terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Garanhuns: Prefeitura estabelece luto pela morte de Armando Filho

Em publicação no seu perfil no Facebook, o prefeito Izaías Régis (PTB), lamentou a morte do amigo. “Ele 
era um homem de inúmeras qualidades, um empresário e político extremamente ético”. (Secom/PMG).

A Prefeitura de Garanhuns, no Agreste Meridional do Estado, decretou luto oficial de três dias no município pela morte do empresário e político Armando Monteiro Filho*, pai do atual senador Armando Monteiro Neto, falecido hoje (02) pela manhã, em casa. Até a próxima quinta-feira (04), a bandeira de Garanhuns, em frente ao Palácio Celso Galvão, ficará hasteada a meio-mastro, assim como a de Pernambuco, já que o governador Paulo Câmara (PSB) também decretou luto em todo Estado.

O prefeito Izaías Régis, do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), em publicação no seu perfil no Facebook, lamentou a morte do amigo. “Ele era um homem de inúmeras qualidades, um empresário e político extremamente ético. Homem de posses, mas com uma humildade latente. Um excelente filho, excelente pai, excelente marido, me solidarizo com cada um da sua família nesse momento de extrema tristeza”, declarou o gestor, que seguiu para o Recife, onde vai acompanhar o velório.

*Armando Monteiro Filho foi ministro da Agricultura no governo de João Goulart, ainda na década de 60, cumpriu mandatos de deputado estadual e federal, sendo o mais votado em Pernambuco no ano de 1954.

Nenhum comentário:

Postar um comentário