quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Aberto ano letivo da Rede Municipal de Ensino de Garanhuns

Eliane Vilar, secretária de Educação de Garanhuns, durante cerimônia: “Esse ano, temos 
muitos ajustes e muito trabalho a conquistar”. (Secom/PMG – Fotos: Divulgação).

A Secretaria de Educação de Garanhuns (Seduc) realizou a cerimônia de abertura do ano letivo 2018 da Rede Municipal de Ensino na tarde dessa quarta-feira (07). O evento que teve como tema “Educar para transformar: um olhar para a educação municipal”, foi realizado no Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti e reuniu equipes gestoras e professores das escolas municipais, com o intuito de dar início ao desenvolvimento das atividades pedagógicas e apresentar um planejamento estratégico para o ano.

Durante a ocasião, estiveram presentes o vice-prefeito, Haroldo Vicente, a secretária de Educação, Eliane Vilar, a diretora de Ensino da Seduc, Claudia Oliveira, o vereador, Alcindo Correia, a professora, Ângela Maria Barros, e a diretora da Gerência Regional de Educação do Agreste Meridional (Gre), Adelma Elias, entre outras autoridades.

Na ocasião, diretora da Gerência Regional de Educação do Agreste Meridional, Adelma Elias, salientou a parceria entre estado e município. “Hoje é um dia que marca os inícios das atividades e ele foi reservado para acolher os profissionais da educação. Temos muita satisfação e respeito por todos esses servidores. O município de Garanhuns é significativo e tem a maior oferta de ensino público do Agreste Meridional e a Gerência estará sempre à disposição ao ensino municipal”, ressaltou.

Por sua vez, durante a cerimônia, a secretária de Educação, Eliane Vilar, afirmou que será feito tudo que for necessário para a educação de Garanhuns. “É um imenso prazer vivenciar este momento com todos que fazem a educação municipal em Garanhuns. Faremos o que for necessário para que os investimentos sejam para a educação e suas múltiplas necessidades. Em 2017, presenciei atos de comprometimento mesclados de amor. Esse ano, temos muitos ajustes e muito trabalho a conquistar”, assegurou Vilar.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário