domingo, 17 de dezembro de 2017

Rede Sustentabilidade desembarca do governo de Paulo Câmara

A partir de agora, de acordo com informações vindas da capital pernambucana, Partido fundado pela 
ex-senadora Marina Silva assume posição de independência. (Mariana Araújo / JC Online).

A Rede Sustentabilidade anunciou, ontem, sábado, 16 de dezembro, que desembarcará do governo de Paulo Câmara (PSB). A entrega dos cargos ocorrerá até o final do mês, informou a legenda. A decisão foi tomada em conferência estadual realizada também neste sábado (16). O secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Estado, Sérgio Xavier, anunciou o seu afastamento das atividades partidárias. "Resolvemos que teremos candidatura própria aos cargos majoritários em 2018. Por isso, vamos entregar os cargos até o final do ano, para fazer uma transição sem problemas e com transparência", disse Roberto Leandro, um dos representantes e o partido no Estado.

Entre os nomes cotados para a chapa majoritária, estão o do ex-prefeito de Petrolina, Julio Lossio, que deve deixar o PMDB e está em conversas avançadas com a Rede, o ex-superintendente do Ibama, João Arnaldo, o ex-deputado estadual Roberto Leandro e cantor gospel Jairinho. As candidaturas terão como objetivo fortalecer a candidatura à Presidência da República de Marina Silva. "Vamos continuar dialogando com o Partido Socialista Brasileiro, e outros partidos do campo democrático, além de movimentos da sociedade para fortalecer a candidatura de Marina Silva", acrescentou Roberto Leandro.

Na conferência, realizada na capital, ontem, a Rede também escolheu os seus novos porta-vozes, função equivalente à presidência: Clécio Araújo e Milena Reis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário