terça-feira, 18 de agosto de 2015

Frente parlamentar propõe Fórum Nordestino de Trânsito


A Frente Parlamentar de Trânsito e Transporte deverá criar um Fórum Nordestino de Trânsito. A proposta, apresentada durante reunião do grupo realizada nesta segunda (17), terá o objetivo de discutir soluções para os acidentes e para a mobilidade nos estados da região. O evento, sugerido pelo coordenador do grupo, deputado Eduíno Brito (PHS), integrará o calendário do colegiado para o segundo semestre, e pretende reunir especialistas, gestores e representantes dos legislativos estaduais em torno do tema.

Apesar de concentrar apenas 16% dos veículos do Brasil, o Nordeste lidera as estatísticas nacionais de acidentes, com 34% das indenizações pagas pelo seguro obrigatório do trânsito (DPVAT) em 2014. Para dar embasamento ao fórum, a Frente Parlamentar deve visitar, a partir de setembro, as Assembleias Legislativas de Alagoas, da Bahia, da Paraíba e do Rio Grande do Norte. “É em nossa região onde os números são mais gritantes, por isso é importante discutirmos a questão com todos os estados”, afirmou Brito.

Na agenda do grupo parlamentar, constam ainda visitas ao Hospital Otávio de Freitas, no Recife, neste mês de agosto, e à cidade de Bogotá, na Colômbia, em novembro. A capital colombiana, de acordo com o coordenador, tornou-se referência em mobilidade após políticas públicas que corrigiram sérios problemas urbanos, e pode servir de exemplo para ações em Pernambuco. “Lá o transporte deu certo, e queremos ver o que também podemos fazer aqui”, observou.

          ASSÉDIO EM COLETIVOS – Presidente da Comissão de Defesa da Mulher e membro da Frente Parlamentar, a deputada Simone Santana (PSB) propôs a inclusão, no calendário apresentado, de Audiência Pública conjunta entre os colegiados para discutir casos de assédio sexual nos transportes coletivos da Região Metropolitana do Recife. “É importante estimular que as mulheres, principais vítimas desses casos de assédio, denunciem seus agressores”, apontou a parlamentar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário