fato e por completo em uma ultramaratona. Para 2019 a prova contará com limite de realização de até as 16 horas para os atletas da categoria solo e 15 horas para os atletas de revezamento. O congresso técnico (obrigatório) da ultramaratona será realizado nesse sábado (03), a partir das 16 horas, no Hotel Fazenda Alvorada.
.

.

Pesquisa revela: FIG fez ocupação da rede hoteleira aumentar 83%

Além desse dado, levantamento feito pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico
revela ainda, que houve um aumento de 60% na rede alimentícia. (Secom/PMG).

O 29° Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), que este ano foi realizado entre 18 e 27 de julho, movimentou a economia da cidade durante o mês e beneficiou diretamente a população. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SDE) divulgou uma pesquisa realizada com 120 pessoas dos ramos de hotelaria, gastronomia, entretenimento e comércio, além do público no geral, e aponta bons resultados do evento.

Os números divulgados atestam a satisfação da população. De acordo com a pesquisa, 68% dos entrevistados acharam a programação ótima ou excelente. No quesito “Organização”, 74% considerou o FIG ótimo ou excelente. 

A rede hoteleira também foi movimentada durante o festival. Segundo o material levantado, houve um aumento de 83% de ocupação durante a festa. Com isso, 56% dos empreendimentos fizeram novas contratações. 

Na rede alimentícia, que engloba bares, lanchonetes e restaurantes, houve aumento de 60% no movimento e 34% dos estabelecimentos fizeram novas contratações extras, para o período do festival, com uma média de quatro por empreendimento, de acordo com dados repassados diretamente pelos entrevistados.

A Casa das Artes, assim como outros empreendimentos turísticos culturais privados que agregaram a programação, vêm se consagrando anualmente como polo alternativo do FIG com 85% de satisfação dos comerciantes de alimentos e bebidas, com aumento de vendas de 100% em relação ao ano anterior (2018).