terça-feira, 26 de dezembro de 2017

Musa: Andrea Amorim foi a autora do CD de A Magia do Natal 2017

Amorim: “O objetivo do Natal é a confraternização e o fomento ao amor genuíno. Com certeza este 
é o melhor Natal da minha vida, no qual estou tendo reconhecimento na minha cidade como nunca antes”.

Alguns detalhes fazem A Magia do Natal ainda mais diferenciado entre outras festas natalinas realizadas aqui no estado de Pernambuco. Além da intensa participação de artistas locais na programação em todos os polos de animação, o evento ganhou uma trilha sonora exclusiva com músicas natalinas. As composições de Andrea Amorim, cantora nascida aqui na cidade de Garanhuns, em parceria com músicos locais, assim como internacionais, estão presentes nas peças publicitárias e durante todo o percurso do já tradicional, Desfile de Papai Noel, que ocorreu até a última segunda-feira, dia 25 de dezembro.

Andrea, é importante atentar, é daquelas artistas que não conseguem parar quieta um só instante sequer. De um carisma contagiante, a jornalista ainda estuda Psicologia ao mesmo tempo em que realiza turnês internacionais, compõe e produz novos discos e canções. Natural da Cidade das Flores, já está próxima a comemorar 20 anos de carreira (em 2020) com os mais diversos estilos musicais no currículo artístico.

Este ano, a missão a ela confiada foi ainda maior: cantar a Ave Maria, às 18h ao vivo, na sacada da Prefeitura e compor 21 músicas com temática natalina para serem executadas durante A Magia do Natal, principalmente nos Desfiles de Papai Noel. “Foi o maior desafio da minha vida, com certeza, mas o fiz com minha alma. Fiz uma pesquisa bíblica, um cronograma de produção das letras, inseri os conhecimentos que adquiri nessa jornada para fazer um disco lúdico para todos terem acesso da mesma forma. Através de parcerias com os músicos Aldecy Souza e Dave Holmes (Inglaterra), o CD que leva o nome do evento se tornou realidade - com design de Doug Passos, e é vendido durante a programação.

“O objetivo do Natal é a confraternização e o fomento ao amor genuíno. Com certeza este é o melhor Natal da minha vida, no qual estou tendo reconhecimento na minha cidade como nunca antes. Me emociono a cada participação e agradeço a todos os envolvidos no que vem acontecendo. O carinho que eu recebo, não há dinheiro que pague”, diz Andrea.
.

Magia do Natal em Garanhuns realiza último desfile de Papai Noel

Após o desfile, sendo a penúltima atração da noite do Palco Prefeitura, o espetáculo "O Encanto da 
Flauta na Magia do Natal", emocionou a todos. Projeto é do artista Valdir Marino. (Secom/PMG).

A noite de Natal, celebrada aqui em Garanhuns, foi repleta de apresentações locais, com shows produzidos especialmente para a Magia do Natal. O Desfile do Papai Noel passou pela última vez na Avenida Santo Antônio e fez brilhar os olhos dos moradores e turistas que passaram pelo Centro, às 18h. Como em quase todas asocasiões, estiveram presentes o Prefeito Izaías, e seu vice, Haroldo Vicente. O Polo Infantil também recebeu sua última edição no fim da tarde desta segunda-feira (25) especial.

A Praça Souto Filho, a Fonte Luminosa, contou com uma plateia atenta, para as contações de histórias. O primeiro a se apresentar para as famílias que visitaram a praça foi Sandoval Ferreira, da Biblioteca Indústria do Conhecimento. Após Sandoval, foi a vez de Sthephany Metódio e Alexandre Revoredo, cantar e contar as “Histórias da Caixola”, encerrando com chave de ouro o último Polo Infantil da Magia do Natal 2017.

Às 18h, a cantora garanhuense, Andrea Amorim, cantou a música Ave Maria na sacada do Palácio Celso Galvão, para dá início ao último Desfile do Papai desta edição da Magia do Natal. Mais uma vez, a Avenida Santo Antônio se iluminou com os carros alegóricos e crianças que participam do desfile. Ao todo, 230 crianças se revezaram durante os sábados e domingos de novembro e dezembro no desfile. O encerramento trouxe belos momentos de emoção e confraternização, entre todos os participantes e organizadores.
.

No Palco Prefeitura, o espírito natalino tomou conta com apresentações de artistas locais. Alunas da Escola São Cristóvão, localizada no bairro da Liberdade, dançaram a versão de uma música natalina, abrindo a noite. Em seguida, veio o Reisado Juvenil Cultura de Garanhuns, formado por alunos da Escola de Referência em Ensino Médio (Erem) Virgem do Socorro e coordenado por Gonzaga de Garanhuns. A penúltima atração foi o espetáculo "O Encanto da Flauta na Magia do Natal", um projeto do artista Valdir Marino, em parceria com a pianista, Adriana Felipe, e o percussionista, Nino Alves. O show contou com músicas natalinas, contação de histórias e utilização de fantoches.

A cantora agradeceu a organização do evento por ter recebido a responsabilidade de produzir a trilha sonora oficial da Magia do Natal. “Eu tive a honra de preparar esse cd com 21 canções autorais, feitas com muito carinho e amor, com todo o meu coração. Foi uma idealização de Michelle Régis e eu sou muito grata a ela por ter me confiado este trabalho. Foi um dos maiores desafios da minha vida e um dos maiores presentes também”, relatou.
.

2018: Prefeitos de Olinda, Jaboatão e Cabo se aproximam de FBC

Aproximação, é um alerta para Paulo Câmara, já que essas cidades são determinantes 
nas urnas por serem grandes colégios eleitorais. (Rebeca Silva / Folha-PE).

Enquanto o Governo de Pernambuco, em sua frente política, através do Palácio das Princesas, está focado em conquistar os colégios eleitorais do interior, onde os oposicionistas têm forte inserção, focos de insatisfação com o governo Paulo Câmara (PSB) começam a surgir na Região Metropolitana do Recife. Em Olinda, o prefeito Professor Lupércio (SD) reclama da falta de mais espaço na administração socialista. Em Jaboatão dos Guararapes e no Cabo de Santo Agostinho, comenta-se, nos bastidores, que os gestores se queixam de "uma presença" mais ativa do chefe do Executivo estadual.

Anteontem, os três prestigiaram a entrega de título de cidadão cabense ao senador e pré-candidato ao Governo, Fernando Bezerra Coelho, que trava uma luta com Jarbas, pelo comando do PMDB, desafeto do PSB. A sintonia dos três gestores é tamanha que eles planejam, até mesmo, um encontro para debater as conjuntura do Estado em breve. A aproximação é um alerta para Paulo Câmara, já que essas cidades são determinantes nas urnas por serem grandes colégios eleitorais. Jaboatão, segundo maior em número de eleitores, tem 442.865 mil eleitores e Olinda e Cabo, 267.974 e 165.023, respectivamente.

Embora o Solidariedade faça parte da gestão do prefeito Geraldo Julio (PSB) e no Estado, Lupércio não tem espaço nas administrações. Os cargos ocupados na Secretaria Municipal de Saneamento são da cota do titular da pasta, Alberto Feitosa, e no Governo do Estado, na Jucepe e Procon são da cota do deputado federal Augusto Coutinho. “Quando falo que não tenho espaço é porque não tenho espaço com o governo, desde quando fui deputado estadual. Eu já vinha lutando em relação a isso. Mas isso não impede de ter meu apoio com relação ao governador”, externou Lupércio, em recente entrevista à Rádio Folha.

Governador de PE, sobre segurança em 2018: “Vai terminar melhor”

Em entrevista a TV Jornal, e ainda se referindo ao tema, Paulo defendeu que no próximo ano, 
índices de homicídio retornaram aos que foram registrados em 2014. (Amanda Miranda).

O governador Paulo Câmara (PSB) voltou a defender que haverá redução da violência em Pernambuco em 2018. Em entrevista ao cientista político Antônio Lavareda no programa 20 minutos, na TV Jornal, o socialista disse que prevê para o ano final do seu primeiro mandato uma queda no índice de homicídios que pode, para ele, levar o Pacto pela Vida ao patamar de 2014, quando começou a aumentar. Em números, significaria sair dos 5.030 assassinatos entre janeiro e outubro deste ano para 3.434 registrados ao longo de 2014.

“Dois mil e dezoito, como já está acontecendo em 2017, vai terminar melhor do que começamos”, prometeu o governador, que deve se candidatar à reeleição no ano que vem. “A gente tem condições de acabar 2018 com a violência em Pernambuco voltando aos números, que ainda vão ser altos, mas números de 2014. E mostrando o caminho de continuar avançando”, afirmou Câmara assegurando que o Pacto pela Vida, é um Programa de Segurança desenvolvido e executado com excelência..

Paulo Câmara enfatizou que a violência aumentou em todos o País e atribuiu o problema à crise econômica, que, segundo ele, tem atingido o Estado de forma mais severa. “Sabendo que isso é um problema nacional, sabendo que, enquanto nossas fronteiras continuarem muito abertas para drogas e armas, fica muito difícil evitar. Mas, com educação, buscando fazer prevenção e com polícia na rua fazendo repressão é possível realmente fazer com que a segurança em Pernambuco seja restabelecida”, afirmou.

O socialista ainda lembrou que houve uma greve da PM em 2014. “Uma greve é uma coisa muito séria. Uma greve na Policia Militar deixa muitas marcas, ela quebra a hierarquia, quebra a autoridade dos comandos. e isso foi restabelecido”, garantiu. Em 2016, já sob o governo de Paulo Câmara, os policiais ameaçaram novamente paralisar as atividades. O governador trocou a chefia da corporação.

DEM, vai testar nome de Rodrigo Maia para Presidente da República

Efraim Filho: "O Rodrigo tem os principais atributos que o legitimam a exercer essa função de 
candidato do centro: capacidade de diálogo, equilíbrio e serenidade para tomar decisões”.

O Democratas (DEM), antes PFL, trabalha para lançar o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (RJ), como candidato à Presidência da República em 2018. A legenda investe no discurso de que ele é o único candidato com capacidade de "reunificar" a política nacional, por ser hoje um dos poucos políticos com trânsito no governo e nos principais partidos da oposição (PT, PC do B e PDT), que o ajudaram a se eleger para o comando da Casa, além de manter boa relação com o Judiciário.

O lançamento da pré-candidatura já tem data para acontecer: 6 de fevereiro, quando está marcada a convenção nacional do DEM. Ao lançar Maia, a estratégia do partido é testar o nome do presidente da Câmara nas pesquisas eleitorais. O parlamentar fluminense tem dito a aliados que só aceita disputar o Palácio do Planalto se atingir pelo menos 10% das intenções de voto. Nos últimos levantamentos, ele ainda patina, com menos de 5%.

"O Rodrigo tem os principais atributos que o legitimam a exercer essa função de candidato do centro: capacidade de diálogo, equilíbrio e serenidade para tomar decisões. Hoje é um presidente respeitado pelo governo e pela oposição, mostrando vocação para romper esse clima de intolerância política que agita o País", diz o líder do DEM na Câmara, Efraim Filho (PB), um dos principais entusiastas da candidatura de Maia.

Em entrevista ao jornalista Roberto D’Avila, na Globonews, questionado sobre 2018 e as próximas eleições, Maia falou da importância da aprovação das reformas para o país. A primeira discussão da casa, ano que vem, será uma agenda de reforma completa do Estado brasileiro. A principal das reformas, defende Maia, continua sendo a da Previdência, que será debatida na Câmara Federal, em Brasília, no decorrer do mês de fevereiro.

       Abaixo, você confere a entrevista:

Em fala de Natal, Temer volta a defender reforma da Previdência

Michel: “Quero dizer uma palavra sobre a reforma da Previdência: não é uma questão 
ideológica ou partidária, é uma questão do futuro do país”. (Agência Brasil).

Em pronunciamento à nação, o presidente Michel Temer fez, nesse domingo, uma retrospectiva do ano e voltou a defender a aprovação da reforma da Previdência. Citando a Argentina, que, apesar de grandes protestos populares, aprovou, na última terça-feira (19), mudanças nas regras para aposentadoria, Temer disse acreditar que os parlamentares “não faltarão ao Brasil”. “Quero dizer uma palavra sobre a reforma da Previdência: não é uma questão ideológica ou partidária, é uma questão do futuro do país e para garantir que os aposentados de hoje e os de amanhã possam receber suas pensões”, disse Temer. “Tenho plena convicção de que nossos parlamentares darão o seu voto e o seu aval para que isso também aconteça aqui. Tenho certeza, eles não faltarão ao Brasil”, acrescentou ele.

Para Temer, 2017 foi um ano de “grandes desafios” e de “conquistas importantes”. Em cadeia nacional de rádio e televisão, o presidente afirmou que seu governo não adotou “modelos populistas” e conseguiu “resgatar” o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e “ampliar” programas sociais, além de recuperar a economia.

“O risco Brasil diminuiu e os investimentos estão de volta. A bolsa de valores registra alta após alta. O Produto Interno Bruto (PIB) também. A safra agrícola quebra recordes. A inflação está abaixo do piso. A balança comercial atingiu um superávit histórico. A indústria e o comércio dão sinais claros de revitalização”, destacou Temer.

“Daqui para frente, com a reforma trabalhista, o número de vagas, como tudo indica, será cada vez maior. Enquanto isso, já conseguimos baixar os preços dos alimentos e aumentar o poder de compra dos brasileiros. Está mais barato para comer, para vestir, para morar. Está mais barato para viver.”

O presidente disse ainda que o momento é de “esperança” e “otimismo”. “Estamos abrindo as portas para um 2018 de mais estabilidade, de mais empregos, de mais realizações. E agradeço a Deus por permitir que eu divida este momento com vocês”.