sábado, 6 de julho de 2019

CARUARU: “José Queiroz, do PDT, pode ficar inelegível para as Eleições Municipais de 2020”, diz Tribunal de Contas

Caso seja comprovada a improbidade administrativa no mandato de 2013, político, que já foi prefeito 
de Caruaru, não poderá se candidatar a nenhum cargo no próximo ano. (G1 Caruaru e Região).

O ex-prefeito do município de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, José Queiroz (PDT), poderá ficar inelegível para qualquer cargo nas Eleições Municipais de 2020. De acordo com o Tribunal de Contas do Estado (TCE), a medida será tomada caso seja comprovada a improbidade administrativa do político no mandato de 2013.

Por meio de nota, a assessoria de imprensa de José Queiroz informou ao G1 que "prefeito algum pode ser avaliado apenas por questões pontuais. Por exemplo, o prefeito que aplica 24% na saúde, quando o limite constitucional é 15%, favorece ao povo tanto quanto os 24% aplicados na educação". A decisão deve ser embargada.

Após acatar um recurso do Ministério Público de Contas do Estado de Pernambuco, o Tribunal de Contas do Estado, foi favorável a emitir um parecer prévio pela rejeição das contas do ex-prefeito de Caruaru. "Entre os pontos debatidos, o procurador Cristiano Pimentel argumentou que José Queiroz não aplicou o mínimo de 25% em educação" no mandato de 2013, conforme informou o tribunal.

Ainda segundo o TCE, o procurador afirmou que o ex-prefeito passou todo o exercício com as despesas de pessoal acima do limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Nenhum comentário:

Postar um comentário