quarta-feira, 1 de março de 2017

Governo de Garanhuns investe nos artistas locais para o Carnaval

Buscando valorizar o artista local, o Governo de Garanhuns, através da Secretaria de Turismo e Cultura,
credenciou cerca de 20 atrações para as apresentações nos três pólos instalados na cidade.

O Carnaval 2017 de Garanhuns chegou ao fim na tarde desta quarta-feira, dia 1. Após quatro dias de muita folia é hora dos garanhuenses retomarem suas atividades normais de trabalho. Buscando valorizar o artista local, o Governo de Garanhuns, através da Secretaria de Turismo e Cultura, credenciou cerca de 20 atrações municipais, para as apresentações nos três polos instalados aqui na cidade; um deles na Praça Dom Pedro II, na Boa Vista, outro no Magano e o último no Parque Euclides Dourado; o Parque Musical – novidade da Festa de Momo em Garanhuns este ano.

Durante o período momesco, a cidade acolheu a vinda de inúmeros turistas e foi contagiada através dos ritmos desta época; afoxé, maracatu, frevo, caboclinho e samba. No Magano, a festa ocorreu no sábado e domingo, dias 25 e 26, enquanto que na Boa Vista os festejos foram vivenciados na segunda e terça, 27 e 28 de fevereiro. Em ambos os pólos, Magano e Boa Vista, os shows iniciaram sempre as 13:30, percorrendo o dia e encerrando antes do anoitecer; as 17 horas. Kiara Ribeiro, Belinha Lisboa, Marcos Cabral, além de Evaristo e Banda, foram algumas das atrações do Carnaval de Garanhuns deste ano.

A novidade em 2017, ficou por conta do pólo Parque Musical, instalado no Parque Euclides Dourado. Por lá, sempre das 14 as 17 horas, a cada dia; um ritmo foi explorado pelos músicos que fazem parte da Orquestra Sinfônica Manoel Rabelo. No sábado teve MPB e música dos anos 80, com David Meneses e Josué Albuquerque; o domingo deu espaço para o Forró Pé-de-serra com Cláudio José, Tista e Kaká. Segunda-feira, foi a vez do Jazz e do Blus com os músicos Marcos Cabral, Lourinho, Fábio Alladin, John Arislan e Sérgio Marcus. Na terça (28), a missão de encerrar a primeira edição do novo pólo caiu sobre os ombros da cantora Geiice Gomes, ao som de muito Pop Rock.

Para tornar ainda mais atrativo o Parque Musical, a Secretaria de Turismo e Cultura promoveu uma edição especial da Feira no Parque. Cerca de 20 estandes estiveram a mostra nos dias em que os shows foram realizados. O espaço, montado no Parque Euclides Dourado, ofereceu artesanato, plantas, gastronomia e guloseimas; entre outros. 

Garanhuns realiza um Carnaval sem grandes ocorrências Policiais

Durante o período carnavalesco em Garanhuns, nenhum homicídio foi registrado nos pólos que receberam 
os festejos. Alguns chamados foram registrados pela PM, todavia, nenhum deles ligados ao evento.

Apesar da sensação de insegurança em que todos os garanhuenses, assim como os pernambucanos vivem atualmente, a folia de momo em Garanhuns não rendeu grande desordem ou arruaça. Mesmo com a Operação Padrão da Polícia Militar em curso, onde o efetivo militar lançado às ruas foi diminuído, já que os PM’s vem entregando o Programa de Jornada Extra de Serviço “PJES” e trabalhando em menor escala, alguns esperavam que a falta do policiamento extensivo em maior número, pudesse acarretar numa soma maior de registro de ocorrências durante a folia momesca na cidade.

Durante o período carnavalesco em Garanhuns, nenhum homicídio foi registrado nos pólos que receberam os festejos. No domingo (26), a Central de Operações do 9° BPM recebeu chamados relativos a violência doméstica, lesão corporal e tentativa de homicídio, todavia, nenhum deles ligados ao evento. Além dessas, também foram registradas ocorrências que dizem respeito a porte ilegal de munição, adulteração de chassi de veículo e invasão domiciliar. O caso mais grave, foi o de lesão corporal.

O clima seguro do carnaval deste ano, foi confirmado através de nota enviada à imprensa, pelo Comandante do 9º BPM, o Tenente Coronel Paulo César Cavalcante. De acordo com ele, o policiamento sob seu comando registrou presença nos bairros da Boa Vista, Magano, no Cristo, Parque Euclides Dourado e no Relógio das Flores. Durante os quatro dias, não houve registro de ocorrências de vulto nos focos carnavalescos da cidade. Pelo trabalho realizado nestes dias, o comandante declarou: "Externo meus agradecimentos aos oficiais e praças deste Batalhão, que com dedicação e compromisso, contribuíram para que Garanhuns tivesse um dos Carnavais mais tranquilos dos últimos anos”.

.

Carnaval em Garanhuns chega ao fim superando as expectativas

Evento impulsionou o turismo na cidade. Novo pólo, o Parque Musical, foi bem aceito pela população 
pelos visitantes. (Com informações e imagens de Daniela Batista e Aquiles Soares– Secom – PMG).

O último dia do Carnaval de Garanhuns deu continuidade à mistura de ritmos proposta este ano. Nesta terça-feira (28), o Parque Euclides Dourado recebeu a participação da cantora Geiici Gomes, que encantou o público com canções da Música Popular Brasileira. No Polo Boa Vista a festa foi comandada pela Orquestra Metais do Frevo, Escola de Samba Unidos de Santa Terezinha e Kiara Ribeiro. Para a Secretaria de Turismo e Cultura, responsável pelo evento, o sucesso de público representa a consolidação da folia na cidade.

Além de cantar MPB, a cantora de 21 anos, Geiici Gomes, presenteou a plateia com pop rock, músicas atuais e frevo, em comemoração à época. “Assim como quem veio aqui me prestigiar, também prefiro um carnaval mais tranquilo. Fico muito feliz em saber que existe festa para todos os gostos”, comenta a cantora Geiici, que também faz parte da Orquestra garanhuense Manoel Rabelo.

Um desses ávidos por tranquilidade foi o casal Salomé e Valdir Santos, que veio do Recife para usufruir da programação de Garanhuns durante o Carnaval. “Conhecemos a cidade há mais de 30 anos, mas é a primeira vez que viemos nesta época. Gostamos das festas que acontecem na capital, mas estamos adorando o Parque Musical. É totalmente diferente do que estamos acostumados”, relatou Salomé.
.

No Polo Boa Vista, a musicalidade foi diversificada. A Orquestra Metais do Frevo, regida pelo Maestro Lulinha, esquentou o público com músicas tradicionais da folia momesca. O repertório viajou entre o axé e o frevo. “É um prazer imenso tocarmos em casa. Assim, mesmo quem não pôde viajar teve a oportunidade de festejar o carnaval”, disse Francielly Araújo, vocalista do grupo. Em seguida,  a Escola de Samba Unidos de Santa Terezinha fez da Praça Dom Pedro II um sambódromo e ainda se uniu aos participantes do Centro de Referência em Assistência Social (Cras) do Heliópolis e do município de Iati.

Para encerrar com chave de ouro o Carnaval de Garanhuns, a cantora garanhuense Kiara Ribeiro cantou músicas de axé. É o terceiro ano no qual Kiara encerra o carnaval. “Fazemos um repertório cheio de clássicos da Bahia e é sempre muito especial. O público cresce a cada ano e a tendência é se tornar tradição na região. A Prefeitura de Garanhuns está de parabéns pela realização do evento”, comentou.

A secretária de Turismo e Cultura, Neile Barros, celebrou o sucesso da festa. “O evento superou nossas expectativas e impulsionou o turismo na cidade. O Parque Musical, no Parque Euclides Dourado, foi bem aceito pela população e pelos visitantes. Os polos localizados nos bairros também nos surpreenderam positivamente. Foi um grande público e a população contribuiu muito para que todos tivessem um carnaval em paz. Só temos a agradecer a toda a equipe que contribuiu para que o evento fosse de tanto sucesso”, disse.
.