domingo, 26 de maio de 2019

Audiência proposta por Sivaldo prevê ações permanentes em Garanhuns

Albino: “Viemos colher ideias e sugestões para, a partir delas, criar um grupo de estudos envolvendo 
várias entidades de Garanhuns com o objetivo de buscar caminhos para o desenvolvimento”.

Seguindo a premissa de interiorização do debate público, a Comissão de Desenvolvimento Econômico e Turismo (CDET) da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) promoveu uma audiência pública no município de Garanhuns na manhã desta sexta-feira, 24. O tema do encontro foi ‘Garanhuns: Potencialidades e Vocações. Alternativas de Desenvolvimento Econômico para o município de Garanhuns e Região Agreste Meridional de Pernambuco’. Após a audiência, foi definido que será montado um grupo de estudos permanentes acerca do desenvolvimento econômico do lugar.

O evento, ocorrido no auditório da Universidade de Pernambuco (UPE) Garanhuns, contou como a presença de profissionais das mais diversas áreas, além de autoridades, empresários, lideranças políticas e comunitárias, bem como professores, estudantes e a população da região Agreste Meridional em geral.

Para o presidente da Comissão, deputado estadual Delegado Lessa, a aproximação do legislativo com os atores sociais é preponderante na implementação de políticas públicas. “Esta audiência pública não foi apenas um momento de ausculta popular, mas movimento no sentido de que as ações de desenvolvimento econômico sejam efetivadas nos 26 municípios do Agreste Meridional e causem impacto em todo o estado”, avaliou Lessa.
.

Assuntos como a implementação do turismo e da cultura como motrizes econômicos; investimentos no ecoturismo; fomento à agricultura e à pecuária; geração de empregos e qualificação profissional foram debatidos na audiência. Neste contexto, odiretor de Planejamento, Inovação e Fomento da Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper), Jaime Alheiros, destacou a importância do fortalecimento das entidades de classe e do associativismo para avançar os arranjos produtos locais, de modo que a cadeia produtiva seja vista sob uma ótica transversal.

A realização da audiência pública foi uma solicitação do deputado Sivaldo Albino (PSB), também integrante da CDET. De acordo com ele, haverá continuidade de trabalhos a partir do programa. “Com esta audiência pública, viemos colher ideias e sugestões para, a partir delas, criar um grupo de estudos permanentes envolvendo várias entidades de Garanhuns com o objetivo de buscar caminhos para o desenvolvimento”, sintetizou.
.

Meio ambiente – A adequação do desenvolvimento econômico com as questões ambientais recebeu atenção especial no evento. O secretário estadual de Meio Ambiente, José Bertotti, salientou que Pernambuco está vivenciando um processo de implementação de um modelo de desenvolvimento sustentável. O tratamento de resíduos sólidos, a criação de unidades de conservação e o cuidado com as fontes e nascentes dos rios foram elencadas por ele como ações estratégicas para essa finalidade. “O Governo do Estado, de forma integrada com o Governo Federal, universidades e instituições públicas e privadas, estamos à disposição para encontrar soluções para racionalizar o uso e garantir benefícios para as gerações futuras”, complementou.

O superintendente de Recursos Hídricos de Alagoas, Pedro Cosmo, destacou a gestão participativa das águas como um modelo moderno e democrático de cuidado com as águas. Ele também salientou a necessidade de criação de um comitê da bacia hidrográficas dos rios Mundaú e Paraíba do Meio, que nascem em Pernambuco e desaguam no vizinho estado de Alagoas. Na ocasião, deputado Delegado Lessa sugeriu a união de esforços entre as assembleias legislativas de Pernambuco e Alagoas para articular um encontro paritário e aprofundar o debate sobre as águas.

Entre os presentes à audiência, estiveram o reitor da UPE, Pedro Falcão, o secretário executivo de Agricultura Familiar de Pernambuco, Wellington Gleybson, e a secretária de Desenvolvimento Econômico do Município de Garanhuns, Janicélia Marins.
.

.

.

.

Izaías: “Trabalho por Garanhuns, e sem nenhum interesse pessoal”

Ao Blog, Prefeito ainda classificou as acusações que 
seu governo vem sendo alvo de “factoides”.

Uma semana após seu governo ser alvo de duras acusações, uma delas, a de que a licitação em torno da empresa Plena Gestão Empresarial, de Caruaru, para padronização das feiras livres municipais teria ocorrido de maneira fraudulenta, o Prefeito de Garanhuns Izaías Régis (PTB), quebrou o silêncio sobre o assunto.

Ao Blog, o Prefeito assegurou que a acusação não procede, e que seu governo está alicerçado em duas marcas: trabalho e transparência. Ele também declarou que tudo que fez na vida pública ao longo desses 16 anos, teve por objetivo atrair avanços para Garanhuns. “Foi assim quando fui deputado ao longo de 10 anos, e tem sido assim, como Prefeito. Trabalho por Garanhuns, e sem nenhum interesse pessoal, mas sim, coletivo”, declarou.

Nesta quinta e sexta-feiras, o chefe do executivo assinou ordens de serviço para pavimentação em paralelepípedo e drenagem de águas em 17 ruas do Heliópolis e ainda para construção de uma Unidade Básica de Saúde – UBS no Conjunto Residencial Manoel Camelo. As duas ações visam garantir mais qualidade de vida à população.

Em ambos os atos, o Prefeito contra-atacou a oposição. No caso do calçamento, por exemplo, Régis associou a autorização da obra, ao pouco ou quase nenhum trabalho de seus opositores. “Essas pessoas que atacam nosso governo, são pessoas que nunca botaram uma pedra de paralelepípedo em lugar nenhum do mundo”, disse ele.

Apoio – Em vídeo divulgado no decorrer da semana, antes mesmo de falar ao Blog, o Prefeito pediu apoio a população diante das repetidas acusações de que seu governo estaria envolvido em qualquer ato fraudulento. Para Régis, a forma como executivo vem sendo atacado, prejudica não apenas a gestão, mas a cidade e os garanhuenses. “Espero que vocês todos não acreditem e nem deem ousadia para essas pessoas seguirem falando do nosso Município”, disse ele, em vídeo divulgado nas redes sociais.

          Confira: