terça-feira, 22 de janeiro de 2019

UESG já confecciona Carteira de Identificação Estudantil 2019

Estudantes Secundaristas pagarão R$ 18 reais
pelo documento. Universitários, R$ 20,00.

Estudantes Secundaristas e Universitários, que desejem emitir a Carteira Estudantil em 2019, já podem se dirigir a uma das sedes da UESG aqui em Garanhuns, para protocolarem a sua solicitação. A entidade, responsável pela confecção do documento, funciona em dois endereços. Um, na Avenida Santo Antônio, 203, Centro, Edifício Matriz Center, sala 11, e o outro, na praça Irmãos Miranda, S/N (ponto final de ônibus).

Os estudantes Secundaristas que estiverem regularmente Matriculados e Cursando o Ensino Fundamental, Médio, Técnico e Cursinhos, terão de desembolsar a quantia de R$ 18,00 reais pelo documento. Universitários, por outro lado, R$ 20,00. Para o segundo caso, podem solicitar o documento, alunos inscritos em cursos de Graduação, de Pós, de Mestrado e ainda de Doutorado. Para formalizar o pedido, é preciso preencher um formulário que é disponibilizado nas Secretarias das Escolas e Universidades, bem como, em uma das sedes da UESG. Feito o procedimento, o solicitante deve aguardar um período médio de 15 dias para fazer retirada do documento, segundo informa entidade.

De posse da carteira, o estudante poderá fazer uso dela para pagar meia passagem em coletivos municipais. A Astrotur, que opera rotas intermunicipais, também considera a apresentação do documento para efeito de desconto. Meia entrada em shows, cinema, teatro, estádio de futebol, e ainda em em apresentações culturais, também é assegurada. 

A Carteira Nacional de Identificação Estudantil é solicitada através do formulário da cor VERDE. Evite falsificações!

Interessados podem obter mais informações  através dos telefones (87) 9.9918-1479 ou pelo (87) 9.8115-9035.

2018: Número de roubos foi o 3º maior do programa Pacto pela Vida

Oficialmente, foram 94.356 crimes contra
o patrimônio; um número altíssimo. (Blog Ronda JC).

Apesar de o Governo de Pernambuco anunciar uma redução de 21,7% no número de roubos registrados em 2018 no comparativo com 2017, não há motivos para comemoração. Oficialmente, foram 94.356 crimes contra o patrimônio, um número altíssimo. E se o resultado for comparado com os anos anteriores, observa-se que esse resultado é o terceiro pior da história do Pacto pela Vida. (veja quadro abaixo).

Segundo a Secretaria de Defesa Social (SDS), considerando todo o ano de 2018 (94.356 ocorrências), em contraposição a 2017 (120.570), o declínio foi de 21,7% pontos percentuais nessa modalidade criminosa, que segundo a secretaria, engloba os assaltos a bancos, ônibus, transeuntes, roubos de cargas, veículos e outras formas de ações violentas visando à subtração de bens. O secretário da pasta, Antônio de Pádua, afirmou que a redução foi possível graças ao trabalho integrado da polícia.

“É preciso ressaltar também o bom desempenho de operações permanentes desencadeadas em áreas estratégicas, como a Agamenon Magalhães e Boa Viagem. Pela grande circulação de pessoas e comércio aquecido, são locais visados pelos ladrões. A queda foi de 18,3% nos CVPs do Centro do Recife, de 27,7% em Boa Viagem e de 36,9% na extensão Agamenon Magalhães. Não há motivo para comemorar, e por isso estamos fazendo um planejamento para avançar mais no combate ao crime e no aumento da segurança para a população”, disse Pádua, em nota à imprensa.

Estatísticas de Crimes Violentos Contra o Patrimônio:

2011 – 55.684 - 2012 – 52.484 - 2013 – 52.637 - 2014 – 65.385 - 
          2015 – 84.945 - 2016 – 114.802 - 2017 – 120.570 - 2018 – 94.356

          Fonte: Secretaria de Defesa Social (SDS).

PE: Número de mulheres mortas pode ser 20% maior que o oficial

Informação, é do Blog Ronda JC. Esse percentual 
de óbitos, está classificado como “Mortes a esclarecer”.

Balanço divulgado na semana passada pela Secretaria de Defesa Social (SDS) aponta que 239 mulheres foram assassinadas em Pernambuco em 2018. Mas o número pode ser até 20% maior que o oficial. O Ronda JC, um dos veículos de comunicação do Sistema Jornal do Comércio de Comunicação, apurou que outros 45 óbitos foram classificados como “mortes a esclarecer”, ou seja, ainda não foram identificados como crimes e, por isso, não entraram para as estatísticas.

Nos números oficiais, por exemplo, a SDS afirma que foram registrados 75 feminicídios no ano passado – um a menos que em 2017. Mas, de acordo com dados coletados no Instituto de Medicina Legal (IML), acredita-se que pelo menos outros dois casos que estão classificados como morte a esclarecer podem ser alterados para feminicídios. Se confirmado, a estatística sobe para 77 crimes desse tipo.

Se todos os óbitos que estão como “mortes a esclarecer” forem reclassificados como homicídios, ao final da investigação da polícia, o número pode saltar de 239 para 284 assassinatos de mulheres em 2018. Mas algumas dessas mortes misteriosas podem também se tratar de suicídio ou provocadas por mal súbito, por exemplo.

Ano passado, o Ronda JC, publicou reportagem exclusiva mostrando um aumento considerável no número de óbitos classificados como “mortes a esclarecer”, ao mesmo tempo em que a SDS, anunciava queda nos homicídios. Especialistas questionaram os dados e até falaram na necessidade de um controle externo dessas estatísticas.

Abaixo, você confere um quadro com as motivações das mortes de mulheres em 2018. Casos de feminicídio e de envolvimento com drogas lideram o ranking.
.

Futebol: Rádio 87 FM volta a transmitir Pernambucano e Nordestão

Largada, será dada nesta quarta-feira (23), no jogo entre Sport e Vitória das
Tabocas. Partida é válida pela segunda rodada do Pernambucano.

Emoção, torcida e agitação. Esses são os três ingredientes que prometem embalar a nova fase do esporte da rádio 87 FM. A partir da próxima quarta-feira (23), a emissora volta a transmitir partidas de campeonatos de futebol. A ideia, é poder acompanhar duas competições importantes. Caso do Campeonato Pernambucano e da Copa do Brasil

O pontapé inicial será dado na partida entre Sport e Vitória das Tabocas. A disputa, válida pela segunda rodada do Campeonato Pernambucano, está marcada para iniciar a partir das 20:30. O Sport, terá o mando de campo, e o jogo será na Arena de Pernambuco.

Com quatro nomes de peso, Simão Silva, na narração, Ismaradona nos comentários, Tiago Emanuel nas reportagens, e o professor Eugênio Sobrinho, à frente do comando da Central de Esportes, nos estúdios da emissora, a promessa é que a “Rádio Jovem de Garanhuns”, retorne ao período de ouro na radiodifusão do esporte que é paixão nacional.

A julgar pelo talento do mais jovem da equipe, Thiago Emanuel, o “garganta nervosa”, a experiência de Simão Silva, a dinâmica de Ismaradona, e o tirocínio do professor Eugênio Sobrinho, não surpreenderá, acaso os números revelem a liderança de audiência da 87 FM, no horário que compreende a transmissão da partida.

Emoção a vista, agora é só sintonizar 87,9 na frequência FM do seu rádio, pois quarta-feira, as 20:30, como diz o radialista Simão Silva em um de seus mais famosos jargões, "será momento de se reencontrar com os caminhos dos esportes”.
.