quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Governador de Pernambuco empossa novos Secretários Estaduais

Para o chefe do Executivo estadual, as mudanças trazem um novo gás para a equipe. Nesta quinta, 
o governador deu posse a três novos secretários estaduais e ao novo presidente de Suape.

O governador Paulo Câmara empossou, na tarde desta quinta-feira (19), no Palácio do Campo das Princesas, no Recife, três novos secretários, além do presidente do Complexo Industrial e Portuário de Suape. Para a pasta de Desenvolvimento Econômico, o chefe do Executivo estadual nomeou o vice governador Raul Henry (foto 1). Marcos Baptista (foto 2) assumiu Suape deixando a Secretaria de Habitação aos cuidados do gestor Bruno Lisboa (foto 3). Roberto Franca (foto 4) migrou da presidência da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) para a Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, em substituição ao deputado Isaltino Nascimento, que agora retorna para a Assembleia Legislativa de Pernambuco, onde assume a liderança do Governo.

Para o chefe do Executivo pernambucano, as mudanças são naturais e trazem um novo gás para a equipe. "São pessoas experientes, que tem compromisso público e a nossa confiança. As secretarias de Desenvolvimento Econômico, Social e Habitação, além de Suape, estão bem representadas e, com certeza, os novos gestores vão dar conta do recado", assegurou o governador. Paulo reiterou ainda que os recém empossados secretários darão continuidade às ações já iniciadas nas pastas. "Eles vão substituir pessoas que se dedicaram muito ao nosso Governo", completou.

Com uma larga experiência no campo econômico e na gestão pública, o vice governador Raul Henry afirmou que continuará trabalhando pelo Estado. Raul reafirmou que Pernambuco vai voltar a ocupar o lugar de protagonismo no cenário econômico do Nordeste. "Estamos em uma localização geográfica privilegiada, tem capital humano e a melhor escola pública do País. Então, nós temos um conjunto de condições estruturais e, com a volta da confiança, temos condições de sair dessa crise", pontuou Raul.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário