segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Professora cria projeto que visa contribuir na formação de identidade de crianças quilombolas em Garanhuns

Campanha é feita em site para realização do projeto "Contar Contos Quilombolas: do Livro 
para os Quadrinhos" na Escola Virgília Garcia Bessa, da comunidade Castainho. (G1).

Com o intuito de incentivar crianças quilombolas a conhecerem mais sobre as histórias da comunidade, uma professora de Garanhuns, no Agreste de Pernambuco, criou uma campanha em um site de financiamento em grupo (crowdfunding) para realização do projeto "Contar Contos Quilombolas: do Livro para os Quadrinhos". O projeto prevê a compra de livros infantojuvenis com temática das culturas e histórias afro-brasileiras e africanas para contribuir nas práticas de alfabetização e letramento dos estudantes. Também pretende ajudar na formação da identidade e do reconhecimento como quilombolas.

De acordo com a idealizadora, a professora Laene Vaz, da Escola Virgília Garcia Bessa, da comunidade quilombola Castainho, o projeto foi pensado para trabalhar com alunos dos anos iniciais e finais. "A ideia é trabalhar noções de pertencimento e também práticas de leitura e de escrita. Estamos precisando de livros e de materiais que serão utilizados na produção dos desenhos", destaca a mestre em letras.

"Quando o aluno tem contato com a história, ele ativa o imaginário. Além do contato simbólico, estarão em contato com elementos culturais de matrizes africanas. Os estudantes são coresponsáveis pelo aprendizado através de um livro artesanal. Eles terão um ganho imaterial e um ganho material", reforça a educadora.

As atividades acontecem durante o segundo semestre de 2017 e o primeiro semestre de 2018 com as turmas do 2°, 3°, 7°, 8° e 9° ano do Ensino Fundamental. As ações serão realizadas em dois momentos: o primeiro com atividades de contação dos livros adquiridos, permitindo o acesso a literatura. No segundo, os estudantes receberão oficinas de elaboração de Histórias em Quadrinhos (HQ's), pesquisar histórias da própria comunidade e desenvolver uma HQ com essas narrativas. Além dos livros, são solicitadas também canetas coloridas para serem usadas durante as oficinas.

O valor do projeto é R$ 2,593,98, sendo que até agora, apenas 21% do total foi arrecadado. É possível fazer doações em qualquer valor, até o dia 27 de setembro, através da plataforma de crowdfunding somosprofessores.org. A ONG "Somos Professores" foi criada para que as ideias dos docentes de escolas públicas possam sair do papel.
.

TCE de PE aprova prestação de contas do TJPE de 2015

Equipe técnica que fez a análise das contas, encontrou pequenas falhas, as quais, segundo 
conselheiro relator, foram devidamente sanadas quando da apresentação da defesa. (Fonte: TCE)

O Pleno do TCE aprovou na última quarta-feira (02) a prestação de contas de 2015 do Tribunal de Justiça do Estado e do Fundo Especial de Reaparelhamento e Modernização do Poder Judiciário de Pernambuco, que teve como interessado o desembargador e então presidente do órgão, Frederico Ricardo de Almeida Neves (foto acima).

O relator do processo foi o conselheiro Ranilson Ramos, cujo voto foi acolhido pela unanimidade do colegiado. Além de Frederico Neves, atuaram como gestores no período os desembargadores Fernando Eduardo de Miranda Ferreira e Leopoldo de Arruda Raposo.

A equipe técnica do TCE, que fez a análise das contas dos gestores, encontrou pequenas falhas de natureza apenas formal, as quais, segundo o conselheiro relator, foram devidamente sanadas quando da apresentação da defesa.

RECOMENDAÇÕES -  Em seu voto, Ranilson Ramos fez seis recomendações ao atual presidente do TJPE, ou a quem vier a sucedê-lo, no sentido de aprimorar as próximas prestações de contas que já estão sendo feitas por meio eletrônico.

A primeira, integrar as informações produzidas pelo setor de controle patrimonial com as informações geradas pelo setor contábil para permitir a atualização dos quantitativos físico-financeiros com vistas a servir de suporte contábil no subgrupo “Bens imóveis”.

A segunda, regularizar nos cartórios respectivos a situação dos atuais imóveis e, a terceira, revisar a documentação existente sobre a propriedade desses  imóveis por parte do Poder Judiciário. A quarta, providenciar a devida regularização dos imóveis cedidos ou doados, a quinta, cumprir as obrigações assumidas nos casos de doações onerosas. A sexta determina a elaboração de um cronograma para reavaliação dos imóveis em razão dos prazos definidos pela Portaria nº 548/2015 da Secretaria do Tesouro Nacional e, a sétima e última, monitorar quadrimestralmente a implementação do cronograma de reavaliação dos imóveis.
.

Garanhuns deve ganhar cultivo de uva e produção de vinhos

Informação foi confirmada durante evento realizado na tarde da última sexta, dia 4 de agosto, 
pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). (Fonte: Edméa Ubirajara/Secom/PMG).

A região de Garanhuns poderá ter cultivo de uvas e produção de vinhos comerciais. A informação foi confirmada durante evento realizado na tarde da última sexta (4), pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). Na Chácara Vale das Colinas, em Garanhuns, houve palestra, apresentação dos resultados das pesquisas sobre o potencial de produção de vinhos de altitude na região do agreste pernambucano e degustação de vinhos já produzidos localmente. Entre representantes de diversos municípios, estiveram Clebson Nunes, da Secretaria de Turismo e Cultura e João Paulo Sobral, secretário de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, ambos de Garanhuns. Os primeiros vinhos da região foram elaborados no Laboratório de Enologia da Embrapa Semiárido.

A Embrapa Semiárido, em parceria com o Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE) implantou e avaliou cultivares de uvas viníferas na cidade de Brejão-PE. E os resultados surpreenderam. A pesquisadora da Embrapa Patrícia Coelho de Souza Leão e o professor da UFRPE Mairon Moura da Silva apresentaram a palestra  “Comportamento Agronômico e potencial Enológico de Uvas Viníferas na Região de Garanhuns”. “Realizamos pesquisas de forma multidisciplinar, com a colaboração de muitos profissionais e estudantes e apresentamos hoje um vinho experimental, que tem possibilidade de se tornar comercial dentro de alguns anos”, disse Patrícia.
.

E a atividade é potencial na região. A também pesquisadora da Embrapa, Aline Telles Biasoto Marques, apresentou dados concretos sobre os vinhos elaborados a partir das uvas produzidas na área experimental, em Brejão-PE. O médico e empresário Michel Cavalcante, que acreditou no projeto, contou que há quatro anos já existia a intenção de plantar uvas e fabricar vinhos na Chácara Vale das Colinas. “Temos o clima, a altitude, vários pontos importantes para esta atividade. Além disso, não existe uma cidade só com vinícolas, toda uma cadeia cresce em conjunto”, afirmou.

A participação do Governo Municipal no evento foi destacada  pelo professor Mairon em sua fala. “Agradeço a presença das Secretarias, esse apoio é muito importante no processo. Não estamos aqui só desenvolvendo uma pesquisa, mas ultrapassamos as barreiras e saímos da instituição universitária”, ressaltou. A integração e o crescimento econômico que atividade pode trazer foram elogiados pelo secretário de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente. “É muito importante a iniciativa e estamos dispostos a contribuir. Representa uma possibilidade de uma nova de cultura, o plantio de uvas para a fabricação de vinhos, que acabará por contribuir para a economia e o turismo”, afirmou João Paulo.

Os vinhos apresentados para a degustação foram Cabernet Sauvignon, Malbec e Syrah, todos tintos, embora também tenham sido produzidos outros tipos da bebida, incluindo os brancos. Os testes terão continuidade e a possibilidade de produzir para venda comercial é real, de acordo com os técnicos da Embrapa e o empresário. 
.

Sebrae segue com inscrições abertas para trainees até 11 de agosto

Oportunidades são para ensino superior nas unidades da instituição na capital
pernambucana, Recife, Petrolina, Goiana e aqui em Garanhuns. (Fonte: Sebrae/PE).

O Sebrae/PE está com inscrições abertas para selecionar 14 trainees. O prazo será encerrado na próxima sexta-feira, dia 11 de agosto. Os benefícios oferecidos são: assistência médica (com coparticipação) e odontológica, plano de previdência privada (facultativa), seguro de vida, vale-transporte, vale-alimentação, auxílio atividade física e auxílio-creche para filhos com até 10 anos e 11 meses.

As 14 vagas para trainees são voltadas para candidatos que tenham concluído o ensino superior entre dezembro de 2014 e dezembro de 2016, sendo oito vagas para Recife, duas para Petrolina, duas para Garanhuns e duas para Goiana. As oportunidades são para recém-formados nos cursos de Design, Publicidade e Propaganda, Administração de Empresas, Administração com ênfase em Marketing, Ciências Contábeis, Ciências da Computação, Ciências Econômicas, Zootecnia e Veterinária. Confira edital no site da empresa organizadora: www.concepcaoconsultoria.com.br.

A seleção vai acontecer em três etapas: a análise curricular e documental, avaliação de conhecimentos e avaliação coletiva de habilidades e perfil. A taxa de inscrição custa R$ 100,00 e o salário oferecido é de R$ 3.829,70, com carga horária de 40 horas semanais.

Os Trainees participarão ainda de um Programa de Iniciação Profissional, desenvolvendo competências técnicas e comportamentais, com atuação nos diversos projetos e processos da área de negócios da instituição.
.

Secretaria de Juventude de PE realiza seleção simplificada

45 vagas estão sendo oferecidas, sendo que as inscrições, vão de 07 de agosto a 1 de
setembro deste ano e devem ser realizadas através do site da organizadora: o Instituto Darwin.

A Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, sob a gestão do secretário Roberto Franca, fará Seleção Pública Simplificada para a contratação temporária de 45 profissionais. São 45 vagas para os Núcleos de Mediação Institucional de Conflitos das Estações, no âmbito do Programa Governo Presente de Ações Integradas para Cidadania, um dos mais importantes do Governo Paulo Câmara. 

As inscrições vão de 07/08/2017 a 01/09/2017 e devem ser realizadas através do site da organizadora: Instituto Darwin (http://www.institutodarwin.org). No ato da inscrição, no referido site, o candidato deve anexar os documentos digitalizados exigidos no edital. O valor da taxa de inscrição, de acordo com o instituto responsável pela realização do certame, é de: R$ 40,00 (Nível Médio) / R$ 60,00 (Nível Superior).

Os cargos são os seguintes: Assistente de Mediação (8 vagas, salário de R$ 2.700), Mediador de Conflitos (35 vagas, salário de R$ 1.500) e Auxiliar Técnico de Mediação (2 vagas, salário de R$ 1.500). As vagas são para os núcleos do Recife, Jaboatão, Caruaru e Petrolina. O contrato vai vigorar pelo prazo de até 24 meses, podendo ser prorrogado, por iguais períodos, até o limite máximo de 6 anos. O Programa Governo Presente tem como objetivo reduzir os índices de criminalidade, dentro do Pacto pela Vida.
.