segunda-feira, 24 de dezembro de 2018

Mega da Virada pode pagar prêmio de R$ 280 milhões de reais

Com uma aposta simples de seis números, chance de ganhar será 
de uma em 50.063.860. (Agência Brasil – Foto: Reprodução).

Os apostadores têm pouco mais de uma semana para participar do sorteio da Mega da Virada, que completa 10 anos em 2018. O prêmio é estimado em R$ 280 milhões, e o sorteio está marcado para as 20h do dia 31. O último concurso regular da Mega-Sena foi realizado na quinta-feira, dia 20 de dezembro. Como ninguém acertou os seis números, o prêmio de R$ 50 milhões acumulou para a Mega da Virada.

A aposta mínima na Mega da Virada custa R$ 3,50 e pode ser feita em qualquer uma das mais de 13 mil casas lotéricas do país. Também é possível jogar pelo computador, tablet ou smartphone. Para isso é preciso ter mais de 18 anos e preencher o cadastro na plataforma de Loterias Online da Caixa Econômica Federal.

Com uma aposta simples de seis números, a chance de ganhar é de uma em 50.063.860. Quantos mais números apostados, aumentam as chances de ganhar. A aposta com a maior quantidade de números (15), custa R$ 17.517,50. Segundo levantamento da Agência Brasil, nesse caso, a chance de ganhar é uma em 10.003.

O prêmio da Mega da Virada não acumula. Se não houver ganhador na faixa principal, de seis números, o prêmio será dividido entre quem acertar cinco números, e assim sucessivamente. Segundo informou a Caixa Econômica Federal, acaso apenas um ganhador leve o prêmio da Mega da Virada e aplique todo o valor na caderneta de poupança, receberá mais de R$ 1 milhão de reais em rendimentos mensais.

Investimentos - Parte do valor arrecadado com as apostas é repassada ao governo federal, que pode fazer investimentos nas áreas de saúde, seguridade, segurança, cultura e esporte. Do total arrecadado com as vendas na Mega-Sena, cerca de 37% são repassados a essas áreas. Entre 2010 e 2018, somente com a arrecadação proporcionada pela Mega da Virada, R$ 2,4 bilhões tiveram essa destinação.

Em 2017, o prêmio principal da Mega da Virada saiu para 17 apostas, que dividiram R$ 306,7 milhões. Foi o maior prêmio da história das loterias da Caixa. As dezenas sorteadas no ano passado foram 03 - 06 - 10 - 17 - 34 - 37. O prêmio saiu para os estados da Bahia, Minas Gerais, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo.

Menina de 13 anos é estuprada por ex-padrasto em Bom Conselho

Vítima, que ainda foi chantageada, estava na casa onde mora com 
a avó quando foi abusada pelo suspeito, diz PM. (G1 Caruaru e Região).

Uma menina de 13 anos foi vítima de estupro na noite da última sexta-feira (21) em Bom Conselho, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, o ex-padrasto da vítima é o suspeito de ter cometido o crime.

Segundo a Polícia Civil, a menina estava sozinha na casa onde mora com a avó e dois irmãos quando o suspeito pediu para entrar e ajudar a encontrar o celular que ela havia perdido. Dentro da residência, o agricultor de 35 anos disse que estava com o aparelho e só entregaria se a vítima tivesse relação sexual com ele.

A PM informou ainda que a vítima resistiu a chantagem e foi estrupada. O suspeito fugiu após um filho, irmão da vítima, chegar na casa. A família da garota procurou a polícia e o conselho tutelar e a vítima confessou que já havia sido abusada pelo suspeito.

O ex-padrasto da vítima foi preso na casa dele e negou as acusações de abuso. Ele foi levado para a delegacia de Bom Conselho e aguarda audiência de custódia.

UFPE divulga edital de concurso com salários de até R$ 4,1 mil

Ao todo, 166 vagas estão sendo oferecidas para diversos cargos na instituição. Aplicação das provas 
está prevista para ocorrer em agosto de 2019. (G1 Caruaru e Região – Foto: Divulgação).

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) divulgou, na sexta-feira (21), o edital de um concurso público com 166 vagas para técnicos administrativos em educação. Os salários podem chegar a até R$ 4.180,66, de acordo com a instituição.

Segundo o edital do certame, disponível no site da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas e Qualidade de Vida (Progepe), há vagas para níveis de classificação C e D, para nível médio, e E, para nível superior. São oportunidades de trabalho nos campi do Recife, Vitória de Santo Antão e Caruaru. 

Os vencimentos iniciais para as categorias C, D e E são, respectivamente, R$ 1,945,07; R$ 2.446,96 e R$ 4.180,66. A taxa de inscrição custa R$ 78, para os cargos C e D, e R$ 125, para os cargos da classificação E. A isenção do valor será concedida a candidatos que comprovem insuficiência de recursos para arcar com o pagamento.

As inscrições podem ser feitas entre 16 de abril e 19 de maio de 2019 pela internet. As provas acontecem no dia 18 de agosto de 2019 para as categorias C, D e E, exceto para os candidatos ao cargo de assistente em administração. Para esses, o teste do certame é aplicado no dia 25 de agosto de 2019.

O concurso tem validade de um ano, contado a partir da data de publicação da homologação do resultado no Diário Oficial da União. É possível que seja prorrogado pelo mesmo período, a critério da UFPE.

Nível de Classificação C
Administrador de edifícios

Nível de Classificação D
Assistente em administração
Desenhista de artes gráficas
Técnico de laboratório
Técnico de tecnologia da informação/área sistemas
Técnico em artes gráficas
Técnico em contabilidade
Técnico em eletrotécnica
Técnico em mecânica
Técnico em radiologia
Técnico em enfermagem

Nível de classificação E
Administrador
Analista de tecnologia da informação/área sistemas
Arquiteto e urbanista
Assistente social
Diretor de produção
Economista
Engenheiro
Médico
Químico
Sanitarista
Psicólogo
          Tecnólogo (formação em segurança privada, biomedicina ou enfermagem)

IPVA 2019 em Pernambuco: valores variam de R$ 72 a R$ 153 mil

Informações foram divulgadas pelo governo do estado em tabela publicada no Diário Oficial. Em 2019,
redução é de 3,18% em relação ao ano passado. (G1 Caruaru e Região – Foto: Reprodução).

O valor do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) que cada proprietário vai precisar pagar em 2019 foi publicado no Diário Oficial do Estado. De acordo com o governo, o IPVA mais barato é de uma moto, que custa R$ 72. Já o mais caro é o de um Lamborghini, que sai por R$ 153,848,84. A tabela pode ser conferida a partir da página 4 da publicação, de sexta-feira (21).

Em 2019, o governo do estado determinou uma redução média de 3,18% do valor do IPVA. Segundo a Secretaria da Fazenda, os valores são calculados conforme a variação de preços de mercado estipulada pela Fundação Instituto de Pesquisas Aplicáveis (Fipe).

Seguindo esse modelo, o imposto dos automóveis teve uma queda de 3,11%, enquanto o dos caminhões sofreu uma redução de 4,57%.

Os contribuintes que desejam pagar em cota única, em fevereiro, têm um desconto de 7% no valor. Os proprietários que optam por parcelar em até três vezes pagam o primeiro boleto em fevereiro, quitando o imposto nos meses subsequentes.

As datas de vencimento variam de acordo com a placa de cada veículo.
         Confira na tabela a seguir:
.

Segundo a Secretaria da Fazenda, os valores são calculados conforme a variação de preços de mercado estipulada pela Fundação Instituto de Pesquisas Aplicáveis (Fipe).

Seguindo esse modelo, o imposto dos automóveis teve uma queda de 3,11%, enquanto o dos caminhões sofreu uma queda de 4,57%.

Taxa dos Bombeiros poderá ser parcelada a partir de 2019 em PE

Decreto autorizando o parcelamento em até dez vezes foi publicado no Diário
Oficial do Estado na última sexta-feira (21). (G1 Caruaru e Região – Foto: Reprodução).

A partir de 2019, a Taxa de Prevenção e Extinção de Incêndio (TPEI), conhecida como Taxa dos Bombeiros, pode ser parcelada em até dez vezes. O decreto foi publicado no Diário Oficial do Estado da sexta-feira (21).

Segundo o texto, assinado pelo governador Paulo Câmara (PSB), a medida tem o objetivo de facilitar, ao contribuinte, a "regularização quanto ao cumprimento das obrigações tributárias, mediante a concessão de parcelamento do tributo".

Com a medida, a opção pelo parcelamento passa a ser considerada pelo governo a partir do momento em que o contribuinte comprove o pagamento do primeiro boleto.

O contribuinte também pode requerer o parcelamento do valor da taxa à Diretoria de Planejamento e Gestão do Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco. O formulário está disponível no site da corporação.

Caso o contribuinte não pague, o valor da taxa será acrescido de juros. Também será retirado o direito ao parcelamento, caso três parcelas consecutivas não sejam pagas.