quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

EM NOVA CRÍTICA, Ivan Rodrigues diz que fim do JAZZ gera prejuízo que vai do ramo hoteleiro ao vendedor de pipocas


      É muito difícil calar-se diante do sepulcral, mas estrepitoso, silêncio da Prefeitura de Garanhuns acerca da inesperada extinção – a 40 dias do seu início - do Festival de Jazz de Garanhuns, em sua 9ª Edição, já consagrado nacionalmente e bem sucedido artística e economicamente, conforme informação oficial no próprio site da Prefeitura após a sua 8ª edição, como se constata e foi resgatado por Ronaldo César e Gidi Santos, em seus respectivos blog’s.

Somente após a explosão da malfadada notícia, em declaração ao Jornal do Comércio, na primeira página do Caderno C do dia 19 do corrente, é que a Secretária Gerlane Melo (sem qualquer intervenção do Sr. Prefeito) declara que “a decisão foi tomada de maneira coletiva por outras secretarias envolvidas no planejamento. A gente teve a sensibilidade da importância do evento, porém com a crise econômica que todos os municípios estão passando, nós tínhamos que abrir mão de um dos grandes eventos que realizamos. E o resultado do levantamento nos trouxe os dados de que o jazz era o que tinha o maior custo/benefício. Ele foi suspenso, mas deve ser retomado em 2017.”. 

Depois dessa declaração de Gerlane como representante do coletivo das “secretarias envolvidas no planejamento”, apenas uma nota tida como oficial da Prefeitura, anódina e sem explicar nada, deixa muitas dúvidas no ar que ensejam indagações pertinentes a quem falou em nome da Prefeitura: 

a) Poderíamos saber quais foram as “secretarias envolvidas no planejamento” que tomaram a decisão? 

b) O Sr. Prefeito não participou da decisão e ela foi tomada apenas por algumas “secretarias envolvidas no planejamento” ? 

c) Como até então nunca se falou a respeito, a Prefeitura de Garanhuns está passando por alguma crise financeira ? 

d) Em nome da transparência legal e necessária, porque não se divulga o “resultado do levantamento” e os demais custos/benefícios para comparação com os outros festivais citados ?

e) Por sua reconhecida competência, Gerlane, deve saber muito bem que eventos como festivais não se “suspendem” em nome da continuidade e do desenvolvimento crescente, exigidos para sua consolidação; como falar credulamente que o FJG foi suspenso? 

f) Como pretender o mínimo de credibilidade, Gerlane, quando se fala em “retomada em 2017”, sabido que será em outra legislatura e com outros possíveis protagonistas? E mesmo que sejam os mesmos agentes ,você pode garantir essa afirmação? O Sr. Prefeito assina embaixo ? 

g) Você tem alguma desculpa plausível para explicar por que o Sr. Prefeito não assumiu a decisão que você, arriscadamente, assume ? 

h) Tenho a certeza absoluta que você conhece os critérios que norteiam relações custo/benefício de eventos dessa natureza, que envolvem aspectos subjetivos como cultura, educação, arte; econômicos como circulação e acesso a recursos externos, geração de empregos e renda e máxima capilaridade em aporte de despesas dos visitantes atraídos. Qual será a atividade em substituição a esvaziada ocupação de hotéis durante o Festival em 2016 que, conforme informe oficial da Prefeitura, atingiu 95% (noventa e cinco por cento) em sua última edição do Festival em 2015 ? 

i) Com o prejuízo decorrente da extinção do Festival, como ficam os empresários do comércio varejista, dos hotéis, restaurantes, pousadas, artesanato e até o moço da pipoca que, por sinal, até agora não deram o menor sinal de vida ? É simples acomodação ou temor de represálias ? Não merecem a menor satisfação e não deveriam ter sido ouvidos ? 

j) Sem desmerecer o Natal Luz que ficou muito bonito e é elogiável - e sem cabimento qualquer comparação nessa questão - mas todos sabemos que Natal é festa de intimidade familiar; de aconchego dos parentes que sempre se reúnem nessa época; da revoada à casa paterna em busca do colo materno e o retorno telúrico ao rincão da infância. Ninguém faz o percurso inverso e sai do regaço da família para apreciar em terra estranha uma decoração natalina de rua por mais bonita que seja, nem para ouvir Aguinaldo Timóteo em uma noite na frente da Prefeitura. Por critérios subjetivos, foi ótimo para a população que se deleitou, mas onde fica a questão de custo/benefício como critério decisório, que buscaria a renda dos turistas e visitantes para justificar o investimento de um milhão de reais ? 

k) Ao final, reitero a pergunta que não quer calar! Os recursos aplicados nos festivais são despesas ou investimentos ? Não exigem planejamento, programação, avaliação, acompanhamento e monitoração

? Podem ficar ao arbítrio de decisões voluntariosas e irresponsáveis tomadas de última hora ? É normal se extinguir, a 40 (quarenta) dias do seu início, um festival consolidado ao longo de oito anos ? 

Voltarei ao assunto, pois faltam ainda muitos aspectos a considerar e muitas dúvidas a esclarecer!

Ivan Rodrigues

REAJUSTE NA TARIFA: Em caráter liminar, Juiz manda suspender aumento no preço da passagem de ônibus em Garanhuns


Com informações e fotos do
Blog do Carlos Eugênio

O reajuste nas passagens de ônibus aqui em Garanhuns, que seria efetivada a partir do próximo dia 1º de janeiro de 2016, foi suspenso pela Justiça.

É que o Juiz Glacidelson Antônio da Silva, da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Garanhuns, acatando ação do ao Ministério Público de Pernambuco, concedeu liminar, no último dia 23, e suspendeu a deliberação do Conselho Municipal de Trânsito e Transporte de Garanhuns, que no último dia 7 de dezembro, reajustou a tarifa de ônibus comum de R$ 2,20 (dois reais e vinte centavos) para R$ 2,30 (dois reais e trinta centavos). O Magistrado também suspendeu a aprovação de qualquer outro reajuste, até nova deliberação e fixou em R$ 10 mil reais, a multa diária a Prefeitura e à empresa Coletivos São Cristóvão Ltda caso descumpram a Medida Judicial.

Segundo o Processo nº0007356-96.2015.8.17.0640, publicado no site do Tribunal de Justiça de Pernambuco, o reajuste da tarifa de ônibus foi aprovada para vigorar no próximo mês de janeiro “sem que tenha sido realizado estudo previsto no contrato e sem que o Município de Garanhuns tenha realizado o estudo retroativo determinado pelo Tribunal de Contas do Estado”.
.

    Ainda no processo, o Ministério Público afirmou que o Município - nem diretamente e nem através da AMSTT – “não apresentou estudo técnico que fundamentasse o reajuste, contentando-se com planilhas apresentadas pela empresa São Cristóvão, que não cumprem os requisitos legais, uma vez que não comprovam as despesas com insumos e dados operacionais”. Outra observação feita pelo MP é que houve redução da alíquota do ISS de 5% para 2,5% para as empresas de transporte coletivo. O MPPE também alegou que o Apoio Técnico Contábil do Ministério Público apresentou parecer confirmando “não haver a documentação probatória dos insumos e que também não ficou demonstrado de forma clara os coeficientes de consumo aplicados”.

“O reajuste inicial proposto pela empresa São Cristóvão foi de R$ 2,43. Posteriormente, com a redução da alíquota do ISS, a Empresa propôs o reajuste para R$ 2,36. Por fim, fixou-se o reajuste para R$ 2,30 (dois reais e trinta centavos), também sem qualquer amparo técnico, assemelhando-se mais a um leilão”, registra trecho do Processo.

SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE abre seleção com 23 vagas para reforçar Vigilância em Saúde em Pernambuco


Com informações do
G1 Caruaru e região

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) abriu 23 vagas para reforçar o trabalho da Vigilância em Saúde do estado. O processo seletivo simplificado procura 16 biólogos ou veterinários com experiência em Vigilância em Saúde e sete enfermeiros com experiência em Vigilância Epidemiológica. As inscrições seguem até o dia 12 de janeiro de 2016 e o resultado final será divulgado no dia 27 de janeiro.

As inscrições podem ser efetuadas via Sedex, com aviso de recebimento direcionado para a Secretaria Executiva de Vigilância em Saúde, localizada na Rua Dona Maria Augusta Nogueira, número 519, bairro Bongi, no Recife. Interessados também podem comparecer aos endereços e horários citados no edital.

Das oportunidades para biólogos ou veterinários, quatro são destinadas para trabalhar no setor de Vigilância Epidemiológica da SES, no bairro do Bongi, Zona Oeste do Recife. As outras são para atuar nas áreas da 12 Gerências Regionais.

Os enfermeiros selecionados deverão exercer a profissão também na sede da pasta e nos hospitais da Restauração, Barão de Lucena e Agamenon Magalhães, no Recife; no Hospital Jesus Nazareno, em Caruaru; e no Hospital Professor Agamenon Magalhães, em Serra Talhada.

EM SÃO BENTO DO UNA, FESTA DE REIS terá Cavaleiros do Forró e Tayrone Cigano

Tayrone é uma das atrações da Festa de Reis, em São Bento do Una (Foto: Marina Fontenele/G1)

Com informações e fotos do
G1 Caruaru e região

A 'Festa de Reis' de São Bento, no Agreste de Pernambuco, divulgou a programação do evento que começa na noite desta quinta-feira (31), véspera de ano novo, e segue até 6 de janeiro. Os shows têm início sempre às 22h (horário local), na praça Cônego João Rodrigues.

Entre as atrações artistas locais e nacionais irão se apresentar para o público estão o cantor Tayrone e a banda Cavaleiros do Forró. No réveillon, além de show pirotécnico haverá shows de Trio Balada e Pegada Top. Confira a programação:

SERVIÇO:

Programação da 'Festa de Reis'
Local: São Bento do Una
Endereço: praça Cônego João Rodrigues
Período: 31 de dezembro a 6 de janeiro
Horário: 22h (horário local)
Acesso: gratuito.
31/12 - Réveillon
Trio Balada e Pegada Top apresentações após a queima de fogos.
Palco Multicultural na Praça Cônego João Rodrigues:
1/01 - Banda In Versus dos Alunos da Escola de Referência José do Patrocínio Mota, e Emanuel e Banda Ultradose;
2/01 - Coral Vozes da Alegria e Novos Talentos Cantam Roberto;
3/01 - Fabio Amado e Diego Moraes;
4/01 - Bodega Cultural em homenagem ao Quinteto da Saudade.
Palco Principal - Praça de Eventos
5/01 - Mistura Musical e Tayrone
6/01 - Mateus Moraes; Gilbertto e Banda e Cavaleiros do Forró.


Cavaleiros do Forró encerram a Festa de Reis em São Bento do Una (Foto: Flávio Alves / G1)

CONCURSO PÚBLICO: UFPE oferece em caruaru 12 vagas para professor de medicina


Com informações e imagem do
G1 Caruaru e região

Com 12 vagas, foi lançado o concurso para professor de medicina da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). As inscrições começam em 4 de janeiro. As oportunidades são para professor efetivo do Centro Acadêmico do Agreste (CAA), em Caruaru. As remunerações para o cargo são de R$ 8.639,50 (adjunto) e R$ 2.173,85 (auxiliar).

Os candidatos podem realizar a inscrição até 2 de fevereiro na Secretaria do Núcleo de Ciências da Vida do CAA, de segunda a sexta-feira. De acordo com o edital, serão admitidas inscrições por procuração, em instrumento público ou particular, e por via postal. Para saber quais documentos exigidos para a inscrição, é preciso acessar o edital do concurso público.

A inscrição custa R$ 215,99.  Para pedir a isenção da taxa, é necessário que o candidato comprove insuficiência de recursos. Conforme o edital, das vagas ofertadas, três são para a classe adjunto (titulação mínima de livre-docente ou doutor), em regime de dedicação exclusiva, e nove são para a classe auxiliar (titulação mínima de graduação).

Para as vagas de adjunto, os cargos são para as áreas de Saúde Coletiva, Bioquímica e Fisiopatologia e Informática Aplicada à Saúde. Para a classe auxiliar as vagas são para Ginecologia/Obstetrícia, Pediatria, Anestesiologia, Cirurgia do Aparelho Digestivo, Clínica Médica/Reumatologia e Psiquiatria.

O concurso constará de prova escrita; prova didática e/ou didático-prática; e julgamento de títulos. As provas serão realizadas no prazo de até 120 dias a contar da data de encerramento das inscrições. O prazo de validade do concurso será de um ano, podendo ser prorrogado por igual período.

IBGE LANÇA CONCURSO com 600 vagas para vários estados, entre eles PE


O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) publicou dois editais de concursos públicos nesta segunda-feira (28) no Diário Oficial da União (DOU). Os certames oferecem 140 vagas de nível superior (edital nº 01/2015) e 460 vagas de nível médio (edital nº 02/2015). Em ambos, há oportunidades para o Estado.

Das 140 vagas, 118 são para o Rio de Janeiro e 22 para os seguintes estados: Amazonas, Amapá, Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo, sendo oito vagas reservadas para pessoas com deficiência e oito para candidatos negros. Em relação às 460 vagas de nível médio, 24 são reservadas para pessoas com deficiência e 59 para candidatos negros. Essas vagas estão distribuídas por 165 municípios de 24 estados e no Distrito Federal.

As remunerações variam entre R$ 2.216,45 a R$ 4.638,01, para nível médio, em função das gratificações, e de R$ 4.352,49 a R$ 8.734,88, para nível superior, em função das gratificações e retribuições por titulação dos aprovados. Serão concedidos auxílio-alimentação, no valor de R$ 373,00, e auxílio-transporte. Poderão ser concedidos benefícios a título de assistência à saúde (médica e odontológica), opcional, ao servidor e aos seus dependentes, com valores que variam entre R$ 82,83 e R$ 167,70 por pessoa, conforme a remuneração e a idade do servidor. A jornada de trabalho será de 40 horas semanais, sendo oito horas diárias. 

Inscrições

        As inscrições poderão ser feitas a partir do dia 4 até o dia 28 de janeiro de 2016 no site da organizadora do certame a Fundação Getúlio Vargas: http://fgvprojetos.fgv.br/concursos/ibge. As taxas de inscrição custam R$ 49 e R$ 69.

          Provas

As provas objetivas estão previstas para o dia 10 de abril de 2016 (nível superior) e 17 de abril (nível médio), com os resultados programados para 30 de maio e 13 de junho do próximo ano, respectivamente. As 460 vagas de nível médio são para o cargo de Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas, para o qual haverá somente prova objetiva, com 70 questões. As etapas dessa seleção seguirão o cronograma abaixo.


IBGE (Editais nº 01/2015 e nº 02/2015)
Vagas: 600
Cargos: vários
Níveis: superior e médio
Salários: de R$ 2.216,45 a R$ 4.638,01 (além de benefícios)
Inscrições: de 04/01/2015 até 28/01/2015
Taxas: R$ 49 e R$ 69
Provas: 10/04/2016 e 17/04/2016
Mais informações: http://fgvprojetos.fgv.br/concursos/ibge


OPOSIÇÃO: PSB REÚNE lideranças em almoço de confraternização


Essa trago do Blog do Jornalista Ronaldo César

Aconteceu nesta terça-feira (29) no Restaurante Dona Lu, em Garanhuns, um almoço de confraternização do PSB (Partido Socialista Brasileiro) com convidados de outras legendas aliadas, que devem marchar unidas na campanha de 2016 na cidade.

O convite partiu do presidente da legenda, Nivaldo Azevedo, e foi de grande participação, surpreendendo pelo grande número de lideranças políticas, a exemplo dos ex-prefeitos Ivo Amaral (PMDB) e Bartolomeu Quidute (PSB). Dr. Ivan Rodrigues foi também bastante festejado, assim como o gerente da Casa Civil, Sandoval Cadengue.

O encontro contou com a presença de pré-candidatos a prefeito, como Ivan Gomes Jr. (PSDB) e Sivaldo Albino (PPS), além do próprio Dr. Nivaldo Azevedo. Outros partidos também prestigiaram o encontro, com Damásio Cardoso (DEM), Roberval da Cohab II (PSD), entre outros.
.

     Lideranças socialistas estiveram em peso, com Júlio César (Assessor do Senador Fernando Bezerra), Antônio Coelho Filho, Edval Veras, Eliane Silva, Mário Faustino, Flávio Rodrigues (gestor da Ciretran), Marcelo Torreão, e de outros partidos, como Johny Albino (PPS) e Paulinho Brasileiro (PR).

Vereadores também estiveram presentes, a exemplo Nelma Carvalho, que ingressou no PSB, e Paulo Leal, que era o único socialista na cidade. Além de Sivaldo Albino, já citado. Também anotamos a presença de ex-vereadores, a exemplo de Sônia Moreno e Mário Faustino, e o ex-prefeito de Brejão, Joseraldo Ferreira.

ROSA QUIDUTE

Uma presença que foi muito elogiada e procurada para conversas e fotografias foi Rosa Quidute, prefeita em exercício. Mas isto dá outra postagem ainda hoje. Como sempre, Rosa é simpática, deu bastante atenção a todos, e ouviu algumas demandas que possa resolver durante este período.

GLÁUCIO COSTA

         Outra figura pública bastante prestigiada foi o radialista e artista Gláucio Costa, da Rádio Marano. Segundo Dr. Nivaldo Azevedo, o convite ao profissional de imprensa foi para demonstrar a importância do seu programa, e a forma independente e crítica como tem demonstrado sua preocupação com a cidade. "Infelizmente Marcos Cardoso está viajando, mas gostaríamos também que estivesse aqui. Além de outros grandes profissionais da imprensa no município. O que dissemos a Gláucio Costa é somente que continue com esta visão imparcial e independente. Suas observações mostram o interesse em promover Garanhuns e a região, culturalmente e economicamente".
.
.
.
.
.
.
.
.
.

VESTIBULAR 2016: UPE divulga período de matrículas


Os feras classificados no Processo de Ingresso 2016 da Universidade de Pernambuco (UPE) deverão realizar suas matrículas entre os dias 20 e 22/01/2016.

A manhã do primeiro dia (20/01), das 8h às 12h, será destinado aos estudantes que foram classificados através do sistema universal (não cotistas), na primeira entrada, do Sistema Seriado de Avaliação (SSA). No mesmo dia, sendo das 13h às 17hs, ficará para os que concorreram através do sistema universal para a segunda entrada.

Já a manhã do segundo dia (21/01), das 8h às 12h, poderão efetivar suas matrículas os candidatos classificados através do sistema de cotas, na primeira entrada do SSA. Os classificados para segunda entrada poderão realizar suas matrículas no mesmo dia das 13h às 17h.

Será reservado para os feras retardatários do SSA realizarem suas matrículas o dia 22/01/16, para os classificados pelos dois sistemas (universal e de cotas), também das duas entradas. Aqueles que não fizerem suas matrículas, nesses dias, serão automaticamente desclassificados. O primeiro remanejamento será divulgado no dia 16/02/16, a partir das 17hs.

As matrículas dos cursos oferecidos em Recife e em Camaragibe deverão ser feitas, nos horários indicados, na Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças da UPE (Fensg), que fica na Rua Arnóbio Marques, 310 – Santo Amaro.

Os candidatos classificados nos cursos oferecidos no Interior deverão se dirigir às unidades correspondentes aos cursos ao qual se inscreveram.

Campus de Caruaru,
Rodovia 104 - Km 62, Nova Caruaru, Fone: (81) 3719-9444;

Campus Nazaré da Mata,
Rua Amaro Maltez, 201 Bairro Novo,
Nazaré da Mata, Fone: (81) 3633-4615;

Campus Garanhuns, Rua Capitão Pedro Rodrigues, 
105 – São José – Garanhuns – Fone: (87) 3761-8210;

Campus Arcoverde, Rua Gumercindo Cavalcanti, 
s/n – São Cristovão – Arcoverde – Fone: (87) 3822-6626;

Campus Salgueiro, Av. Verimundo Soares, s/n, Km 511, 
BR 232 - algueiro, Fone: (87) 3871-8707;

Campus Petrolina, BR 203, Km 2 – Vila Eduardo
Petrolina, Fone: (87) 3866-6470;

Campus Palmares, BR 101, Km 117 – Campus Universitário
Palmares, Fone: (81) 3661-0625;

Campus Serra Talhada, Av. Afonso Magalhães, s/n
Nossa Senhora da Conceição – Serra Talhada, Fone: (87) 3831-2311.

O candidato deverá apresentar no ato da matrícula 2 (duas) fotos 3x4 atualizadas, e ainda, original e fotocópia ou, apenas, fotocópia autenticada dos seguintes documentos:

Cédula de identidade;
CPF;

Certificado de conclusão do ensino médio com respectivo histórico escolar. Para cotista, o histórico escolar deve comprovar que estudou os três anos do ensino médio e os anos finais do 6o ao 9o(antiga 5a a 8a serie) do ensino fundamental em escola pública estadual ou municipal;

Certidão de nascimento ou de casamento;
Título de eleitor e comprovante de votação;
Para homens, prova de quitação do Serviço Militar,
se maior de 18 (dezoito) anos.

POLÍTICA DE FORTALECIMENTO: Governo de Pernambuco lança companhia especializada para reforçar segurança no Interior


O Governo de Pernambuco reforçou, nesta terça-feira (29.12), a sua política de fortalecimento da segurança pública no Interior do Estado, com o lançamento da Companhia do Batalhão Especializado de Polícia do Interior (BEPI) de Toritama, no Agreste. A frente de trabalho se junta às novas companhias de Palmares, na Mata Sul, e de Custódia, no Sertão. As três unidades nascem do desdobramento da Companhia Independente de Operações de Sobrevivência na Caatinga (Ciosac), que segue dando nome à última. Juntas, elas contam com 480 homens, que realizam ações em 171 municípios das três regiões. O reforço foi oficializado pelo governador Paulo Câmara durante solenidade no município agrestino.

O chefe do Executivo estadual destacou que o lançamento da nova companhia faz parte de uma estratégia pensada pelo Governo do Estado para oferecer mais segurança à população. "Esse ato reitera o nosso compromisso com a segurança pública de Pernambuco. A chegada de novos policiais será fundamental para a redução da violência na região. Tenho certeza de que os homens que atuarão no BEPI serão incansáveis na busca de mais harmonia para o Agreste ", afirmou Paulo.

A implantação do BEPI é resultado de análises realizadas nas diversas reuniões de monitoramento do Pacto pela Vida ao longo de 2015. Uma decisão que já promove um aumento da sensação de segurança dos moradores da região, como ressalta o motorista João Patrício, de Toritama. "A gente sente mais confiança com a presença da polícia nas ruas. Esse novo batalhão veio para dar mais tranquilidade às nossas famílias", disse o cidadão.

    O comandante do BEPI, o tenente-coronel Jamerson Pereira, explicou que cada companhia terá 14 viaturas distribuídas em sete equipes. Antes do BEPI, o reforço no policiamento do Agreste era feito por um equipe da CIOSAC. "A gente deslocava uma equipe do Sertão para dar um apoio à região. Com a implantação do batalhão, a gente utilizou as equipes da região, com o conhecimento da região, com a estrutura que tínhamos com a CIOSAC", afirmou.

De acordo com o prefeito do município, Odon Ferreira, a nova estrutura no pouco tempo de atuação já apresentou resultados positivos. "Essa companhia chegou na hora certa. Em junho e julho nós tivemos 28 homicídios. Em setembro e outubro, com a chegada do BEPI, foram registrados apenas quatro homicídios", pontuou o gestor.

PACTO – Construída a partir do Plano Estadual de Segurança Pública, o Pacto pela Vida é uma política pública de segurança integrada. Mecanismo que visa, principalmente, a prevenção de homicídios no Estado. Mas também cuida de um conjunto de crimes que despertam insegurança no pernambucano. Desde a sua implantação, em 2007, o programa já foi responsável por salvar 10 mil vidas.

Para o secretário executivo de Defesa Social, Rodrigo Bastos, a experiência da CIOSAC será fundamental para a formatação das novas companhias. Ele pontuou que as novas estratégias vão reforçar a segurança na região. "Essa reformulação vai aprimorar e completar a atuação da Polícia Militar no Estado", assegurou Bastos.

"O Pacto pela Vida é uma política reconhecida e já salvou 10 mil vidas em oito anos. Os ajustes no programa são necessários e acontecem o tempo todo. Hoje nós criamos um novo batalhão e vamos garantir a atuação de 480 agentes de segurança", pontuou

Participaram da cerimônia o deputado federal Mendonça Filho, os deputados estaduais Tony Gel e Clodoaldo Magalhães, além de prefeitos e lideranças políticas da região.

Foto: Wagner Ramos/SEI

FACEPE LANÇA EDITAL com 180 bolsas de Incentivo Acadêmico


A Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia de Pernambuco – Facepe – lança edital para inserção em atividades de ensino, pesquisa e extensão de alunos egressos da rede pública de ensino que obtiveram as melhores classificações nos exames vestibulares das Instituições públicas de Ensino Superior (IES) do estado, federais ou estaduais.  São 180 bolsas anuais no valor de R$ 300 mensais . Os interessados podem apresentar propostas até o dia 05 de fevereiro de 2016.

Podem participar do programa, na condição de proponente, qualquer IES pública de Pernambuco, federal ou estadual. As propostas institucionais serão apresentadas por um representante da administração superior da IES que atuará, obrigatoriamente, como Coordenador do Programa BIA da Instituição.

As propostas devem ser encaminhadas à Facepe pelo coordenador institucional, designado pelo dirigente máximo, mediante ofício endereçado à Diretoria Científica informando nome completo e CPF do coordenador. O envio é realizado pelo Sistema AgilFAp (http://agil.facepe.br) no formulário de solicitação de Auxílio a Projeto de Pesquisa (Modalidade APQ). 

Bolsa de Incentivo Acadêmico – BIA – A Facepe contribui, através do Programa de Incentivo Acadêmico, com orientação tutorial destinado não só a apoiar financeiramente o ingressante durante o primeiro ano do curso, mas estimular também seu engajamento imediato em atividades de ensino, pesquisa e extensão para facilitar a inserção em outros programas das universidades públicas, a exemplo da iniciação científica, iniciação à docência, programa especial de treinamento, entre outros. 

Para conferir o edital, clique aqui.