terça-feira, 10 de julho de 2018

Armando defende homenagem a PM que reagiu a assalto em ônibus

"Se eu fosse governador, a Polícia Militar estaria homenageando, esse herói, que arriscou 
a vida para salvar pessoas inocentes”, destaca Monteiro. (Foto: Divulgação)

O pré-candidato a governador de Pernambuco Armando Monteiro se posicionou em suas redes sociais de maneira firme, nesta terça-feira (10), defendendo que a Polícia Militar deveria prestar homenagens ao PM que frustrou uma tentativa de assalto a um ônibus, em Olinda, na noite da última segunda-feira, dia 9 de julho.

Durante a ação criminosa, o policial, que estava à paisana e de folga, evitou que os assaltantes roubassem os passageiros do coletivo que fazia a linha TI Pelópidas Silveira/Prefeitura do Recife. Um suspeito faleceu e outro foi apreendido.

"Se eu fosse governador, a Polícia Militar estaria homenageando esse herói, que arriscou a vida para salvar pessoas inocentes. Eu lamento pela mãe que perdeu o filho. Mas é preciso ter pulso firme nessa área de segurança", disse Armando. "Ontem, por exemplo, lá na cidade de Surubim, explodiram quatro agências bancárias. Os bandidos parecem que não temem mais a polícia. É preciso que os bandidos voltem a temer a polícia para que se leve o mínimo de segurança à população", ressaltou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário