terça-feira, 29 de janeiro de 2019

Garanhuns: PSB se manifesta sobre Matéria que envolve Sivaldo

Em comunicado, partido saiu em defesa do socialista, manifestando ainda que teor de matéria publicada pelo
Blog do Gidi Santos, busca dentre outras coisas, antecipar um debate eleitoral para a Prefeitura em 2020.

Nem mesmo 24 horas se passaram, o PSB Garanhuns se manifestou, através do seu presidente, Dorgival Figueiredo, sobre a matéria que o Blog do Gidi Santos publicou no último domingo (27), que envolve o nome do ex-vereador Sivaldo Albino (PSB).

Em nota distribuída a imprensa no início da noite desta segunda (28), o atual presidente da legenda aqui no município tentou minimizar o teor contundente da matéria, alegando que a postagem, busca dentre outras coisas, antecipar um debate eleitoral em torno da disputa pela prefeitura de Garanhuns em 2020.

Dorgival ainda discorreu sobre outros tópicos. 
Mas isso, você confere na íntegra da Nota: Leia.

“Amigos e Amigas,

Fomos surpreendidos por uma postagem no Blog do Gidi Santos, que consideramos agressiva e fora de contexto. 

Sem nenhum fato novo que não seja o início do exercício do mandato de deputado estadual de Sivaldo Albino, o texto busca desqualificar sua eleição e a do nosso governador Paulo Câmara.

Sivaldo foi eleito pelo povo de Garanhuns e do Agreste, e estamos juntos comemorando a volta de um filho de nossa cidade à Assembleia Legislativa do Estado, o que é muito importante pela representatividade e fortalecimento de nossa região.

Paulo foi reeleito governador de Pernambuco, no primeiro turno, reconhecido por ter segurado o estado na pior crise econômica das últimas décadas, e ainda avançar em saúde, segurança e educação, cujos resultados estão aí para todos verem.

O próprio Gidi Santos esteve conosco em nossa campanha, acompanhou reuniões e carreatas, e viu a forma espontânea e participativa de todos que acreditaram neste projeto.

Entendemos também que a postagem em seu blog antecipa um debate eleitoral para a prefeitura em 2020, com argumentos de quem vai se contrapor ao projeto apresentado pelo conjunto que faz a Frente Popular de Pernambuco. Contudo, no momento oportuno iremos apresentar o nome daquele que vai representar estas forças políticas, e que contemple os anseios da população por uma Garanhuns mais justa e participativa.

Agora, o objetivo de Sivaldo Albino é exercer seu mandato de deputado com vontade e determinação, que resulte em investimentos para Garanhuns e o Agreste.

A conquista de Sivaldo é de todos, e deve ser enaltecido como um orgulho para Garanhuns.”

FALA GIDI SANTOS – Reservado o direito de resposta ao PSB local, outras considerações devem ser feitas, a começar pelo fato do presidente da legenda iniciar sua nota, supondo que o teor da publicação do domingo no Blog, teria sido “agressiva e fora do contexto”. Dois equívocos.

No primeiro caso, pelo fato de não ter havido hostilidade junto ao governador, o PSB bem como ao ex-vereador, Que Foi convidado à reflexão sobre o seu posicionamento passado, bem como para aquele que virá no futuro.

No segundo, e ainda naquilo que representa um fato novo, destaque para o fato de Sivaldo ter saído em solidariedade aos professores do município mais recentemente; mas no entanto nunca ter manifestado apoio publicamente, no caso que envolve os educadores estaduais, onde o seu aliado, o atual Governador Paulo Câmara (PSB), acabou retirando direitos desse profissionais.

Mais adiante, a nota fomenta que a matéria veiculada no Blog no domingo busca “desqualificar” a eleição de Albino, e ainda a do governador Paulo Câmara, informando equivocadamente que Sivaldo teria sido “eleito”.

Ao contrário do que diz o comunicado, o ex-vereador não foi eleito. Conhecido o resultado da eleição de outubro passado, Sivaldo passou a ocupar a condição de primeiro suplente de sua coligação, formada pelo PSB/PSD/MDB.

Dito isso, relembramos que a chegada do ex-gerente da casa civil a Alepe, ocorre em razão do verdadeiro dono do mandato Rodrigo Novaes (PSD), ter sido convocado pelo Governador Paulo Câmara, para comandar a Secretaria de Turismo do Estado.

Sem sucesso, a nota assinada pelo Presidente do PSB ainda segue imputando que o conteúdo de domingo teve por um de seus objetivos “desqualificar” a eleição do Governador, quando sequer mencionamos o êxito de sua conquista.

Faltou atenção, já que o que coube dizer na ocasião, é que com a ascensão a Alepe, Sivaldo terá sua imagem ainda mais ligada a do chefe do executivo estadual que foi apontada em um estudo da Uninassau como o “pior Governador da história”, o que responde a altura, a redação da nota que se refere aos "bons" resultados de sua última gestão. Clique aqui e confira o estudo da Uninassau.

Com relação a ter registrado presença na campanha de Sivaldo e do Governador aqui no município; ela não foi exclusiva, já que também acompanhamos as atividades da candidatura antagônica a dos socialistas, representada na majoritária pelo candidato Armando Monteiro Neto (PTB). Dito isso, e considerada as devidas proporções, registro a maneira cordial e generosa que fui acolhido nas diversas oportunidades, pelas duas campanhas.

Quanto a antecipar as eleições de 2020 por intermédio da postagem, o próprio Sivaldo se encarregou de fazê-lo ao final do domingo em que foi realizada a eleição de 2018, já que naquela ocasião, ele próprio admitiu a possibilidade de encarar a disputa pela Prefeitura Municipal.

Muito embora reconheça a importância da chegada de Albino a Alepe, que no futuro poderá resultar em investimentos para Garanhuns e o Agreste, reafirmamos o que foi exposto na publicação de domingo: “que o mandato conferido à Sivaldo será crucial para saber de que lado ele está: se do Governador e de sua orientação politica; ou dos professores da rede estadual e do povo de Garanhuns”.

Por fim, que o PSB siga sendo um defensor da democracia, cujo bom funcionamento também é auxiliado pelo desempenho de uma imprensa livre. O conteúdo publicado pelo blog no domingo, faz uma apelo a reflexão, para que o futuro deputado considere a importância do posto que ocupará, para que assim, ele não esteja a serviço político restrito da gestão estadual.

Sendo assim, sugerir que o conteúdo se utilizou de argumentos de quem no futuro vai se contrapor há uma possível candidatura da Frente Popular de Pernambuco aqui no município, difere largamente do propósito de nossa publicação.

No mais, seguiremos desempenhando o nosso papel com generosidade para acolher o contraditório, no entanto, sem nos privarmos de salvaguardar os interesses da população, que também nos alcançam e que estão representados em nosso trabalho.