terça-feira, 4 de junho de 2019

Mourão segue ao Recife para receber título de cidadão nesta quarta (5)

Visita do general da reserva é aguardada desde que a homenagem foi aprovada 
pelos parlamentares no dia 5 de dezembro. (Blog do Jamildo - Foto: Rodrigues Pozzebom).

Após o cancelamento da agenda em março, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB) finalmente desembarcará, nesta quarta-feira (5), na capital pernambucana, Recife para receber o título de Cidadão Recifense na Câmara de Vereadores. A visita do general da reserva é aguardada desde que a homenagem foi aprovada pelos parlamentares no dia 5 de dezembro. Antes da entrega do título, marcada para às 16h30, Mourão irá se reunir, às 12h, com empresários em um almoço promovido pelo grupo Lide Pernambuco no Mar Hotel, no bairro de Boa Viagem, na Zonal Sul da capital.

A agenda de Mourão ocorre em um momento em que os embates entre o escritor e guru do bolsonarismo Olavo de Carvalho e os militares que integram o governo parecem ter cessado. Principal alvo dos ataques de Olavo, o general chegou a reduzir a quantidade de entrevistas cedidas à imprensa nacional e internacional, que enche de pedidos a sua assessoria, de acordo com o jornal Folha de São Paulo. Já o escritor declarou nas suas redes sociais que não opinaria mais sobre a política brasileira. 

Autor da proposta para a concessão do título ao vice-presidente quando era então vereador, o líder da oposição ao governo Paulo Câmara (PSB), deputado estadual Marco Aurélio (PRTB), celebrou a homenagem. “Fico feliz enquanto vereador ter tido a oportunidade de propor e a Casa ter aprovado o Título de Cidadão ao vice-presidente General Mourão que serviu em nossa cidade, inclusive nesse período sua filha nasceu aqui. Além disso, hoje como vice-presidente, a sua posição institucional, pelo bem do Brasil, nos orgulha a todos”, disse o parlamentar. Nascido em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, Mourão serviu no Recife de 1982 a 1985, essa passagem foi utilizada na justificativa da homenagem proposta por Marco Aurélio. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário