quarta-feira, 1 de março de 2017

Garanhuns realiza um Carnaval sem grandes ocorrências Policiais

Durante o período carnavalesco em Garanhuns, nenhum homicídio foi registrado nos pólos que receberam 
os festejos. Alguns chamados foram registrados pela PM, todavia, nenhum deles ligados ao evento.

Apesar da sensação de insegurança em que todos os garanhuenses, assim como os pernambucanos vivem atualmente, a folia de momo em Garanhuns não rendeu grande desordem ou arruaça. Mesmo com a Operação Padrão da Polícia Militar em curso, onde o efetivo militar lançado às ruas foi diminuído, já que os PM’s vem entregando o Programa de Jornada Extra de Serviço “PJES” e trabalhando em menor escala, alguns esperavam que a falta do policiamento extensivo em maior número, pudesse acarretar numa soma maior de registro de ocorrências durante a folia momesca na cidade.

Durante o período carnavalesco em Garanhuns, nenhum homicídio foi registrado nos pólos que receberam os festejos. No domingo (26), a Central de Operações do 9° BPM recebeu chamados relativos a violência doméstica, lesão corporal e tentativa de homicídio, todavia, nenhum deles ligados ao evento. Além dessas, também foram registradas ocorrências que dizem respeito a porte ilegal de munição, adulteração de chassi de veículo e invasão domiciliar. O caso mais grave, foi o de lesão corporal.

O clima seguro do carnaval deste ano, foi confirmado através de nota enviada à imprensa, pelo Comandante do 9º BPM, o Tenente Coronel Paulo César Cavalcante. De acordo com ele, o policiamento sob seu comando registrou presença nos bairros da Boa Vista, Magano, no Cristo, Parque Euclides Dourado e no Relógio das Flores. Durante os quatro dias, não houve registro de ocorrências de vulto nos focos carnavalescos da cidade. Pelo trabalho realizado nestes dias, o comandante declarou: "Externo meus agradecimentos aos oficiais e praças deste Batalhão, que com dedicação e compromisso, contribuíram para que Garanhuns tivesse um dos Carnavais mais tranquilos dos últimos anos”.

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário