quarta-feira, 30 de maio de 2018

Liminar: Justiça autoriza escolta de combustíveis para Garanhuns

Com liminar, Prefeitura de Garanhuns abastecerá frota que presta serviços essenciais, 
como Samu, transporte de pacientes crônicos e recolhimento do lixo doméstico. (Secom/PMG).

A Prefeitura Municipal de Garanhuns solicitou ao Poder Judiciário do Estado de Pernambuco, nesta segunda-feira, 28 de maio, medida judicial para garantir o fornecimento de combustível, diesel, álcool e gasolina aos veículos que são primordiais à manutenção dos serviços essenciais à população. Desde a última segunda (21), a cidade, e todo o país tem sido atingida pelo desabastecimento, em razão da greve nacional dos caminhoneiros.

De acordo com informações da Prefeitura Municipal de Garanhuns, a Justiça autorizou que o transporte dos combustíveis do Porto de Suape para Garanhuns, seja feito sob escolta. O município está dando ciência da decisão, agora pela manhã ao 71° Batalhão de Infantaria Motorizado de Garanhuns, para formalizar o cumprimento da decisão.

Serão abastecidos, assim, a frota que presta serviços, entre outros, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), transporte de pacientes crônicos, em tratamento de hemodiálise e sistema de recolhimento do lixo doméstico. Está autorizado o uso de força policial para quem impedir o cumprimento da medida. Quem insistir em obstruir a passagem dos caminhões com combustível, poderá pagar multa de R$ 50 mil, acrescida de R$2 mil de multa por hora parada dos veículos. O mandado foi assinado pelo juiz Rômulo Bastos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário