terça-feira, 27 de junho de 2017

Coligação impediu que Bruno da Luz fosse eleito vereador

Posto de 3º suplente, que Bruno ocupa atualmente, seria trocado pelo de vereador, no caso do 
PSDB ter coligado com o PSL. Givaldo Calado e o Prefeito Izaías, apoiaram a candidatura de Bruno.

Ano passado, assim como em eleições anteriores, a população, mesmo aquela parcela que não acompanha mais efetivamente política, se deu conta, de como funciona a chamada “eleição proporcional” para vereadores. A importância de uma coligação bem articulada, bem montada, para se chegar ao coeficiente eleitoral, que garante uma das vagas na Câmara, ficou mais evidente, quando ao serem contabilizados 100% dos votos válidos aqui em Garanhuns, Antônio Ferreira da Silva, o popular Tonho de Belo do Cal, do PSDB, foi eleito vereador, com apenas 669 votos.

Mesmo obtendo um número inferior de votos há alguns de seus atuais colegas vereadores, como por exemplo, Luzia da Saúde (2.916) e Gersinho Filho (2.836), Tonho foi eleito, já que sua coligação alcançou o coeficiente eleitoral necessário de 5.099 votos, para conquistar uma cadeira na Casa Raimundo de Moraes.

É, mas isso poderia ter sido diferente, já que Tonho e o PSDB, decidiram de última hora, seguir junto com o PTdoB, do Major Lucena, e excluir o PSL de Bruno da Luz da coligação: “Nós Amamos Garanhuns”, que foi a responsável pela eleição de Belo do Cal.

Na quinta-feira, um dia antes do prazo final para o fechamento das atas das coligações, estava tudo acordado, para que PTC, PSDB, PTdoB e PSL, formassem a coligação, no entanto, no dia seguinte, nos minutos finais do prazo, o PSDB acabou retirando o PSL e Bruno da formação inicial, o que causou muita surpresa, principalmente ao deputado Daniel Coelho, que dava como certa a formação dos tucanos com o PSL.

Com a posição adotada pelos tucanos, restou a Bruno e ao PSL, seguirem então para a coligação do PTB, formada pelas duas legendas, junto ao Partido dos Trabalhadores, o PT. Abertas as urnas, Bruno se sagrou 3º suplente da coligação, ficando atrás apenas, da Diretora Andréa Nunes, da Cohab 2, que obteve 1.235 votos, e do ex-secretário de Planejamento, Hélio Faustino que somou 847.

O posto de 3º suplente, que Bruno ocupa atualmente, seria trocado pelo de vereador, acaso o PSDB tivesse coligado com o PSL, pois para este caso, da Luz, com 830 votos, bateria Tonho, com 669, se tornando, portanto, o mais votado da coligação.

CONSULTAS FORAM EM GARANHUNS: Projeto Boa Visão entrega 3,2 mil óculos a estudantes do Agreste Pernambucano

Ao total, 50 voluntários estrangeiros de várias nacionalidades, ligados à Fundação Onesight, 
foram responsáveis pela fabricação dos óculos, que  estão sendo fornecidos pelo Lafepe.

Durante mutirão realizado aqui em Garanhuns, entre os dias 12 e 21 de junho, mais de 5,5 mil estudantes das redes estadual e municipal de 21 municípios do Agreste, passaram por consultas oftalmológicas. Desse total, 3.246 tiveram indicativo de uso de óculos, que estão sendo entregues, gratuitamente, para esse público.

As consultas em Garanhuns, foram feitas pela Fundação Altino Ventura (FAV), através do Projeto Boa Visão – Projeto esse, que é realizado em parceria, pelos Governos do estado e Município, por intermédio das secretarias estaduais de Saúde e Educação, Fundação Onesight, Lafepe, V Gerência Regional de Saúde (Geres – Garanhuns) e Secretaria de Saúde dos Municípios contemplados.

Aqui em Garanhuns, através do Projeto, estiveram médicos oftalmologistas, oftalmologistas pediatras, enfermeiros, assistentes sociais, técnicos em exames, assistentes oftalmológicos e tradutores, para atender aos alunos de mais de 50 escolas da região.

Ao total, 50 voluntários estrangeiros de várias nacionalidades, ligados à Fundação Onesight, foram responsáveis pela fabricação dos óculos, que também estão sendo fornecidos pelo Lafepe. Esses profissionais, vieram de países como: Estados Unidos, Itália, Peru, China, Inglaterra, México e Canadá, além do Brasil.
.

Atenção as datas e locais para vacinar seus animais contra raiva

Ação de vacinação, vai acontecer do dia 27 de junho até 12 de agosto. (Gabriela Ramos/SecomPMG).

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Centro de Controle Ambiental de Garanhuns, inicia amanhã (27) na comunidade do Castainho e no Sítio Estivas, a primeira etapa da Vacinação Antirrábica. A campanha será realizada nos distritos, na zona rural e em outros pontos da zona urbana e o cronograma segue até o dia 12 de agosto.

Os distritos de São Pedro, Miracica e Iratama; os sítios Cruz e Cachoeirinha e a comunidade Castainho também já têm datas marcadas para imunização dos animais de estimação. A vacinação assegura que os animais vacinados permaneçam protegidos por um ano e é destinada a cães e gatos a partir dos quatro meses de vida. A expectativa é que até agosto mais de 16 mil animais sejam vacinados no total.  

A segunda etapa, que terá cronograma divulgado em breve, pela Secretaria de Saúde do Município, ocorrerá subsequentemente priorizando áreas que, eventualmente, não tenham tido um bom percentual de cobertura vacinal e também no restante da zona rural. “Queremos atender a todo o município até o início de dezembro”, afirmou o diretor de Vigilância em Saúde, Marcos André.

A DOENÇA - A raiva é uma doença letal causando no paciente um quadro neurológico grave que evolui para óbito em poucos dias. A zoonose é transmitida pelo vírus rábico através de contatos com animais infectados (mordedura, arranhadura e lambedura).

CRONOGRAMA

28/06/2017 - Castainho (Unidade de Saúde) e Sítio Estivas
04/07/2017 - Massaranduba (Igreja do Pr. Miguel Argentino)
06/07/2017 - Miracica
11/07/2017 - Liberdade (PSF)
14/07/2017 - São Pedro (em frente à Igreja Católica)
18/07/2017 - Sítio Cachoeirinha
25/07/2017 - Várzea (Associação dos Moradores)
27/07/2017 - Iratama
01/08/2017 - Vale do Mundaú (Unidade de Saúde)
03/08/2017 - Sítio Cruz
12/08/2017 - Postos na zona urbana da cidade
(exceto as localidades já visitadas)
.

Prefeitura e Sebrae juntos pelo desenvolvimento de Garanhuns

Parceria entre órgãos, é para que o município tenha melhor desempenho econômico de 
forma sustentável. (Com informações e imagens de Edméa Ubirajara/Secom/PMG).

O prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, recebeu na manhã desta terça-feira (27) o gerente da Unidade de Políticas Públicas no Sebrae Pernambuco, Fernando Clímaco. O objetivo do encontro, articulado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, foi apresentar ao gestor municipal o programa Fortalecer Municípios, criado em parceria pelo Sebrae Pernambuco, a Frente Nacional dos Prefeitos e a União Europeia para apoiar 16 municípios de Pernambuco  a dar uma guinada na economia local.

Garanhuns foi escolhido por ser o melhor no ranking estadual do G100 (grupo que reúne cidades brasileiras com mais de 80 mil habitantes, baixa renda e alta vulnerabilidade socioeconômica). Também estiveram na reunião os secretários Janecélia Marins (Desenvolvimento Econômico), Mewitton Araújo (Governo e Articulação Política), Wellington Xavier (Executivo de Planejamento e Gestão), Jacqueline Menezes (Comunicação Social), além do auditor-fiscal do município, Thiago Soares.

De acordo com Fernando Clímaco, o G100 reúne em um ranking municípios de baixa receita corrente per capita e que tem ao mesmo tempo população elevada acima de 80 mil habitantes, o que cria grandes dificuldades de investimentos e serviços. O projeto apresentado hoje ao prefeito de Garanhuns é para ajudar o município a ter melhores resultados econômicos. “Queremos trabalhar no município de forma intensiva para que seja um caso de sucesso de Pernambuco. Temos a intenção de já em 2019, quando sai a atualização do índice, retirar Garanhuns dessa lista, fato que será de extrema importância para todo estado”, enfatiza.
.

Hospital Dom Moura receberá alunos de medicina da UPE durante os dois últimos anos do curso (o internato)

Desenho do internato, considerando as particularidades da rede, está pronto
e daqui para frente deverão ser estreitados as relações interinstitucionais.

Na última quinta-feira (22), a diretora dos campi da Universidade de Pernambuco (UPE) em Garanhuns, Caruaru, Salgueiro, Arcoverde e Serra Talhada, Rosângela Falcão, recebeu o atual diretor do Hospital Regional Dom Moura (HRDM), o Dr. Luiz, para tratar sobre as perspectivas do início do internato em 2018 na cidade de Garanhuns.

O curso de Medicina do campus da UPE aqui em Garanhuns conta com uma comissão de integração ensino-serviço que tem trabalhado de forma árdua desde agosto de 2016. O desenho do internato, considerando as particularidades da rede, está pronto e agora, de acordo a universidade, é o momento de estreitar as relações interinstitucionais para preparar os profissionais e avaliar as melhorias necessárias.

“A comissão formada pelas professoras Luiza Rayanna, Laura Rodrigues, Kátia Barros e Sinara Almeida, está fazendo um trabalho louvável, pois essa semana elas fizeram uma agenda para conversar pessoalmente com todos os profissionais do HRDM. Elas estão preparando um relatório técnico com todos os aspectos da rede e necessidades para que o internato ocorra na cidade”, declarou a professora Rosângela.
.

GOVERNO IZAÍAS: Secretaria de Saúde firma parceria com a UPE para receber alunos de medicina em aulas práticas

Objetivo da parceria, é tornar a rede municipal de Atenção Básica, Saúde Mental, Gestão, 
Urgência e Emergência, campo para atividades práticas do estágio obrigatório no próximo ano.

A diretora dos campi da Universidade de Pernambuco (UPE) em Garanhuns, Caruaru, Salgueiro, Arcoverde e Serra Talhada, Profa. Rosângela Falcão, foi recebida, ontem (26/06), pela nova secretária municipal de saúde de Garanhuns, Shisneyda Furtado, para firmar parceria para implementação do internato do curso de Medicina da instituição na cidade.

Desde a criação do curso de Medicina da UPE na cidade, a rede municipal de saúde é cenário para aulas práticas. Agora, o objetivo é tornar a rede municipal de Atenção Básica, Saúde Mental, Gestão, Urgência e Emergência campo para atividades práticas do estágio obrigatório no próximo ano. “Nossa meta é fazer com que nossos alunos façam todas as etapas do curso na nossa cidade”, afirmou a diretora.

Acompanharam a reunião as coordenadoras de Atenção Básica e de Educação Permanente do município, Cleide Batista e Fabíola Lins, respectivamente, além das professoras da UPE, Sinara Almeida e Laura Rodrigues.
.

Augusto César cobra recuperação de rodovia em Paranatama

Segundo deputado, a pista está intransitável, o que faz a agricultura 
e a pecuária locais sofrerem prejuízos. (Com informações e imagem da Alepe).

As más condições de estrada que dá acesso ao município de Paranatama, no Agreste Meridional, administrada pelo Prefeito Valmir do Leite (PSB), motivaram pronunciamento do deputado Augusto César, do PTB (foto acima), durante a Reunião Plenária desta terça, dia 27 na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). Augusto, cobrou a recuperação da rodovia, que, segundo ele, “está verdadeiramente intransitável”.

“Desde a gestão anterior que o Governo do Estado de Pernambuco faz promessas de recuperação, mas o máximo que fizeram foram ações tapa-buraco”, queixou-se. “No estado em que se encontra aquela via, os paliativos não adiantam mais. Somente um novo asfalto traria solução definitiva para a situação”, cobrou.

Segundo o parlamentar, a agricultura e a pecuária locais sofrem prejuízos com a precariedade da rodovia. “A população está com medo de transitar porque o trecho também se tornou atrativo para bandidos. Quanto tempo mais teremos que esperar?” indagou o deputado, nesta terça-feira, em seu pronunciamento.
.

Déficit financeiro de quase R$ 5 milhões de reais faz TCE recomendar rejeição das contas de 2014 da Prefeitura de Brejão

Além do déficit, entre outras irregularidades, o Tribunal identificou que não foram 
recolhidos quase R$ 700 mil reais de contribuição patronal. (Com informações do TCE).

A Segunda Câmara do TCE emitiu parecer prévio, no último dia 13, recomendando à Câmara Municipal de Brejão a rejeição das contas do ex-prefeito Ronaldo Ferreira de Melo (foto acima) referente ao exercício financeiro de 2014. O relator do processo n° 15100133-9 foi o conselheiro substituto Marcos Nóbrega.

Segundo o relatório técnico dos auditores, que fundamentou o voto do conselheiro, diversas irregularidades foram praticadas pelo então prefeito, sendo as mais graves as seguintes: comprometimento de 67,02% da receita corrente líquida com a folha de pessoal, quando o limite máximo é 54%; não recolhimento para o Regime Geral de Previdência Social de 42,90% das contribuições dos servidores e de 45,89% da contribuição patronal, totalizando R$ 684.974,00; descumprimento do parcelamento de débitos previdenciários referentes ao presente exercício e a exercícios anteriores e agravamento do déficit financeiro do município no montante de R$ 4.772.183,14.

“Apesar de não impor mácula às presentes contas, se considerado o fato, isoladamente, a constatação do elevado déficit financeiro do município, caracterizando grave desequilíbrio das contas públicas e descumprimento à Lei de Responsabilidade Fiscal, também contribuiu para a rejeição das contas em análise”, diz o voto do relator que foi acompanhado pela unanimidade dos conselheiros que compõem a Segunda Câmara.
.