.

.

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Luzia trabalha para melhorar o trânsito no bairro da Boa Vista

Requerimento da vereadora, solicita a instalação de um sinal de trânsito no trecho que compreende o
cruzamento da Praça Dom Pedro II, com a rua Dr. Dourado, encontro com as ruas São Miguel e José Leitão.

        Um trânsito que escoe com facilidade, bem como não ofereça riscos eminentes de colisões. Esses foram os dois aspectos defendidos pela Vereadora Luzia Cordeiro, do PTB, a Luzia da Saúde, em requerimento de sua autoria, recém aprovado na Câmara, que busca a instalação de um semáforo no trecho que compreende o cruzamento da Praça Dom Pedro 2º, com a rua Dr. Dourado, no encontro que ocorre com as ruas São Miguel e Coronel José Leitão, na bairro da Boa Vista, aqui em Garanhuns.

O pedido de Luzia foi apresentado ao Plenário da Câmara no último dia 21 de junho, onde foi aprovado por unanimidade. A ideia da solicitação, é que a Autarquia Municipal de Segurança Trânsito e Transportes de Garanhuns (AMSTT), possa realizar um estudo de viabilidade para instalação do equipamento naquele local. Em se confirmado que o espaço oferece as condições viáveis, o órgão de trânsito, deve proceder com a colocação do sinal.

De acordo com Luzia, e com o que a vereadora defende em seu pedido, aquela área concentra um intenso fluxo de veículos, já que o cruzamento converge o trânsito entre três ruas do bairro. Segundo a Parlamentar, esses dois aspectos, somados a falta de uma sinalização semafórica, contribuem para um alto índice de acidentes. O requerimento segue agora, para apreciação do Prefeito Izaías, que é quem poderá fazer com quê a Autarquia Municipal de Trânsito execute os trabalhos de instalação.

“Aprovamos nosso pedido no plenário e esperamos que na prática, ele seja executado, pois com isso, estaremos contribuindo com o trânsito de nossa cidade, em especial com o da Boa Vista. Essas mudanças são necessárias para uma cidade como a nossa, que aumenta sua frota de veículos consideravelmente a cada ano”, assegura Luzia.
.

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário