terça-feira, 29 de maio de 2018

Postos de Garanhuns continuam sem combustíveis nas bombas

Na última sexta-feira, (25), dois postos da cidade chegaram a ser
abastecidos, mas a gasolina acabou ainda pela manhã. (VeC / TV Asa Branca).

A cada dia da greve nacional dos caminhoneiros, se agrava a situação de quem depende de combustível  para poder utilizar seu veículo para trabalhar. Muitos dependem dos veículos para o sustento da família como é o caso dos mototaxistas, motoristas de transporte alternativo, taxistas, entre outras diversas categorias.

Em Garanhuns, assim como no resto do estado, a situação é crítica. De acordo com reportagem exibida no AB TV 2ª Edição desta segunda, (28), não há combustível nos 12 postos percorridos pelo repórter Diogo Franco, da TV Asa Branca. Na última sexta (25), dois postos da cidade chegaram a ser abastecidos, mas a gasolina acabou ainda pela manhã.

Uma boa notícia é que na tarde de ontem, o governador Paulo Câmara esteve com o comandante militar do Nordeste, o general de Exército Artur Costa Moura, para planejar a saída de comboios com combustível para o Interior do Estado. Para o governador, a situação do interior é pior que a da capital, que já teve alguns postos abastecidos. 

Outra possibilidade de que seja equacionada a crise de combustível em Garanhuns e no estado é o encerramento da greve. De acordo com alguns caminhoneiros, a categoria está esperando a redução de 46 centavos no litro do diesel, anunciada neste domingo pelo Governo Federal, chegar de fato às bombas para poder voltar ao trabalho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário