sábado, 28 de julho de 2018

Izaías manifesta repúdio aos insultos de Johnny Hooker a Cristo

Em nota dirigida a imprensa, Prefeito se disse perplexo com palavrões e provocações 
contra a figura de Jesus proferidas pelo cantor na 9ª noite do FIG 2018. Confira:

"Vimos a público manifestar nosso repúdio às apresentações ofensivas e desrespeitosas que aconteceram nesta cidade durante a realização do 28º Festival de Inverno de Garanhuns. Aceitar esse tipo de apresentação é compactuar com o desrespeito.

Todos os anos assistimos apresentações belíssimas durante o Festival de Inverno, verdadeiras manifestações culturais, e que atraem turistas do Brasil inteiro.

No entanto, determinados acontecimentos vivenciados durante o 28º Festival de Inverno de Garanhuns têm diminuído a grandeza do evento. Artistas sem postura, desrespeitando seus próprios fãs e os cidadãos de Garanhuns, proferindo todo tipo de palavrões e hostilidade.

Manifestações e importantes debates no que diz respeito aos direitos de liberdade de expressão e liberdade de crença foram enaltecidos em Garanhuns nos últimos dias. Para nossa tristeza, alguns artistas se utilizaram desses mesmos direitos para fazer apologia à violência e à segregação.

Ontem, testemunhamos, perplexos, manifestações nocivas do cantor Johnny Hooker que proferiu palavrões, insultos e provocações contra símbolos religiosos. Reconhecemos que não se trata de um acontecimento isolado, infelizmente, durante a mesma semana, tivemos Daniela Mercury com o mesmo discurso de senso comum, simplista e arrogante.

Cantores - pagos com dinheiro público - que se preocupam mais em ofender pessoas e a religião alheia do que com sua música (que é o que realmente importa), não merecem respeito e tão pouco admiração, mas desprezo. Não podemos compactuar com práticas discriminatórias, nem com ofensas, seja em relação a gênero, orientação sexual, etnia, religião, ou qualquer outro tipo. Tentar impor uma perspectiva como sendo absoluta é epistemologicamente impossível.

Atentos a tal constatação, manifestamo-nos em completo repúdio a todo tipo de violência, seja direta, indireta, física, verbal, psicológica ou simbólica presenciadas durante o 28º Festival de Inverno de Garanhuns. Esperamos que esses episódios lamentáveis não caiam no esquecimento, mas que sirvam para lembrar que nós garanhuenses estamos aqui, merecemos respeito e um festival de qualidade."

Izaías Régis
Prefeito de Garanhuns

Abaixo, você confere vídeos, onde registramos as colocações do cantor Johnny Hooker, a que o Prefeito se refere em sua nota.

Veja:

Johnny Hooker entoa coro: “Ih ih ih, Jesus é travesti”.  É vaiado durante sua apresentação nesta sexta (27) no FIG e manda os autores das vaias enfiarem elas no "c..”

Cantor se dirigiu aos expectadores que assistiam a sua apresentação nos camarotes. Contra eles, Johnny ainda disparou: “Eu tenho certeza, que Whisky pago pelo dinheiro público não falta aí”. Polêmico, o artista ainda beijou o guitarrista de sua banda na boca.



Última atração a se apresentar na praça Mestre Dominguinhos na noite desta sexta-feira (27), no 28º Festival de Inverno de Garanhuns, o cantor pernambucano Johnny Hooker, usou palavras fortes para manifestar sua posição favorável a apresentação do monólogo O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu, aqui em Garanhuns.

Se o depoimento de Daniela Mercury no FIG contra a censura e em defesa da atriz trans Renata Carvalho, que protagoniza Cristo como travesti na peça, já havia sido duro e bastante inflamado, o que dizer então de ontem, quando Johnny Hooker esbravejou: “Jesus é transexual sim. Jesus é bicha sim, po... E como já disse brilhantemente Daniela Mercury aqui nesse palco: a Arte é pra livrar a cabeça da gente de mer..."

Nenhum comentário:

Postar um comentário