quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

GARANHUNS NO CLIMA: Comunidade da Várzea vivencia Natal Luz

A ação itinerante aconteceu na Rua Elis Regina e contou não somente com a presença, 
mas com a calorosa participação dos moradores da comunidade. (Secom – PMG).

Levando o clima natalino para mais próximo dos garanhuneses, o Natal Luz nos Bairros teve continuidade na última quarta-feira (30). Desta vez, a Várzea foi a comunidade contemplada com as atrações de Natal. A ação itinerante aconteceu na Rua Elis Regina e contou não somente com a presença, mas com a calorosa participação dos moradores. 

Abrindo a programação da noite, o cantor David Menezes trouxe o show “Canções para o Natal”, que contemplou em seu repertório grandes sucessos natalinos, como “Natal Todo Dia”, de Roupa Nova, e “Luz Divina”, de Roberto Carlos. O artista, que já tem mais de 20 anos de carreira, faz parte da Orquestra Manoel Rabelo. “Foi muito bom estar aqui. É sempre uma honra se apresentar no Natal de Garanhuns”, agradeceu o cantor.

Em seguida, o Coral da Várzea, formado por crianças assistidas no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) da comunidade se apresentaram. O grupo é formado por 15 crianças, que fazem parte da oficina de música do referido Cras. “Eles estavam muito ansiosos e até nervosos, porque aqui os familiares deles estarão todos presentes. Eu estou muito feliz, porque a gente vê o resultado tão lindo do trabalho que estamos fazendo. Aqui eles se divertem e também trazem diversão para quem está acompanhando a apresentação”, comentou a coordenadora do centro, Margareth Leite. O coral foi acompanhado pelo professor do Grupo de Violões do Cras Heliópolis. 

Para finalizar a programação da noite, foi a vez do Reisado do Erem Virgem do Socorro se apresentar. O grupo, formado por adolescentes, conta com a participação de integrantes do Reisado Reis do Oriente. “É um enriquecimento muito grande poder mesclar essas duas gerações e promover esse respeito e carinho mútuo. Além disso, é importante porque apresenta o trabalho cultural da escola e faz com que nossos alunos interajam com a comunidade, mantendo essa cultura do reisado sempre viva e fazendo isso com prazer”, reforçou a coordenadora do grupo, Kátia Pontes.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário