quinta-feira, 4 de outubro de 2018

Às vésperas da eleição 2018, MPF pede nova condenação de Lula

Além de condenação, Ministério ainda cobra quase R$ 76 milhões de reais do ex-presidente.
Esse valor, segundo órgão, corresponderia a propina paga pela Odebretch a Lula. (Diário de Pernambuco).

Na tarde desta quinta-feira (4), o Ministério Público Federal enviou as alegações finais da ação penal sobre o Instituto Lula e um apartamento em São Bernardo do Campo. Nela, os procuradores da Operação Lava Jato pedem a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o perdimento do imóvel de R$ 504 mil (vizinho ao duplex onde reside o petista em São Bernardo), além do pagamento de multa superior a R$ 75 milhões. 

A Operação Lava Jato determinou que o ex-presidente responda por nove atos de corrupção passiva e por sete atos de lavagem de dinheiro. Os promotores também pedem a punição do seu advogado Roberto Teixeira, seu ex-ministro Antonio Palocci, Marcelo Odebretch e outras 4 pessoas. Os primeiros anos de pena de todos os acusados, segundo o Ministério, devem ser cumpridos em regime fechado.

No documento de 408 páginas, o Ministério Público Federal cobra de Lula R$ 75.434.399,44, que corresponderia "ao valor total da porcentagem da propina paga pelo Grupo Odebrecht em razão das contratações dos Consórcios Conpar, Refinaria Abreu e Lima, Terraplanagem Comperj, Odebei Plangás, Odebrei Flare, Odetech e Rio Paraguaçu".

Paulo se compromete com incentivo à pesquisa científica em PE

"Até o fim do ano, vamos dar os passos para que os ajustes legais necessários 
sejam feitos", destacou Câmara em reunião. (Folha de Pernambuco).

Em reunião realizada na manhã desta quinta-feira (04), numa cafeteria na capital pernambucana, Recife, com reitores, pesquisadores e professores universitários, o atual governador Paulo Câmara (PSB), candidato a reeleição este ano, assumiu compromisso formal de fomento a duas áreas importantes para o estado: a ciência e à inovação,

Acompanhado da candidata a vice-governadora, Luciana Santos (PCdoB), e do candidato a senador Humberto Costa (PT), o candidato debateu assuntos relacionados ao conhecimento científico e o apoio à pesquisa acadêmica. 

Uma das demandas do segmento é a possibilidade das universidades locais terem a oportunidade de concorrer aos editais estaduais de maneira conjunta. "Temos compromisso com a ciência, a tecnologia e a inovação. Não vamos esperar o novo mandato para atender a demanda do consórcio de universidades. Até o fim do ano, vamos dar os passos para que os ajustes legais necessários sejam feitos", asseverou Paulo.
.

Garanhuns: Saúde realiza mais de 700 atendimentos na zona rural

Mutirão realizado pela pasta comandada por Nilva Mendes, nesta quarta (3), 
beneficiou moradores dos Sítios Laje e Estivas. (Secom/PMG).

Com o intuito de atender os moradores do Sítio Lajes, localidade de cobertura da Unidade Básica de Saúde (UBS) Estivas, na área rural do município, a Secretaria Municipal de Saúde promoveu um mutirão de atendimentos, realizado na Escola Municipal Eline Campos de Siqueira, buscando ampliar a oferta dos serviços de saúde, com a detecção precoce e o controle de patologias da população.

Durante a oportunidade, foram disponibilizadas ações educativas e de promoção à saúde para cerca de 100 pessoas, totalizando mais de 700 procedimentos, com o apoio da equipe da UBS Estivas, do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf) e do Programa de Residência com ênfase em Saúde da População do Campo.

Foram realizados atendimentos médicos, de enfermagem, testes rápidos e vacinação. Os moradores também foram beneficiados com aferição de pressão arterial, auricoloterapia — que promove a regulação psíquico-orgânica por meio de estímulos nos pontos energéticos localizados na orelha, avaliação nutricional, testes de glicemia e atendimentos de saúde bucal com escovódromo e entrega de kits.

Entre as participantes, a gestante Crislene Santiago Miranda aproveitou a ação para procurar os atendimentos oferecidos. “Estou com sete meses de gravidez, e vim me consultar com o médico para poder me cuidar. Estou muito satisfeita com essa iniciativa”, finalizou a moradora.
.

.

.

.

Garanhuns segue aplicando vacina contra raiva em cães e gatos

Vacina segue disponível no Centro de Controle Ambiental, localizado na
rua Maria Bernadete Penante, S/N, Manoel Camelo. (Secom/PMG).

A Campanha Nacional de Vacinação Antirrábica Canina e Felina segue sendo realizada em Garanhuns, buscando evitar a circulação do vírus da raiva e prevenir a raiva humana. A meta do município é chegar até 17 mil cães e gatos (com idade superior a três meses) vacinados. A iniciativa vai prosseguir na área rural do município, buscando vacinar os animais que estão distribuídos em sítios e distritos.

No último sábado (29) a Secretaria Municipal de Saúde realizou, por meio do Centro de Controle Ambiental (CCA), o Dia D da campanha, em 23 pontos distribuídos da cidade. Só na data foram imunizados 15.863 animais. Com o número de vacinações realizadas ao longo do mês de setembro o número chega a 16.361 cães e gatos.

A vacina segue disponível no Centro de Controle Ambiental, localizado na rua Maria Bernadete Penante, S/N, Manoel Camelo. O horário de atendimento é das 07h às 13h. “A população está dando a resposta que esperávamos, a tendência é superar a nossa meta vacinal. Também vamos localizar os bairros em que a cobertura vacinal foi mais baixa, para assim para realizar outras ações de imunização”, afirma o coordenador do CCA, Paulo Valença. Outras informações, podem ser obtidas pelo telefone: (87) 3762-7024.

“Nos momentos mais decisivos, PE soube mudar”, afirma Armando

Na avaliação de Monteiro, eleição estadual caminha para uma disputa no 
segundo turno com o candidato do governo, Paulo Câmara. (Fotos: Léo Caldas)

Animado com a receptividade que tem recebido nas ruas, o senador Armando Monteiro Neto (PTB), candidato a governador pela coligação Pernambuco Vai Mudar, disse nesta quarta-feira (3) estar confiante no desejo de mudança expresso pela população em todos os lugares onde esteve, nos últimos meses, do litoral ao Sertão.

“Pernambuco já experimentou nos últimos três anos e meio um modelo de gestão deficiente e um governante fraco, que é bom de promessa e ruim de serviço. O governo Paulo Câmara não correspondeu às expetativas de Pernambuco”, disse. “Portanto, em momentos decisivos da nossa história, Pernambuco soube mudar”, acrescentou, durante caminhadas no Ibura, no Recife, e em Ponte dos Carvalhos, no Cabo de Santo Agostinho.

Na avaliação de Armando, Pernambuco caminha para uma disputa no segundo turno com o candidato do governo, Paulo Câmara, que tem feito ataques sistemáticos com mentiras e insinuações maldosas. “A rua está nos dizendo que vai ter segundo turno. O pernambucano quer dar uma chance à mudança, principalmente porque, com a mudança, todo mundo ganha, ninguém perde. Agora, se não mudar, fica tudo como está”, argumentou.

PRESIDENTE – Questionado pelos jornalistas sobre qual candidato receberia seu apoio na sucessão presidencial, Armando afirmou que, mais do que nomes, o importante é que, ao chegar ao governo, terá uma relação próxima com o futuro presidente. “Conheço todos de perto e vamos defender Pernambuco com qualquer um que assuma”, destaca.

Armando aproveitou para traçar um perfil do candidato que desejaria apoiar: “Tem que ter 100% de compromisso com a ordem democrática; tem que defender a estabilidade econômica, o controle da inflação para garantir a geração de emprego”. Além disso, acrescentou: “O candidato que quero precisa ter uma postura firme e compromisso em relação à segurança no nosso país; precisa valorizar a família; cuidar dos mais pobres; e precisa ser, acima de tudo, um patriota”.
.