sábado, 2 de fevereiro de 2019

Casal de Garanhuns viabiliza entrada de jovem em Universidade

Rodrigo Ferreira e Odete Nativo trabalham há cerca de seis anos com projetos sociais. 
Eles foram os responsáveis por mediar a entrada de Eliseu Silva, 19 anos na Unopar.

Uma história bonita e de generosidade vem atraindo atenção de muitos garanhuenses através da redes sociais, desde meados de janeiro. No epicentro da narrativa estão um casal garanhuense (Rodrigo Ferreira, o Guiga e Odete Nativo); um empresário cujo um de seus investimentos está dirigido ào campo estudantil (Júnior Vilar), e por fim, um morador de Correntes, que sonhava com ingresso em uma Universidade, Eliseu Silva, de 19 anos.

A história de Eliseu, que é atleta amador de futebol, e que vem de família humilde, foi descoberta por Rodrigo e Odete no início ano. Trabalhando em projetos sociais há cerca de seis anos, o casal percorria o bairro da Olaria, em Correntes, quando se deparou com o jovem. Na visita a cidade, Guiga e Odete trabalhavam para viabilizar a instalação de uma Associação comunitária, a pedido de um amigo, Clayton Umbelino, mas o caso de Eliseu chamou tanta atenção, que eles acabaram se aproximando do rapaz.

Ao casal, o jovem de Correntes relatou o seu desejo de ingressar no curso de educação física. Relatou ainda, que por questões financeiras, desemprego e quase nenhuma oportunidade que a vida lhe apresentou; ele não conseguia assegurar a sua entrada no ambiente acadêmico. Tocados com o caso, Guiga e Odete mantiveram contato com um dos diretores da Universidade Unopar, pólo Garanhuns, Júnior Vilar.

Solidário, Vilar não pensou duas vezes, e após ouvir a biografia do rapaz de origem humilde, ele tratou de assegurar o pagamento da inscrição de Eliseu no último vestibular. Resultado, Eliseu foi aprovado com mérito, e obtendo uma das melhores notas da prova.
.

Diante do bom resultado, e como nova demonstração de solidariedade, Eliseu foi surpreendido com outra outra boa ação. É que o diretor da Unopar (foto acima de branco), decidiu conceder uma bolsa integral para ele, devido o seu exemplo de perseverança. Ainda em estado de comemoração, o agora universitário já se prepara para o início de suas aulas, marcado para esse mês de fevereiro.

Rodrigo Ferreira, um dos responsáveis pela ascensão de Eliseu à Unopar, ressaltou a importância da iniciativa do diretor da Universidade. “O sentimento é de gratidão a Deus em primeiro lugar, e a Júnior Vilar, que sabe do nosso trabalho e sempre nos atende nas ações sociais. Eu e Odete acreditamos que  a  Educação e o Esporte mudam a vida de Crianças e dos Jovens, fazendo deles bons cidadãos. Uma boa  ação  é capaz de  proporcionar  um futuro melhor não apenas à um jovem e a uma familia,  mas a toda sociedade.”

Política – Atualmente, Guiga e Odete participam do novo grupo político que vem sendo construído por intermédio do trabalho do advogado e ex-procurador do município, Tony Neto. Ambos já sinalizaram a possibilidade de encarar a disputa pela Câmara em 2020.

Motivados, eles não escondem que a presença de 18 pré-candidatos, mesmo há 20 meses da eleição, reforça o coro de que a agremiação poderá surpreender, elegendo três parlamentares. A proposta do conjunto, é que seus candidatos possam atingir a condição de eleito, por motivo da conquista de cerca de 800 votos.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário