quinta-feira, 1 de agosto de 2019

LUTO EM GARANHUNS: Morre aos 48 anos, o radialista Jakson Fitipaldi

Há anos no segmento de radiojornalismo, Jakson já havia atuado na Prefeitura de
Garanhuns e ainda na Câmara Municipal; no segundo caso, como diretor de imprensa.

Morreu no início da noite desta quarta-feira (31), na Casa de Saúde Nossa Senhora Perpétuo Socorro, vítima de um infarto fulminante, o radialista Jakson Fitipaldi. Ontem, no início da tarde, logo após sair de casa para trabalhar ele passou mal, o que lhe obrigou a retornar para sua residência. Momentos após a sua chegada, ainda na escada de sua casa, Jakson foi socorrido por uma vizinha, que comunicou seus parentes do ocorrido e ainda conduziu o radialista com diligência para o hospital.

Já na unidade hospitalar, Jakson foi atendido, medicado e estabilizado. Logo em seguida, ele foi diagnosticado com um quadro de pressão arterial elevado, e quando passava por exames médicos, sofreu um infarto fulminante. Fitipaldi tinha 48 anos, e deixa uma filha.

Há anos no segmento de radiojornalismo, Jakson já havia atuado na Prefeitura de Garanhuns e ainda na Câmara Municipal; no segundo caso, como diretor de imprensa. Atualmente e já há dois anos, o radialista assinava um Blog e dirigia a Web Rádio Antena.

VELÓRIO E SEPULTAMENTO – O corpo do radialista está sendo velado desde as 22 horas desta quarta-feira (31), na central de velórios Osacre, na rua São Vicente, bairro São José. O Sepultamento ocorre nesta quinta (01), às 16h no cemitério São Miguel.

PESAR - Desde as primeiras horas da noite desta quarta, as redes sociais estão tomadas por manifestações em virtude da partida de Jakson. Uma delas, oriunda da radialista e colega de trabalho, Selma Melo, foi publicada logo após a confirmação da sua morte. Na postagem, Selma manifesta reconhecimento ao trabalho desenvolvido pelo profissional de imprensa, ao mesmo tempo em que destaca o tamanho da perda. “A imprensa garanhuense está de luto. A cidade perde um filho ilustre; um ativista político, mas sobretudo um baluarte das comunicações”, escreveu ela.

Parte dessa manifestação compreende uma nota divulgada em conjunto pela radialista e pelo jornalista Gidi Santos, editor deste blog. Abaixo, você confere ela, na íntegra:
.

NOTA EM CONJUNTO, EM VIRTUDE DO 
FALECIMENTO DO RADIALISTA JAKSON FITIPALDI

"Recebemos com muita tristeza, a notícia do falecimento do radialista, blogueiro e amigo, Jakson Fitipaldi, ocorrido no início da noite desta quarta-feira, 31 de julho, na Casa de Saúde Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, aqui em Garanhuns.

Com passagem pela presidência do sindicato dos Radialistas do município, pela Prefeitura, Gerência do Setor de Comunicação da Câmara e ainda por diversas rádios locais, atualmente ele era diretor da Web Rádio Antena de Garanhuns. Pessoa de conduta reta, Jakson tinha como principal traço de personalidade a sua boa índole.

Ao mesmo tempo em que manifestamos nosso sentimento de profundo pesar, nos solidarizamos com todos os familiares de Jackson, profissional dedicado e comprometido com as boas práticas do radiojornalismo.

Tomados pela emoção, lamentamos a perda, destacando que a história profissional e de vida de Jakson Fitipaldi, se confunde com a história de Garanhuns.

A imprensa garanhuense está de luto. A cidade perde um filho ilustre; um ativista político, mas sobretudo um baluarte das comunicações."

Garanhuns, em 31 de Julho de 2019.

Selma Melo
Gidi Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário