sexta-feira, 3 de agosto de 2018

Em nova decisão, cúpula do PT barra candidatura de Marília Arraes

Ontem à noite, diretório do PT em Pernambuco chegou a aprovar a candidatura de Arraes,
criando assim, uma saia-justa para a cúpula da legenda. (Uol / Jamildo Melo – Foto: Avener Prado).

O Diretório Nacional do PT derrubou nesta sexta-feira (3), por 57 votos a 29, em São Paulo, capital paulista, um recurso que pedia a manutenção da candidatura própria ao governo de Pernambuco com Marília Arraes. O lançamento de Marília, vereadora em Recife e neta do ex-governador pernambucano Miguel Arraes, foi defendido por uma ala de dirigentes petistas insatisfeitos com o acordo de apoiar a reeleição de Paulo Câmara (PSB). 

Ontem à noite, o diretório do PT aqui em Pernambuco chegou a aprovar a candidatura da petista, criando uma saia-justa para a cúpula da legenda. A vereadora, inclusive, foi à reunião nacional hoje em São Paulo e disse, mais cedo, que estava no encontro para defender a decisão de Pernambuco, e não para debatê-la.

A determinação do PT para a retirada da candidatura de Marília faz parte de um acordo mais amplo com o PSB, que ficará neutro na disputa presidencial - na prática, isolando Ciro Gomes (PDT) no campo da centro-esquerda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário