segunda-feira, 20 de março de 2017

Armando defende Bruno Araújo e diz querer ser Governador de PE

“Deixa eu dizer com toda sinceridade. Eu gostaria de ser governador de Pernambuco. Eu me sentiria 
muito honrado se fosse convocado para ser candidato”, disse o Senador em entrevista ao TV JC.

Em entrevista ao Resenha Política, na última sexta-feira (17), o senador Armando Monteiro (PTB) defendeu o ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB) – que apareceu entre os primeiros citados na chamada “Delação do Fim do Mundo”. Armando, Bruno e o ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM), ensaiam a formação de um bloco de oposição ao governador Paulo Câmara (PSB), nas eleições 2018.

Na entrevista, Armando argumentou que é a favor da quebra do sigilo das delações, e que neste momento, não existem inquéritos. “De modo que o ministro Bruno, de nossa parte, e eu tenho certeza de que é a avaliação de todos os pernambucanos, é merecedor de nossa confiança, e segue sendo uma liderança do PSDB”, disse Armando.

Sobre uma eventual aliança com Bruno e o ministro da Educação, Mendonça Filho, do Democratas Pernambucano, rumo a 2018, ele afirmou: “Deixa eu dizer aqui com toda sinceridade. Eu gostaria de ser governador de Pernambuco. Eu me sentiria muito honrado se fosse convocado por essas forças para ser candidato”.

        Abaixo, confira a íntegra do programa, 
      transmitido Ao vivo pela TV JC todas as sextas.

          

Nenhum comentário:

Postar um comentário