quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Inaugurada primeira Academia ao Ar Livre da cidade de Garanhuns

Izaías: “Com esse espaço, investimos na saúde preventiva e no desenvolvimento
de Garanhuns.  A população deve nos ajudar a tomar conta da academia”. (Secom/PMG)

A primeira Academia ao Ar Livre de Garanhuns foi inaugurada durante a noite desta terça-feira (26), no Parque Euclides Dourado. O evento contou com a presença do prefeito Izaías Régis, do vice-prefeito, Haroldo Vicente, vereadores e secretários municipais.  O momento também contou com uma grande participação popular.

O prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, ressaltou a importância de que cada um cuide do espaço que foi construído pensando na saúde e bem-estar da população. “Com esse espaço, investimos na saúde preventiva e no desenvolvimento de Garanhuns.  A população deve nos ajudar a tomar conta da academia. Todos nós devemos zelar pelo local, para que nós possamos juntos, fazer as coisas acontecerem em Garanhuns”, afirmou.

O secretário de Juventude, Esportes e Lazer, Carlos Eugênio, destacou a importância de promover um espaço de esportes para a população. “Além dos equipamentos, vamos ter profissionais de Educação Física que estarão disponíveis durante os três turnos, de segunda-feira a sábado. Esses servidores vão prestar orientações, podendo conduzir os exercícios das melhores formas possíveis, para que a população possa utilizar os equipamentos de forma adequada”, explicou.
.

A cabeleireira Maria Aparecida de Melo, de 55 anos de idade, caminha no Parque Euclides Dourado há mais de 30 anos e ressaltou que a academia irá beneficiar principalmente os idosos. “Essa academia chegou na hora certa para a população de Garanhuns. É muito bom para os idosos, porque a gente fazendo exercício vai poder cuidar da nossa saúde. É uma iniciativa muito boa para o povo”, finalizou.

A Academia ao Ar Livre funcionará nos horários das 5h às 21h de segunda a sexta-feira e nos sábados, domingos e feriados, das 5h às 19h. O espaço conta com 17 equipamentos, que poderão atender 44 pessoas por sessão. Os aparelhos atendem pessoas acima de 12 anos. Após a solenidade ocorreu uma ação especial do projeto Corpo, Saúde e Movimento, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Juventude e Esportes.
.

Garanhuns: Conselho de Desenvolvimento Rural será reestruturado

Restruturação do Conselho, virá após TAC acordado entre Ministério
Público de Pernambuco com a Prefeitura Municipal de Garanhuns. (MPPE).

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e o município de Garanhuns celebraram Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) para promover a estruturação e funcionamento efetivo do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural (CMDR). O conselho atende às demandas sociais e auxilia os agricultores a conquistar condições próprias para viver e trabalhar, contribuindo para um desenvolvimento rural sustentável.

Com a assinatura do termo, a gestão municipal de Garanhuns comprometeu-se, no prazo de 30 dias, a definir o espaço adequado para as reuniões do CMDR, conforme recomendado pelo MPPE, tendo como primeira alternativa o auditório da Escola Municipal Letácio de Brito, após confirmação da Secretaria Municipal de Educação.

Outra obrigação do TAC é o fornecimento de transporte para os conselheiros quando houver reuniões com as redes produtivas de feijão, ecoturismo, bovinocultura de leite e fruticulturas, que sejam gerenciadas pelo Programa Estadual de Apoio ao Pequeno Produtor Rural (Prorural), assim como encontros com representantes do Governo Federal, que se realizem fora do município no raio de 300 quilômetros.

A Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente de Garanhuns (SDRMA) deve manter, no mínimo, segundo foi acordado no TAC, um servidor do órgão à disposição diária do conselho na sede da Secretaria, como também ceder espaço da SDRMA para que arquivos do conselho sejam armazenados no local. Também deve ser promovida a capacitação dos conselheiros no início de cada gestão.

O TAC também obriga a Prefeitura a averiguar, junto à Autarquia de Ensino Superior de Garanhuns, a possibilidade de convênio com o CMDR, visando o apoio às associações rurais para regularização contábil e administrativa, de maneira que possam participar do conselho e dos projetos rurais.

Senado Federal cria Universidade do Agreste aqui em Garanhuns

Com a aprovação do relatório do senador Armando Monteiro, do PTB de PE, campus da Universidade
Federal Rural instalado no município, será transformado na UFAPE. (Foto: Ana Luiza Souza).

O plenário do Senado Federal aprovou na noite desta terça-feira, 27 de fevereiro, parecer do senador Armando Monteiro, do PTB pernambucano, projeto de lei criando a Universidade Federal do Agreste de Pernambuco (UFAPE), com sede aqui em Garanhuns. O projeto, que havia sido votado de manhã na Comissão de Educação, retorna agora ao exame final da Câmara dos Deputados, de onde se originou.

A UFAPE, cuja implantação está orçada em R$ 121 milhões, resultará do desmembramento do campus da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) em Garanhuns. "Apesar de ter havido avanços, o Nordeste necessita de maior oferta de cursos superiores. Com a UFAPE, estamos democratizando o maior acesso à educação universitária”, discursou Armando, no plenário da Casa. “Tenho certeza de que a comunidade do agreste vai comemorar com entusiasmo”, completou.

Em sua fala no Senando, Armando ainda assegurou que, “por um dever de justiça”, agradecia a colaboração na aprovação do projeto do ministro da Educação, Mendonça Filho do DEM aqui de Pernambuco, “que sempre foi sensível à iniciativa”. Enfatizou também, que a UFAPE será “um ativo estratégico no desenvolvimento de Pernambuco”.

O campus da UFRPE em Garanhuns, que será transformado na Universidade Federal do Agreste, oferece atualmente os cursos de veterinária, agronomia, ciência da computação, zootecnia, engenharia de alimentos e licenciatura em letras e em pedagogia.
.

Na Alepe: Álvaro Porto anuncia saída do PSD e retorno ao PTB

Ao longo de seu discurso feito na Assembleia neste terça (27), Porto destacou que retorno ao 
PTB se dá motivado pela candidatura do senador Armando Monteiro ao governo do estado.

O deputado Estadual Álvaro Porto anunciou nesta terça-feira sua despedida do PSD e o retorno ao PTB, sigla pela qual foi eleito em 2014. Em discurso na Assembleia Legislativa, informou que a carta de desfiliação foi entregue ao presidente do PSD, deputado federal André de Paula, nesta segunda-feira (26.02). A assinatura da ficha na legenda petebista acontecerá em ato festivo em Garanhuns, em data a ser definida.

Ao longo do discurso, Porto destacou que o retorno ao PTB se dá motivado pela aposta no projeto da candidatura do senador Armando Monteiro ao governo do estado. “Estar associado ao senador é estar ao lado de um nome que preenche requisitos que estão escassos em Pernambuco nos últimos anos, tais como: experiência no trato com a coisa pública, trânsito e reconhecimento nos diversos segmentos da política e da economia nacionais, pulso para assumir e comandar políticas públicas fundamentais para qualquer gestão, habilidade para dialogar e negociar, entre outros aspectos”, afirmou.

Contumaz crítico à falta de liderança e de comando do governador Paulo Câmara (PSB), Porto fez, ainda que indiretamente, um contraponto da trajetória do senador com a carreira do socialista, pré-candidato à reeleição. “Armando é um líder formado por anos de estrada na vida empresarial e na vida pública e, por ter este currículo, reúne condições inerentes e imprescindíveis às lideranças políticas”, disse.