quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Secretaria de Educação e Ministério Público lançam o projeto “Abraçando a Escola”


O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e a Secretaria de Educação do Estado assinaram, na tarde desta segunda-feira (16), no salão dos Órgãos Colegiados, localizado na sede da Procuradoria Geral de Justiça, área central do Recife, convênio que viabiliza a execução do projeto “Abraçando a Escola”. A iniciativa também é uma parceria entre a Defensoria Pública, a Secretaria de Defesa Social e o Poder Judiciário.

O projeto tem como foco central a redução dos índices de abandono escolar, além da melhoria no convívio entre estudantes e professores, a fim de, juntos, construírem uma consciência cidadã dentro e fora das escolas. A iniciativa é do secretário geral do MPPE, Aguinaldo Fenelon, que, durante o lançamento, disse que a iniciativa visa fortalecer o papel institucional de cada unidade de ensino, bem como aproximar a sociedade das autoridades do Estado. “Esta ação decorre da realidade de que a escola é a continuação da família. É dentro da escola que podemos mudar esses jovens. Os problemas e conflitos familiares e também da região em que muitos moram são refletidos de forma evidente nos comportamentos mantidos por esses estudantes dentro e fora da escola”, argumentou.

De acordo com o secretário de Educação do Estado, Fred Amancio, muitos casos de conflitos são reflexos de situações que ocorrem fora dos muros da escola. “A violência e os problemas sociais nascem fora das instituições e acabam adentrando os muros das escolas. O grande desafio de todos esses parceiros é dialogar com esses jovens e, acima de tudo, se aproximar das comunidades, criando uma grande rede de proteção a essas unidades de ensino”, disse Fred.

SOBRE O PROJETO - A cada 15 dias, duas escolas da rede estadual abrirão espaço para palestras de diversas autoridades do poder público. Além disso, o projeto promoverá, a cada dois meses, encontros com pais e professores das escolas integrantes do projeto. Qualquer escola da Rede Estadual, inclusive aqui em Garanhuns pode participar do projeto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário