quinta-feira, 5 de julho de 2018

Eleições: Ex-Marqueteiro de Eduardo aposta em vitória de Marília

Declaração de Édson Barbosa faz coro às pesquisas que apontam 
neta de Arraes como favorita para vencer o pleito. (Brasil 247).

Responsável pelo marketing dos dois governos do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB), o jornalista Édson Barbosa avalia que a eleição pernambucana deverá ser vencida pelo candidato do PT ao palácio do Campo das Princesas, a vereadora do Recife Marília Arraes. Para ele, a neta de Miguel Arraes possui atributos inexistentes no atual governador e candidato à reeleição, Paulo Câmara (PSB), bem como no senador Armando Monteiro (PTB), que é a capacidade de "sacudir" o Estado.

A declaração de Édson, faz coro às recentes pesquisas que apontam Marília como favorita para vencer o pleito, a despeito de uma ala do PT, que ainda tenta forjar uma aliança nacional com o PSB. Neste caso, o PT apoiaria a reeleição de Câmara e ganharia apoio em outros estados, como Minas Gerais. A aliança, porém, é considerada difícil, uma vez que o PSB apoiou o impeachment da presidente deposta Dilma Rousseff.

Detalhe importante: o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva vem repetindo a interlocutores que o PT terá candidato próprio ao governo de Pernambuco, o que reforça a tese de que Marília será mesma a candidata do partido no pleito de outubro.

Esportes e Lazer: Arena Social é inaugurada no bairro da Cohab I

“Essa ação, demonstra o compromisso do prefeito Izaías Régis com o social”, destaca 
Carlos Eugênio, Secretário de Juventude, Esportes e Lazer de Garanhuns. (Secom/PMG).

Foi inaugurado ontem, 4 de junho, nas imediações da Creche Lar da Criança Santa Maria, no bairro Severiano de Moraes Filho, a popular Cohab I, a Arena Social Cohab 1. Trata-se de uma Quadra de Esportes, que foi construída através de parcerias e contou com a participação de membros daquela comunidade, através de mutirões.

A Prefeitura de Garanhuns firmou uma parceria junto à Organização não Governamental Mundial Love Fútbol, que com recursos da Lei de Incentivo aos Esportes Estadual (Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer), captados junto a empresa Ferreira Costa Center, viabilizou, juntamente com a comunidade, a construção de uma quadra medindo 15x30 metros naquela localidade. “A Prefeitura cedeu o terreno; contribuiu na formatação e na liberação das licenças referentes ao projeto e arcará com as despesas de iluminação elétrica quando do funcionamento daquele espaço”, comentou o Prefeito Izaías.

Além da quadra de esportes, a comunidade também contará nos próximos dias com uma Pista de Cooper com cerca de 200 metros de comprimento; uma área para prática de esportes de areia e a instalação de bancos em alvenaria, bem como ações de jardinagem. “Todas as luminárias ao redor da praça foram substituídas por Led e também vamos reforçar a iluminação no interior daquele espaço público”, registrou Izaías, que complementou: “também já determinei a compra e instalação de um playground com brinquedos para as crianças e equipamentos de ginástica, a exemplo daqueles instalados no Parque Euclides Dourado, para adultos e idosos. Serão entregas pontuais. A Quadra de Esportes foi entregue nesta quarta; a Pista de Cooper, os espaços de convivência e a Quadra de Areia ainda neste mês e os equipamentos posteriormente, pois estamos realizando os processos licitatórios para a aquisição”, pontuou o Prefeito Izaías Régis.

O secretário de Juventude, Esporte e Lazer, Carlos Eugênio reforça a importância do espaço. “Trata-se de um projeto muito importante para a comunidade da Cohab 1. Essa ação demonstra o compromisso do prefeito Izaías Régis com o social, inclusive, já estamos trabalhando para firmar novas parcerias com a Ferreira Costa e a Love Fútbol para levar ações semelhantes para outras comunidades de Garanhuns”, conclui.
.

.

Atleta de Garanhuns conquista título nacional de Fisiculturismo

Em disputa na capital pernambucana, Recife, Karla Rocha ainda trouxe para
Garanhuns, o título de Top 3 na categoria Master. (Secom/PMG).

A atleta Karla Rocha, da Vip Academia, conquistou o título de Campeã Pernambucana 2018 1,58 Sênior durante o 1º Campeonato Estreantes & Estadual Recife de Fisiculturismo. Ela também trouxe para Garanhuns o Top 3 na categoria Máster durante o evento esportivo promovido no último domingo (01), no Centro de Convenções de Pernambuco, numa realização da Federação Pernambucana de Fisiculturismo e Fitness (FEPEFF).  

Karla Rocha é a primeira Atleta Miss Fitness de Garanhuns. Além dos recentes títulos, ela abocanhou, em 2017, os títulos de campeã Sênior, Máster e Overall, este último que reúne todas as categorias em disputa, também conhecida como Campeã das Campeãs. Ela também venceu a Wellness Categoria 1,58, no Campeonato de Estreantes IFBB Pernambuco, disputado no ano passado.

“Ela é muito disciplinada e um dia após a conquista já retomou os treinamentos. A nossa meta agora é o Campeonato Brasileiro, que será disputado no Rio de Janeiro no período de 20 a 22 deste mês”, registrou o técnico Gilson Albuquerque. No Brasileiro de Fisiculturismo são avaliados itens como a beleza, o percentual de gordura e a estética corporal das atletas, entre outros.
.

Peça censurada consegue dinheiro para se apresentar no FIG

Contribuições vieram de 112 pessoas oriundas de onze estados brasileiros diferentes. 
Local da apresentação ainda não foi divulgado, por medo de retaliações. (Folha de Pernambuco).

Dois dias após ter aberto uma página de financiamento coletivo, o grupo que está organizando por conta própria a vinda da peça "O Evangelho segundo Jesus, a Rainha do Céu" aqui para Garanhuns durante o 28º Festival de Inverno, canta vitória: já conseguiram arrecadar mais do que os R$ 6 mil reais, inicialmente pretendidos. 

"É a resposta do povo a essa decisão arbitrária do prefeito e do governo de Pernambuco", comemora o ator Joesile Cordeiro, um dos 50 membros do grupo responsável pela ação. No Facebook, o evento que divulga o movimento já congrega cerca de dois mil integrantes."Queremos desconstruir a versão da mídia de Garanhuns de que a população não quer que a peça aconteça. Esse recorte que eles apontam não representa o que está realmente acontecendo aqui", denuncia.

As contribuições vieram de 112 pessoas oriundas de onze estados brasileiros diferentes (inclusive de lugares geograficamente distantes do Agreste pernambucano, como Amazonas, Tocantins e Rio Grande do Sul). Agora que a meta inicial foi batida e já está garantido um valor para translado, hospedagem e alimentação da equipe cênica, a página vai continuar aberta durante os oito dias previstos.

"A atriz e sua equipe tinham se oferecido para vir de graça, por entender que esta era uma questão política essencial. Mas é mais que merecido que recebam um cachê. Além disso, há custos extras em relação à apresentação", adianta Joesile.
.

Segundo ele, o espetáculo não precisa de muitos recursos cenográficos, mas será necessário contratar serviços de logística e de segurança, já que a peça tem sido alvo de inúmeras expressões de intolerância. "Estamos printando e guardando ameaças que vêm sendo proferidas nas redes sociais, para tomar providências legais", destaca.

O grupo vem realizando visitas técnicas a vários espaços em Garanhuns, mas por enquanto prefere não divulgar onde o evento vai acontecer por temer retaliações. "O movimento tem sido muito bonito. Algumas pessoas chegaram a oferecer suas próprias casas para sediar o evento, mas a ideia é encontrar um local mais amplo, até porque a demanda será grande", adianta o ator, ouvido pelo Folha de Pernambuco. 

Joesile contou à reportagem da Folha de Pernambuco que o clima na cidade está delicado. "Quando o prefeito Izaías Régis se posicionou de forma tão veemente contra o espetáculo, terminou direcionando por tabela as pessoas a aderirem a um discurso de ódio que distorce tudo aquilo a que a peça se propõe", afirma. 

"Estamos lutando para sermos consideradas seres humanos, e vejo com muita felicidade essa movimentação dos artistas. Queria que esse movimento tivesse um grande alcance nacional, porque a gente não pode deixar que esse tipo de censura volte ao Brasil", disse a estrela da peça, a atriz transexual Renata Carvalho.
.

Paralelamente à movimentação, artistas vêm se mobilizando para definir que posição devem tomar em relação ao que consideram um ato de censura. Alguns devem protestar, outros pregam o boicote. Nesta terça-feira (3), o ator Cláudio Ferrário utilizou as redes sociais para anunciar que "como cidadão e artista, diante da censura, da truculência, do conservadorismo e da misoginia" do governo estadual, resolveu desistir de participar da leitura do romance "Bernarda Soledade", de Raimundo Carrero. 

"Como aceitar que um espetáculo licitado e aprovado para participar de um festival seja, simplesmente, retirado de cena por conta de arroubos de falsos censores da moralidade?", indaga Cláudio, para quem "ir a Garanhuns seria compactuar com tudo isso".
.

Entenda o caso e sua enorme repercussão - A polêmica envolvendo a peça teatral começou na última sexta-feira (29), um dia após a Secretaria Estadual de Cultura anunciar a programação do 28º Festival de Inverno de Garanhuns (cujo tema este ano, por ironia, é a liberdade). Após uma quebra de braço com o secretário Marcelino Granja, que queria manter o espetáculo, o prefeito Izaías Régis, alegando questões religiosas, proibiu que o Centro Cultural do município fosse utilizado na apresentação. 

No sábado, 30 de junho, por pressão do deputado federal pernambucano pelo Patriotas, Pastor Eurico (ligado à Assembleia de Deus), o governador Paulo Câmara (PSB) voltou atrás e cancelou a peça, dividindo opiniões e levando os artistas a se organizarem para combater a decisão, arrecadando verba para trazer a peça de forma independente.

A peça "O Evangelho segundo Jesus, Rainha do Céu" é estrelada pela atriz transexual Renata Carvalho, que faz uma releitura de Jesus como se ele vivesse nos dias atuais como uma travesti. O espetáculo foi impedido de ser apresentado anteriormente - duas vezes por ordem judicial, em Jundiaí (SP) e em Salvador (BA), e uma por ordem do pastor e prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, que da mesma forma que o prefeito de Garanhuns proibiu o uso de um espaço cênico municipal.
.

Garanhuns: Instituto Histórico terá vasta programação no FIG

Todas as ações, que serão abertas ao público, terão entrada gratuita e ocorrerão no 
casarão-sede e na área externa do Polo do Instituto. (Foto: Leonardo Ferreira / LF Stúdios).

Este ano, o Instituto Histórico, Geográfico e Cultural de Garanhuns (IHGCG) renovará sua participação na 28ª edição do Festival de Inverno (FIG) com uma programação especialmente preparada para o evento. Entre as ações, segundo informa o Instituto, contam-se mostras de artes plásticas, gastronomia e teatro, recital de canto gregoriano, lançamentos de livros e palestras sobre temas literários e históricos. 

A programação terá início já na sexta, dia 20, com apresentações teatrais a cargo dos alunos das redes privada e pública do município, a convite da Secretaria de Educação. No sábado, dia 21, ocorrerá o lançamento do primeiro número da Revista “Ruber”, do Instituto, contendo artigos de colaboradores, transcrições póstumas e relatórios institucionais. Na ocasião, além da presidente Ivonete Batista Xavier, fará uso da palavra o colaborador Michel Zaidan Filho, professor do Departamento de História da UFPE. 

No domingo, dia 22, o “Casarão de Souto Filho” receberá os religiosos do Mosteiro de São Bento para um belo recital de canto gregoriano. Já na segunda, dia 23, será a vez de os escritores Jodeval Duarte, Nivaldo Tenório e Paulo Gervais conversarem sobre a vida e a obra da escritora Luzinette Laporte, que nos deixou recentemente. Na ocasião, o Instituto e a Academia de Letras de Garanhuns prestarão uma homenagem à escritora. 

Luzinette Laporte ainda será homenageada no dia seguinte (terça, 24), na primeira incursão do Instituto na Praça da Palavra, a convite do SESC. Na quarta, dia 25, o escritor Ígor Cardoso fará palestra sobre o pesquisador Alfredo Leite Cavalcanti, por ocasião dos 50 anos de lançamento da clássica obra “História de Garanhuns”. 

Na quinta, dia 26, o Instituto fará nova incursão na Praça da Palavra, desta vez, com os sócios Carlos Guedes, Cláudio Gonçalves e Ivonete Xavier, que dialogarão sobre as “Imagens da Cidade”. Ainda na quinta, à noite, será realizada a aguardada palestra “A Bala e a Mitra”, da escritora Ana Maria César, sobre o trágico assassinato de Dom Expedito Lopes, ocorrido 61 anos atrás, no mesmo mês do FIG, julho de 1957. 

Na sexta, dia 27, em um dos pontos altos da programação, a imortal da Academia Pernambucana de Letras (APL), Luzilá Gonçalves Ferreira, que já foi homenageada pelo FIG, lançará o também bastante aguardado romance “Simoa e seu Avô Desalmado”, sobre a fundadora de Garanhuns, obra que vinha sendo produzida há três anos. 

Além disso, entre os dias 21 e 27 de julho, o projeto de gastronomia intitulado “Panela de Barro: Cultura no Prato”, sob a curadoria de Ana Cláudia Frazão, trará para o "quintal" do Instituto oficina com mestres louceiras; palestra e oficina com Timóteo Domingos, sobre o uso da palma na alimentação, com mostra e comercialização de produtos à base desse insumo; e diversas outras ações, que contarão com a participação, entre outros, de Adriana Borges, Celerino Carriconde e Diana Hores. 

Durante todo o evento, o Instituto ainda sediará uma mostra de artes plásticas dos artistas Jader e Maurilo Cysneiros, além de uma Feirinha de Livros, na qual serão disponibilizados títulos do programa editorial do Centro de Estudos de História Municipal, entre eles, os últimos exemplares da “História de Garanhuns”, de Alfredo Leite Cavalcanti. 

Todas as ações serão abertas ao público, terão entrada gratuita e ocorrerão no casarão-sede e na área externa do Polo IHGCG, localizado na Praça Dom Moura, nº. 44, no Centro, ao lado do antigo Fórum (Casa Galeria Galpão).
.

Confirmado: Titãs encerra Festival de Inverno no lugar de Maria Rita

Grupo se apresentará no Palco Mestre Dominguinhos, no dia 28 de julho, com um um show que 
destaca seus grandes sucessos. (Foto: Formação atual da banda, Silmara Ciuffa/Divulgação).

A banda Titãs, uma joia do rock brasileiro,  é a nova atração confirmada do Festival de Inverno de Garanhuns 2018. O grupo vai encerrar a programação do Palco Mestre Dominguinhos no dia 28/7, com um um show que destaca seus grandes sucessos e promete agradar as diversas gerações de fãs. A banda, substituirá a cantora Maria Rita.

O “repertório de qualidade inesgotável” como aponta a crítica especializada, reúne sucessos e criações seminais em 35 anos de carreira, incluindo agora o single “É Você”, da ópera rock Doze Flores Amarelas, uma balada de piano que já toca nas rádios de todo o país. O set ainda conta com grandes sucessos do grupo paulistano, como “Epitáfio”, “Flores”, “Sonífera Ilha”, entre outros.

Frente ao grande e crescente público, a banda se reinventa nos palcos ao trazer Tony Bellotto cantando três canções pela primeira vez na carreira, “Isso”, “Pra Dizer Adeus”, além de dividir os vocais em “Lugar Nenhum” com Beto Lee, que também inova e surpreende os espectadores ao cantar “Televisão”.

Sérgio Britto e Tony Bellotto, agora acompanhados por Beto Lee na guitarra, Mário Fabre na bateria e Lee Marcucci, que assume o baixo até o retorno de Branco Mello aos palcos, prometem muito rock no FIG 2018.

O 28º Festival de Inverno de Garanhuns – Um Viva à Liberdade é uma realização do Governo de Pernambuco (Secult e Fundarpe) e vai oferecer, de 19 a 28 de julho, mais de 500 atrações gratuitas em 21 polos de todas as linguagens artísticas.


Com morte de Uchoa, Cleiton Collins assume presidência da Alepe

Na vaga de Uchoa como deputado, assumiu o terceiro suplente da
coligação do PDT, Sérgio Leite (PSC). (JC Online – Foto: Roberto Soares/Alepe).

Diante da morte do presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, Guilherme Uchoa (PSC), a Casa será presidida interinamente pelo primeiro vice-presidente, pastor Cleiton Collins, atualmente integrando os quadros do Progressistas. Ele ficará durante o mês de julho e, em agosto, na volta do legislativo, no prazo em até cinco reuniões, deverá realizar uma nova eleição para vaga de presidente da casa.

Ainda assim, Cleiton ressaltou, na manhã da última terça-feira (3), que ainda vai avaliar o regimento interno da Alepe para ver se é necessário realizar uma nova eleição. "A gente assume e vamos ver o que o regimento diz. Vamos saber se precisa de eleição, pois faltam só cinco meses para terminar o mandato. Mas é um debate que não estamos com cabeça para fazer agora. Vamos fazer uma sessão de homenagem e decretamos luto de cinco dias", comentou o deputado, em entrevista ao Jornal do Commercio.

O pastor ainda destacou a trajetória de Uchoa. "Recebi a notícia da morte com bastante tristeza, pois Guilherme marcou muito esse estado, lutou muito pelo povo. Em todas as repartições em que trabalhou, aqui na Alepe, sempre um grande professor, tinha capacidade do diálogo, a paciência de ouvir, isso deixa a gente triste, deixa o Estado triste, mas Deus que sabe todas as coisas", disse Collins.

Na vaga de Uchoa como deputado estadual, assumiu o terceiro suplente Sérgio Leite (PSC). Ex-deputado, Sérgio fazia parte da coligação do PDT na época que Guilherme Uchoa foi eleito para o mandato que exercia, em 2016.