sexta-feira, 1 de julho de 2016

Alceu Valença, Biquini Cavadão, Roupa Nova e Marisa Monte são alguns nomes que podem estar no Festival de Inverno deste ano

O Prefeito não confirmou, mas técnicos da Prefeitura adiantaram que Roupa Nova ou Marisa Monte 
devem estar na programação do dia 22. Já a banda Biquini Cavadão pode encerar o evento no dia 30.

Essa é destaque no Blog do Jornalista Carlos Eugênio

A programação oficial do 26º Festival de Inverno de Garanhuns deverá ser divulgada até o próximo dia 10 de julho, faltando apenas 11 dias para o inicio do Evento, que neste ano acontece entre os dias 21 e 30 de julho. A informação foi repassada pelo Prefeito Izaías Régis (PTB), após reunião com técnicos do Governo do Estado. “Estamos trabalhando com a hipótese de contratarmos Roupa Nova ou Marisa Monte e Biquini Cavadão, porém estamos aguardando a posição do Ministério Público sobre as denuncias vazias dos Vereadores da Oposição para que tenhamos um Festival ainda mais bonito, incrementando a excelente programação que o Estado esta preparando”, registrou o Prefeito Izaías Régis.

O Prefeito não confirmou, mas técnicos da Prefeitura já adiantaram que Roupa Nova ou Marisa Monte estariam na programação do dia 22. Já a banda Biquini Cavadão fecharia a programação artística do Evento, no sábado, dia 30 de julho, mantendo a tradição de uma atração do segmento de pop rock encerrando o Festival de Inverno. Especulações também apontam que artistas como Fagner, Alcione, Zeca Baleiro, Fafá de Belém, Elba Ramalho e Alceu Valença devem integrar a programação, formatada pelo Governo do Estado, que já anunciou que a grade artística será composta por artistas nordestinos. O FIG deste ano homenageará Naná Vasconcelos.
.

MONTAGEM DA ESTRUTURA – E parte da estrutura do FIG já começa a ser montada. Os trabalhos dos camarotes da Praça Mestre Dominguinhos já foram iniciados, já os palcos nos polos do FIG deverão começar a ser montados no próximo dia 5. Diante dos cortes nos investimentos dos recursos para o 26º FIG, que chegam a cerca de 30% em relação à edição de 2015 (de R$ 7,8 milhões em 2015 para R$ 5,4 milhões neste ano), a estrutura do Evento terá alguns rearranjos. 

O palco do parque Euclides Dourado será utilizado para poupar a montagem de outros. O polo circense terá a montagem da lona, mas economizará energia elétrica e segurança. Já o Pavilhão do Artesanato será excluído e a atividade utilizará a estrutura local do Sebrae; apresentações de artes cênicas serão transferidas para o Centro Cultural. Já a Praça da Palavra utilizará o prédio da biblioteca da Prefeitura de Garanhuns, que fica localizada no Parque Euclides Dourado. Por fim, o pavilhão que abrigava shows de música pop e forró será reduzido ao palco, eliminando coberta e piso. “Assim, estamos diminuindo uma enormidade de custos, uma economia de R$ 2,4 milhões”, afirma o Secretário de Cultura do estado de Pernambuco, Marcelino Granja.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário