terça-feira, 2 de agosto de 2016

Mário Faustino entrega terreno ao Governador Paulo Câmara, para que nova Escola Técnica Estadual de Garanhuns seja erguida

No mês passado, Faustino viabilizou junto ao Governo Municipal de Garanhuns,
um espaço para que a ETE/Ariano Vilar Suassuna possa sair do papel.

Duas semanas atrás, o Governador Paulo Câmara esteve em Garanhuns cercado de lideranças políticas. Deputados, Prefeitos, Vice-prefeitos e diversos gestores públicos estiveram acompanhando a vinda da maior autoridade do estado de Pernambuco à Garanhuns, em razão da abertura da 26ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns, que teve este ano por parte do Governo do Estado, um investimento de R$ 6,5 milhões de reais.

Antes de abrir oficialmente o Fig, Paulo Câmara fez parada na sede do campus da Universidade de Pernambuco (UPE), aqui em Garanhuns. Lá, o Governador inaugurou juntamente com o reitor da Universidade, Prof. Pedro Falcão, e o diretor do campus da UPE em Garanhuns, Caruaru, Salgueiro, Serra Talhada e Arcoverde, Prof. Clóvis Gomes, a clínica-escola de psicologia “Lindair Ferreira de Araújo”, que além de um espaço de construção de saberes, servirá à prestação de serviços psicológicos à comunidade regional.

Na ocasião da inauguração, um momento em especial chamou a atenção dos presentes. É que o empresário e ex-vereador Mário Faustino (foto acima, a esquerda), que vem encampando algumas lutas por Garanhuns, mesmo sem deter mandato eletivo, cobrou do Governador a construção da Escola Técnica Estadual que o Governo pretende instalar aqui na cidade. Um dos entraves para construção da escola, de acordo com o próprio governador, se referia ao fato do Estado não possuir aqui na cidade, uma área com as dimensões necessárias para edificação da nova escola.

No mês passado, Faustino viabilizou junto ao Governo Municipal um espaço para que a ETE/Ariano Vilar Suassuna, possa sair do papel. Na UPE, Mário aproveitou a vinda do chefe do executivo estadual e, além de recepcioná-lo, entregou um documento onde o Governo de Garanhuns doa um terreno ao Estado para que a ETE seja erguida. Agora, de acordo com Faustino, técnicos da gestão Paulo Câmara devem vir em breve a Garanhuns para um estudo no terreno doado. Caso se confirme a viabilidade para instalação da escola na área cedida, o próximo passo, de acordo com Mário, será a execução da obra, já que segundo a Secretaria de Educação de Pernambuco, ela já está licitada.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário