quarta-feira, 8 de novembro de 2017

PE: Copergás diz que privatização está fora da pauta da empresa

Companhia tem atualmente, o Estado de Pernambuco como sócio majoritário, com 51% das ações. A
Petrobras Gás S.A. (Gaspetro) e a Mitsui Gás e Energia do Brasil Ltda. possuem, cada uma, 24,5%. (Alepe).

Em Grande Expediente Especial promovido na última segunda, 6 de novembro, na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), representantes da Companhia Pernambucana de Gás (Copergás) e deputados estaduais da bancada governista não confirmaram a intenção de se privatizar a empresa. Com participação da sociedade civil, o debate foi motivado pela assinatura de um acordo de cooperação técnica entre o Estado e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para planejar ações e avaliar as condições do mercado e parcerias com o setor privado. A discussão deve ser tratada novamente nas comissões temáticas do Poder Legislativo em breve.

De acordo com a deputada Teresa Leitão (PT), que solicitou a reunião, a divulgação pelo BNDES, em julho, de um edital para contratação de estudo sobre a estruturação e desestatização da Copergás gerou receio de uma possível privatização. “A Copergás tem mostrado qualidade, eficiência e dá lucro.

Ela tem um papel estratégico importante e não prescinde do controle social”, disse a parlamentar, que presidiu a reunião. “Somos contra a privatização, pelo que apresenta e pelo que ainda pode fazer. Queremos que ela cresça como empresa pública, associada à função social que precisa ter”, acrescentou.

A companhia atualmente tem o Estado de Pernambuco como sócio majoritário, com 51% das ações. A Petrobras Gás S.A. (Gaspetro) e a Mitsui Gás e Energia do Brasil Ltda. possuem, cada uma, 24,5%. Representantes da Copergás no Grande Expediente Especial, Marcelo Barradas e Isabela Santana destacaram que a empresa atende 31 mil clientes e é a quarta maior do Brasil em movimentação de gás natural.
. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário