quarta-feira, 7 de março de 2018

"Nós Prefeitos, temos sofrido com esse Governador”, estoca Izaías

Queixa do Prefeito, foi apresentada no ato das Oposições, no último sábado (3) em Caruaru. Na ocasião 
Régis ainda disparou: “Ele nos persegue, e não entende, que o povo de Garanhuns é pernambucano”.

Quando esteve na capital do Agreste, Caruaru, semana passada, no sábado (3), integrando o 3º ato das oposições “Pernambuco quer Mudar”, conforme trouxemos aqui no Blog do Gidi Santos, o Prefeito de Garanhuns Izaías Régis (PTB), foi austero em seu posicionamento frente a forma como o atual Governo de Pernambuco, vem conduzido os segmentos de saúde e segurança aqui na cidade e em todo o estado.

De acordo com o Izaías, falta de tudo nos hospitais administrados pelo estado, inclusive simples fitas, que na prática, servem para diagnosticar o diabetes em pacientes que utilizam a rede pública de saúde. Segurança, outro tema criticado abertamente por parte de diversos Prefeitos pernambucanos, levou o chefe do Executivo local a revelar que, dos 40 policias militares destinados pelo governador Paulo Câmara em dezembro para reforçar a segurança em Garanhuns, apenas 5 seguem atuando na cidade.

Em Caruaru, Régis se disse satisfeito com a união de inúmeras lideranças politicas em torno de um projeto, cujo objetivo é o de protagonizar futuro para o estado. Apesar da celebração, o Prefeito garanhuense protestou contra o atual Governador Paulo Câmara. “Nós Prefeitos, todos de Pernambuco, temos sofrido o pão que o diabo amassou com esse governador. Ele nos persegue, e não entende, que o povo de Garanhuns é pernambucano. Ele não sabe o que quer e fica mentindo”, disparou Izaías.

Novo encontro - O grupo das oposições, “Pernambuco quer mudar” volta a se reunir no próximo dia 7 de abril, na cidade de Ipojuca, região metropolitana do Recife. Até lá, a expectativa fica por conta da definição dos nomes que encabeçarão a disputa na chapa majoritária para o senado e para o governo do estado. Nos bastidores, cogitasse que Armando disputa o Palácio do Campo das Princesas, ao tempo que Bruno Araújo (PSDB) e Mendonça Filho (DEM), devem postular as duas vagas em aberto para Senado Federal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário