terça-feira, 23 de julho de 2019

Matheus Nachtergaele esgota sessões no Teatro na segunda de FIG

Voltando ao teatro após alguns anos, Matheus contou a reportagem que foi com muita satisfação 
que pode trazer seu monólogo em homenagem a sua mãe para o FIG. (Secult/Fundarpe)

Nem mesmo a sessão extra para o espetaculo Processo de Conscerto do Desejo, com Matheus Nachtergaele, foi suficiente para atender a todas as pessoas interessadas. Os ingressos esgotaram para os dois horários, mostrando o potencial de público para teatro que há em Garanhuns. Voltando ao teatro após alguns anos, Matheus Nachtergaele contou a reportagem que foi com muita satisfação que pode trazer o seu monólogo em homenagem a sua mãe para o Festival de Inverno de Garanhuns. “É uma alegria vir apresentar a peça aqui, porque eu tenho uma vivência muito intensa em Pernambuco, como artista e como pessoa. Como trabalhei muito aqui, fiz muitos amigos. Além de trabalhar, venho passar férias também em Pernambuco. Eu fui jogado pra dentro do coração de Pernambuco e Pernambuco foi jogado para dentro do meu coração primeiro pela chamada de Guel Arraes para ser João Grilo de Ariano Suassuna, depois pela intensa parceria com Claudio Assis. Este é um festival que a gente ama”, declarou o eterno João Grilo.

Na música, foi dia de extremos nos palcos do FIG, reforçando o caráter múltiplo e democrático do festival. No Palco Dominguinhos, o brega fez a festa do público que resistiu à chuva e ao frio para prestigiar um line-up todo pernambucano. Cafuringa e Banda abriu a programação para Kitara, Amigas do Brega e Priscila Senna, a Musa. Hits não faltaram, nem fãs cantando junto. No Som na Rural, entre Arrete e Matalanamão houve Laranjão Em Ritmo e Poesia e a DJ Claudia Summer nos intervalos. E na Catedral de Santo Antônio, Sheyla Costa fechou a noite com Na Pele de Elis, acompanhada da Orquestra Matéria-Prima.

MAPA CULTURAL - Na Praça da Palavra, Valentine Herold, coordenadora do Mapa de Cultura de Pernambuco apresentou ao público a plataforma digital colaborativa que reúne informações sobre agentes, espaços, eventos e projetos culturais e está disponível para contribuição de agentes culturais públicos e da iniciativa privada desde outubro de 2017. A iniciativa também é alvo de ação itinerante de divulgação nos polos do FIG    

Nenhum comentário:

Postar um comentário