quarta-feira, 19 de julho de 2017

Temer adia vinda a cidade de Caruaru que ocorreria nesta quarta

Justificativa oficial é que o Gabinete de Segurança Institucional não conseguiu viabilizar 
a logística a tempo da solenidade nesta quarta. (Fonte: Blog do Diário / Foto: Beto Barreto/PR).

Marcelo Montanini - O presidente Michel Temer (PMDB) adiou a agenda em Caruaru, no Agreste Pernambucano com o ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB), nesta quarta-feira (19). O ato será, agora, no próximo dia 25 de julho, às 10 horas da manhã. O peemedebista vai realizar a entrega simbólica do primeiro Cartão Reforma do país, no principal reduto eleitoral do PSDB no estado de Pernambuco, comandada pela prefeita tucana Raquel Lyra, fazendo assim um afago a Araújo e aos tucanos.

A justificativa oficial é que o Gabinete de Segurança Institucional não conseguiu viabilizar a logística a tempo da solenidade nesta quarta. Mas, nos bastidores, comenta-se que a visita de Temer a líder do PSB na Câmara, Teresa Cristina (MS), ampliou o “mal-estar” com a cúpula nacional do PSB e inviabilizou momentaneamente a viagem do presidente.

Contatado, o Palácio do Planalto disse, no início da tarde desta terça, que, como a agenda não havia sido confirmada, não poderia ser cancelada e, portanto, a informação era que não havia previsão de programação. Contudo, lideranças tucanas no Estado já haviam sido avisadas de que Temer estaria em Caruaru nesta quarta-feira.

A visita é um gesto ao PSDB que vive um racha interno entre os que apoiam a manutenção do apoio a Temer e os que desejam desembarcar do seu governo. A pasta de Cidades é uma das mais visadas pelos partidos do “Centrão”. Mas, apesar disso, Pernambuco é o principal reduto do PSB e sua relação com o governador Paulo Câmara (PSB) neste momento é uma incógnita. Câmara tem feito um discurso alinhado com o do Planalto, porém tem mantido certa distância do presidente. O Palácio do Campo das Princesas disse que em momento algum foi contatado pelo Planalto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário