.

.

segunda-feira, 26 de junho de 2017

VAI SE UNIR A ARMANDO: Antônio Campos vai para o “Podemos” para ser candidato a Deputado Federal em 2018

Antônio sobre o partido: “Aqui em Pernambuco, estamos dialogando com a força de oposição ao 
atual governo estadual e destacamos o senador Armando Monteiro (PTB)”. (Fonte: Jornal do Commercio).

O advogado Antônio Campos, que concorreu à prefeitura de Olinda pelo PSB e está sem partido, anunciou que irá se filiar ao Podemos (ex-PTN) no próximo sábado, 1º de julho, em uma cerimônia realizada em Brasília. No domingo (2), ele já participará da convenção nacional do partido em São Paulo e integrará o diretório da legenda. "Serei candidato à Câmara Federal em 2018", avisou.

Há alguns meses, Antônio Campos vem conversando com os dirigentes do Podemos, que em Pernambuco é presidido pelo deputado Ricardo Teobaldo. O parlamentar esteve na festa de aniversário do irmão do ex-governador Eduardo Campos realizada em Gravatá, no Agreste, neste fim de semana.

"O Podemos é a refundação do PTN com uma proposta jovem e inovadora. Aqui em Pernambuco, estamos dialogando com a força de oposição ao atual governo estadual e destacamos o senador Armando Monteiro (PTB). Vamos montar mais de 40 núcleos do Podemos no Estado", disse Antônio Campos.

Na festa, Antônio Campos reuniu políticos ligados à oposição ao grupo partidário do qual fez parte até pouco tempo. Ele recebeu Armando Monteiro, o ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB), e o líder da oposição ao governo Paulo Câmara (PSB), Silvio Costa Filho (PRB). Bruno é cotado como um possível rival do atual governador de Pernambuco.

A festa de Antônio Campos ainda teve a presença da ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Ana Arraes, mãe do advogado e de Eduardo Campos, e do presidente da Câmara de Vereadores de Olinda, Jorge Federal (PR). O vereador faz oposição ao prefeito Lupércio do Nascimento (SD), que derrotou o irmão de Eduardo Campos na eleição municipal do ano passado.

De acordo com Antônio Campos, o Podemos já tem um pré-candidato à presidência da República.  "Vamos lançar o senador Álvaro Dias, que está deixando o PV para se filiar ao Podemos. Iremos nos filiar juntos no sábado", afirmou.

Apesar do encontro em Gravatá ser festivo, Antônio Campos informou que houve muita conversa sobre política, mas não quis entrar em detalhes. "Falamos sobre a crise brasileira e os cenários para 2018", resumiu.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário