segunda-feira, 11 de junho de 2018

De Armando para Bezerra Coelho: "Nosso projeto precisa de você"

Fala, diz respeito ao fato de Bezerra Coelho não ter sido o escolhido pelo Grupo Pernambuco 
vai Mudar, para postular o Governo do Estado. (Douglas Fernandes - Foto: Divulgação).

Anunciado como o nome que vai concorrer ao governo do Estado de Pernambuco pelo grupo das oposições intitulado agora de: “Pernambuco  vai mudar”, o senador Armando Monteiro Neto (PTB) começou o seu discurso, no evento da frente nesta segunda-feira (11), no Hotel Bugan, na capital pernambucana, Recife, sinalizando para o também senador Fernando Bezerra Coelho(MDB) que precisa do apoio do aliado, que por muito tempo era cotado para disputar o Palácio das Princesas nas eleições de outubro. O parlamentar voltou a criticar a gestão do governador Paulo Câmara (PSB), a quem chamou de “descaminho que aconteceu em Pernambuco a partir do ano de 2014.

“Eu sei que você em algum momento pretendeu e de forma legítima liderar esse projeto, mas as circunstâncias não permitiram que você esteja nessa posição”, disse o petebista, que acrescentou que o seu projeto necessita do “entusiasmo” de FBC. No evento, também foi oficializada a pré-candidatura do deputado federal Mendonça Filho, do Democratas, ao Senado Federal, sobrando duas vagas na composição do palanque oposicionista: a de vice e a segundo nome para o Senado.

Questionado sobre as conversas com partidos que atualmente integram a base de Paulo Câmara, a exemplo do PSC, do deputado André Ferreira, e do PP, presidio pelo deputado federal Eduardo da Fonte, Armando disse que “não não gostaria de fazer referência a nenhum partido especificamente, porque como eu já disse, nós estamos dialogando com vários partidos e diferentes atores políticos de Pernambuco”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário