sábado, 16 de julho de 2016

ESTRUTURA: Festival contará com Camarote da Acessibilidade

Espaço é gratuito e funcionará mediante agendamento. (Secom – PMG)

Assim como no ano passado, o 26° Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) contará com Camarote da Acessibilidade. A estrutura, que visa fazer com que pessoas com deficiência física, visual, auditiva ou intelectual possam acompanhar os shows em um local apropriado, ficará localizado no principal polo do evento, a Praça Cultural Mestre Dominguinhos. O espaço, que é gratuito, comporta até 50 pessoas e contará com interpretes da Língua Brasileira de Sinais (Libras), banheiros químicos adaptados e rampa.

Em decorrência do limite de lotação, é necessário que os interessados realizem um agendamento prévio, que poderá ser feito pelos telefones: (87) 3762.7082 / (87) 99826.8961 / (87) 98127.8625, ou na própria sede da Casa dos Conselhos, localizada rua Ernesto Dourado, n°890, no bairro Heliópolis, das 8h às 14h. Para pessoas com deficiência auditiva, a solicitação de agendamento poderá ser feita por mensagem de texto (SMS) aos contatos telefônicos informados acima ou pelo seguinte e-mail: comudegaranhuns@hotmail.com - esses deverão aguardar em seu endereço eletrônico, a confirmação do agendamento.

Cada pessoa poderá, em seu primeiro agendamento, escolher até dois dias para o uso do espaço. A partir da disponibilização de vagas para outras pessoas, o interessado poderá solicitar outros dias. O agendamento iniciará na próxima segunda-feira (18) e segue até o último dia do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), no dia 30 de julho. O horário de funcionamento do Camarote da Acessibilidade será de acordo com o horário do início dos shows, sendo assim, a partir das 21h.

FIG 2016: Praça será fechada quando atingir sua lotação. Horários de encerramento dos shows seguem indefinidos

Discussão sobre os horários de encerramento dos shows deverá ser repassada a presidente da 
Fundarpe e ao secretário de Defesa Social do Estado para decisão final em até 48h. (Secom - PMG).

Com a finalidade de garantir a segurança do público que estará participando da 26ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) e definir detalhes sobre o evento, uma audiência pública foi realizada na manhã desta sexta-feira (15), na sede do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), em Garanhuns. Participaram da discussão representantes de órgãos públicos de segurança e trânsito, representantes das secretarias municipais e Fundação de Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe).

Na audiência, presidida pelos promotores Alexandre Bezerra e Marinalva Almeida, foi firmado um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), o qual consta diversas questões práticas relacionadas ao evento. Além de avaliar os êxitos conquistados no ano passado, algumas correções foram pontuadas na reunião. A primeira situação discutida foi a superlotação do espaço de realização do evento. Ficou acordado que a Praça Cultural Mestre Dominguinhos poderá ser fechada quando a capacidade de público for alcançada. A ação será de iniciativa da Polícia Militar.

Não será permitida a entrada de copos ou vasilhames de vidro no local do evento. A orientação é que os comerciantes de alimentos e bebidas sirvam os produtos em materiais descartáveis. A venda de produtos em pratos de vidro também é proibida, cabendo à Prefeitura a devida fiscalização. Em relação às barracas e camarotes, todos deverão ser abastecidos das 8h às 16h30, e a área terá que ser fechada, impreterivelmente, até às 17h.
.

Será proibida a entrada de menores de 18 anos de idade sem acompanhamento dos pais, responsáveis ou parentes ascendentes e descendentes colaterais até o terceiro grau. A fiscalização será realizada pelos educadores sociais, que estarão atuando por meio do Conselho Tutelar e Secretaria de Assistência Social, realizando, também, ações preventivas.

Assim como no ano passado, será montado o Espaço de Proteção, para as crianças que estiverem em situação de vulnerabilidade durante o evento. Ainda durante o FIG, o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) estará atuando de forma preventiva em situações de violação dos direitos das crianças e adolescentes.

Também ficou estabelecido, na audiência, que a Secretaria de Saúde disponibilizará serviço de urgência e emergência, com equipe especializada durante os dias do evento. Ainda no local, haverá uma equipe profissional, para atendimento ao consumidor, nos casos que envolvam questões sanitárias ou de ofensas à qualidade do serviço prestado.

Quanto ao horário do evento, durante os debates, a Fundarpe informou que os shows na Praça Cultural Mestre Dominguinhos e Palco Pop/Forró seriam encerrados conjuntamente às 2h, durante todos os dias do evento. Em contrapartida, a Polícia Militar (PM) esclareceu que o seu planejamento prevê o fim dos shows nos referidos palcos, de segunda a quinta-feira, às 1h, por dificuldade na formação da escala de serviço pelo déficit militar. A discussão deverá ser repassada ao presidente da Fundarpe e ao secretário de Defesa Social do Estado para decisão final em até 48h.
.

Paulo: "Pernambuco segue preparado para o Hub da Latam"

Apesar da suspensão momentânea do início do processo de implantação do centro de conexões da Latam no
Nordeste, a presidente da empresa assegurou que os planos da companhia não sofreram alterações.

O governador Paulo Câmara recebeu, na manhã da última quinta-feira (14.), no Palácio do Campo das Princesas, a presidente do Grupo Latam no Brasil, Claudia Sender, para a assinatura do protocolo de intenções que oficializa o voo que vai ligar Recife à Miami, a partir de 27 de setembro. No encontro, o gestor destacou a importância da realização de parcerias com a empresa, reiterando que o Estado oferece as melhores condições e a infraestrutura necessária para receber o hub que a companhia deseja implantar na Região Nordeste. A expectativa é que o centro de conexões do grupo proporcione a geração de 12 mil empregos, com um investimento de R$ 3,9 bilhões.

"Pernambuco segue preparado para receber o Hub da Latam no Nordeste. A gente sabe que o hub vai acontecer, pois é uma questão estratégica de desenvolvimento da aviação do Brasil", avaliou Paulo, pontuando que a administração estadual tem feito o "dever de casa" para atrair o empreendimento. "Pernambuco é um candidato fortíssimo", ressaltou. O governador frisou que a ampliação da malha aérea dialoga com o desenvolvimento estadual e regional. "Para isso é importante termos caminhos de conectividade, e a aviação está dentro dessa conectividade", completou Paulo. 

Apesar da suspensão momentânea do início do processo de implantação do centro de conexões da Latam no Nordeste, a presidente da empresa assegurou que os planos da companhia não sofreram alterações. "As tratativas continuam. Como o governador disse, a gente vem levantando as necessidades em cada uma das cidades. Mas essa é uma decisão que deve ficar um pouco mais para frente, dado o momento econômico que o País vive", explicou Claudia Sender. Ela afirmou ainda que o grupo acredita no potencial de crescimento do Brasil e do Nordeste. "O turismo tem um poder multiplicador que nós podemos aproveitar", completou a gestora. O grupo oferece serviços de transporte de passageiros para 138 destinos, em 25 países, e serviços de carga para 140 trechos, em 29 países.
.

575 MIL: Safadão ainda não doou cachê de seu show em Caruaru

Assessoria do cantor afirma que ainda está definindo os beneficiados e que Wesley somente 
deverá fazer o anúncio no final do mês de julho. (Fonte: Folha de Pernambuco).

Após 15 dias da polêmica sobre a contratação do show do cantor Wesley Safadão na festa junina promovida pela Prefeitura de Caruaru, ainda não há definição das instituições de caridade que receberão a promessa feita pelo artista de doar o cachê de R$ 575 mil pagos pela apresentação. No dia primeiro de julho, a gestão caruaruense anunciou que efetuou o pagamento pela apresentação, realizada no dia 25 de junho, no Pátio de Eventos Luiz Gonzaga. No entanto, a assessoria de Safadão afirma que ainda está definindo os beneficiados e que ele somente deverá fazer o anúncio no final deste mês.

Novela - A novela em torno da apresentação teve início quando três advogados do município do Agreste ingressaram com uma ação popular solicitando a suspensão do show de Wesley Safadão no São João da cidade. A justificativa era a suspeita de superfaturamento no cachê do cantor, que causava prejuízo aos cofres públicos do município. A ação tinha como base os valores negociados com o artista para uma apresentação no São João de Campina Grande, que seria de apenas R$ 195 mil. O valor foi contestado por representantes do cantor.

O pedido foi acatado em primeira instância pelo juiz José Fernando Santos de Souza que deferiu uma liminar suspendendo a apresentação. Em resposta a uma ação de agravo impetrada pela administração de Caruaru, o desembargador José Viana Ulisses revogou a liminar no mesmo dia. O magistrado alegou que os recursos utilizados para o pagamento do show estavam fora do orçamento do erário municipal e eram pagos por meio de patrocinadores privados, o que ia de encontro a queixa de que a apresentação trazia prejuízo aos cofres públicos.

O Ministério Público Federal (MPF) também entrou nas investigações sobre possíveis irregularidades na contratação do show e solicitou ao prefeito de Caruaru, José Queiroz, e à Fundação de Cultura do município explicações sobre a diferença dos cachês pagos por Caruaru e Campina Grande.

Mesmo com o imbróglio público, o show de Wesley Safadão foi realizado no dia 25 junho, durante os festejos juninos, com a garantia dada pela liminar do desembargador. No palco, o cantor anunciou o gesto de doar todo o valor do cachê da apresentação para instituições de caridade do município. Na época, a assessoria do cantor divulgou que estava levantando as instituições filantrópicas da cidade e que teria o auxílio do Ministério Público do Estado de Pernambuco (MPPE) para fazer o repasse.
.

Alunos da rede pública desenvolvem Aplicativo oficial do FIG 2016

O aplicativo, FIG 2016 Oficial, que está em seu segundo ano, já está disponível para 
download na Play Store (Android). (Fonte: Portal Cultura PE / Foto Jan Ribeiro).

Pelo segundo ano consecutivo, o maior festival de arte e cultura do estado conta com um aplicativo oficial elaborado a partir de uma aproximação entre as políticas públicas de Cultura e Educação. O app FIG 2016 Oficial foi desenvolvido por um grupo de estudantes da Escola Técnica Estadual Maria José Vasconcelos, em Bezerros. O coordenador do curso, Paulo Henrique Ramos, comemora o resultado da parceria: “Mais de 1.500 pessoas utilizaram o aplicativo no ano passado. Nossa expetativa para esta edição é dobrarmos este alcance, contando com o apoio da comunicação oficial do FIG e dos veículos de comunicação do estado”.

Para Antonieta Trindade, atualmente na vice presidência da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de PE (Fundarpe), “a tomada de decisão por renovar esta parceria reconhece o esforço de professores e estudantes da rede pública e, ao mesmo tempo, inspira novas ações articuladas entre as políticas públicas”. Ainda de acordo com Antonieta, a ação “reflete o quanto a tecnologia e o empreendedorismo podem colaborar para o sucesso de iniciativas que valorizem a cultura e o fazer criativos dos pernambucanos”.

Douglas Caio, com apenas 16 anos, integra novamente a equipe do aplicativo: “Saber que estamos contribuindo com a divulgação da nossa cultura é muito gratificante, ainda mais porque temos a oportunidade de aprimorar nossa formação profissional”. Também fazem parte do time de desenvolvedores os estudantes Bruno César, Douglas Pontes, Jéssica Alessandra, Rita de Cássia, Kélcio Mykel, Eduarda Torres, João Victor e Juliana Lemos, todos cursando o 3º ano de “Manutenção e Suporte em Informática”. O aplicativo FIG 2016 Oficial já está disponível para download na Play Store (Android). Nas demais plataformas, o app pode ser baixado no: app.vc/fig2016oficial.

Operação Lei Seca estará no Festival de Inverno de Garanhuns

Entre os dias 20 e 30 de julho, a OLS estará em Garanhuns e, a partir do dia 21 até 24,
os pontos serão montados em Serrita, no Sertão Central. (Fonte: Secretaria Estadual de Imprensa)

Com uma agenda intensa de eventos, o Interior de Pernambuco recebe - de forma mais intensa até o final do mês de julho - equipes educativas e de fiscalização da Operação Lei Seca (OLS). Bloqueios serão montados em locais estratégicos, próximos ao 26º Festival de Inverno de Garanhuns; Missa do Vaqueiro, em Serrita; e Exposerra 2017, em Serra Talhada. Montados em horários variados, os bloqueios abordarão motoristas e motociclistas que passarem pelos locais do evento.

Um trabalho de orientação também será realizado pelas equipes educativas, composta por pessoas com deficiência, cadeirantes ou muletantes que distribuem panfletos e folders informativos, além de seus depoimentos de vida. "Queremos evitar que ocorram acidentes de trânsito durante as festas, principalmente, pela associação do álcool e da direção. Os horários serão alternados, variando o tempo de permanência em cada uma dessas cidades, de acordo com agenda formatada em conjunto por vários órgãos de trânsito", comenta o coordenador da OLS em Pernambuco, Luciano Nunes.

Atualmente, o reforço está ocorrendo no Sertão do Pajeú, que recebe a Exposerra. As equipes ficam na Região até o dia 18 de julho. Ações em Belo Jardim, no agreste central, também ocorrerão no dia 19, junto com o Serviço Social do Transporte e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte de Caruaru. Entre os dias 20 e 30 de julho, a OLS estará em Garanhuns e, a partir do dia 21 até 24, os pontos serão montados em Serrita, no Sertão Central. As abordagens seguem até o final do mês.
.

DISPUTA PELA CAPITAL: Silvio Costa Filho é oficializado como vice de João Paulo para as eleições 2016

“Resolvemos compor a chapa com João Paulo porque entendemos que ele materializou um conjunto 
de realizações para a cidade”, defende Silvio. (Foto: Arthur Marrocos/Divulgação - Fonte: G1)

O deputado estadual Silvio Costa Filho, do Partido Republicano Brasileiro (PRB), foi oficializado como vice de João Paulo, do Partido dos Trabalhadores (PT), na chapa que irá disputar as eleições para a Prefeitura do Recife, em outubro deste ano. O anúncio foi feito em uma entrevista coletiva realizada nesta sexta-feira (15) na sede regional do PRB, localizada no bairro da Boa Vista, na área central da capital pernambucana.

O parlamentar, que é líder da bancada de oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), desistiu de lançar candidatura própria para concorrer ao pleito junto ao ex-prefeito do Recife. "Nossa avaliação foi que, se o nosso campo estivesse unido, seria mais estratégico para irmos para o segundo turno e ganharmos as eleições. Resolvemos compor a chapa com João Paulo porque entendemos que ele materializou um conjunto de realizações para a cidade. Entregamos a ele uma pauta programática para o Recife que será incorporada ao nosso programa de governo", explicou Silvio Costa Filho, ao ser lançado como vice de João Paulo, na Capital.

A aliança entre os dois partidos foi comemorada por João Paulo. “Foi um processo muito bom de convencimento de unidade das nossas forças. Silvio Costa Filho traz a juventude e sua experiência como deputado. Além do partido, ele traz o apoio de lideranças como o seu pai [o deputado federal Silvio Costa] e Armando [Monteiro Neto, senador], o que dá uma consistência maior para a nossa chapa”, afirmou.
.

João Paulo afastou qualquer possibilidade de mal-estar entre os dois partidos devido ao fato de o presidente do PRB, Marcos Pereira, ser ministro do governo interino de Michel Temer (PMDB). “O nome de Silvio Costa Filho como meu vice só foi fechado depois que o presidente nacional do PRB deu o aval. E não estamos disputando a Presidência da República, e sim uma eleição para prefeito, onde o que mais importa é o dia a dia da cidade”, ressaltou. De acordo com Silvio Costa Filho, não houve nenhuma dificuldade nesse sentido. "O presidente Marcos Pereira entende a cena política em Pernambuco e me deu total autonomia para conduzir o processo eleitoral no Recife", complementou o deputado.

Perfil - Formado em Pedagogia pela Universidade Católica de Pernambuco, Silvio Costa Filho encontra-se em seu terceiro mandato de deputado estadual, para o qual foi eleito com 67.791 votos em 2014. A trajetória política dele teve início em 2004, quando, aos 22 anos, elegeu-se vereador do Recife. Dois anos depois, foi eleito pela primeira vez como deputado estadual. Em 2007, foi vice-líder do governo Eduardo Campos e também Secretário de Turismo do Estado.

Aparecem ainda como pré-candidatos a Prefeitura do Recife: o atual Prefeito, Geraldo Júlio (PSB), o deputado Estadual, Edilson Silva (PSOL), o deputado Federal pelo PSDB, Daniel Coelho e a deputada estadual, Priscila Krause do DEM.