sábado, 4 de junho de 2016

PSDB e DEM de Garanhuns mais próximos de fechar coligação

Com o cerco fechando, partidos que habitualmente fazem parte de coligações robustas tendem a 
dissipar, já que o PSDB e o DEM, trazem duas boas configurações de pré-candidatos.

          As eleições de 2 de outubro se aproximam e com elas, surgem, naturalmente, as identificações entre os partidos. Nos bastidores da política local, circulam diversas informações quanto as formações de coligações. Falam-se até em grandes chapões, tanto do lado oposicionista, quanto do lado governista do Prefeito Izaías, o que seria, de acordo com alguns articuladores políticos, uma desastre, já que esses “chapões”, exigem dos candidatos que pleiteiam uma vaga na câmara municipal, um maior número de votos.

De certo, temos uma ampla aproximação entre o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), de Ivan Júnior e Rafael Peixoto, com o Democratas, do boa praça, Bombeiro Militar, Damásio Cardoso, e claro, da pré-candidata a Prefeita de Garanhuns, Claudomira Andrade. Ambos presidentes, Rafael (PSDB) e Damásio do DEM, não confirmam, mas é notória a evolução das conversas, no sentido de formar uma forte coligação, onde além do PSDB e DEM, podem estar presentes na composição, SD e PTC. Esta semana, os dois partidos estiveram reunidos em um almoço, onde um alinhamento ficou claro, no que concerne as programáticas de cada legenda.

Com o cerco fechando, partidos que habitualmente fazem parte de coligações robustas tendem a dissipar, já que o PSDB e o DEM, de acordo com analistas e articuladores políticos locais, trazem duas grandes e boas configurações de pré-candidatos. No PSDB, por exemplo, há o já experiente e campeão de votos, Tonho de Bela, que na última corrida eleitoral obteve 1.059 votos. Há também, nomes como o de Roberto Pereira, 801 votos no pleito passado, Lincoln Cardoso, filho do Deputado, já falecido, José Cardoso, a advogada e professora Christiny Mary, Paizinho e Luiz Andrade da 87 FM, o “Lasca Luiz”.

No Dem, de acordo com o que levantamos, a densidade eleitoral será alavancada pelo próprio Damásio que não concorre este ano há uma vaga na Câmara, da pré-candidata, Claudomira Andrade, além dos que devem concorrer a vagas na Casa Raimundo de Moraes, Adamec Alves, filho do radialista falecido Aluízio Alves, Zé do detergente, Manoel do Sindicato, Giovani Cardoso e Jackson Brito.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário