sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Paulo recebe Rodrigo Maia, Presidente da Câmara dos Deputados

Câmara aproveitou o encontro e convidou Maia para participar da reunião dos governadores 
em Brasília, na próxima quarta-feira (15). ( Imprensa / PE / Foto: Wagner Ramos / SEI).

O governador Paulo Câmara recebeu, nesta sexta-feira (10.02), no Palácio do Campo das Princesas, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. Paulo aproveitou o encontro e convidou Maia para participar da reunião dos governadores em Brasília, na próxima quarta-feira (15/02). "Estamos em um momento delicado para o País e só vejo saída passando pela união nacional. Na próxima semana, vamos discutir projetos nacionais, que atingem todos os Estados. Tenho dito que um dos grandes desafios deste ano é a segurança pública e a questão do desemprego. Temos que nos unir, mas sempre observando as especificidades regionais", declarou Paulo Câmara.

O encontro da próxima semana ocorrerá na residência oficial do Governo do DF, na Capital Federal, a partir das 12h. Na pauta, as deliberações sobre a repatriação e a convalidação de incentivos fiscais. "Devemos articular para colocar em pauta a repatriação já na próxima quarta-feira. Já a convalidação é importante porque trata de empregos que foram gerados em quase todos os estados brasileiros. E muitos desses benefícios já vencem no próximo ano, e é um risco do Supremo tomar uma decisão e invalidar todos esses investimentos de grandes e médias empresas em todo o Brasil", afirmou Maia.

O presidente da Câmara dos Deputados disse, ainda, que os projetos têm muita chance de passarem na Casa. "A repatriação dará um fôlego neste primeiro semestre aos governadores e prefeitos, como deu no ano passado. Já a convalidação dá segurança jurídica para empresários que querem voltar a investir tenham tranquilidade para fazer esses investimentos com a  certeza de que não serão parados no meio do processo", complementou. Maia estava acompanhado na reunião dos deputados federais pernambucanos, Tadeu Alencar e Fernando Monteiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário