sexta-feira, 5 de setembro de 2014

SEM RESPOSTA DO MEC FACULDADE DE MEDICINA DE GARANHUNS CONTINUA PARADA

                                                                                              Imagem/Gidi Santos

A FAMEG (Faculdade de Medicina de Garanhuns), para os que não lembram, está fechada a aproximadamente sete anos por determinação do Governo Federal.

Sob a administração do Dr. Márcio Quirino ela vem permeando arduamente intensas solicitações e entradas de documentos junto ao MEC para que sua situação volte a “normalidade” e com isso suas atividades sejam restabelecidas.

ENTENDA O CASO:

A Fameg foi impedida de funcionar no período em que tentou migrar do sistema de ensino estadual pernambucano para o federal brasileiro, conforme exigido pela legislação. Na ocasião, o MEC considerou que a instituição não poderia funcionar por estar vinculada ao Governo do Estado, apesar de suas instalações estarem em boas condições.

O Senador Vicentinho Alves (PR), do Tocantins, fez um requerimento ao MEC no ano de 2011, pedindo explicações sobre a paralisação das atividades da instituição, mas até agora não obteve informações.  No documento, Vicentinho cobrava explicações sobre vários pontos obscuros relacionados ao caso. Dentre os questionamentos feitos pelo senador naquela época estão o descumprimento de itens do edital SERES/MEC 01/2011, que versa sobre as condições para migração do sistema de ensino estadual para o federal. O item 2.2.1 do referido edital garantiria o funcionamento normal das instituições de ensino superior até que a migração do sistema de ensino estivesse resolvida.

Outra questão abordada diz respeito à contratação do Instituto Tocantinense Presidente Antônio Carlos (ITPAC), entidade à qual pertence a Fameg, ter sido avaliado com nota 4 em uma escala que vai de 1 a 5 pelo MEC, e mesmo assim ter suas atividades suspensas em Garanhuns.

O DOSSIÊ:

Um dossiê com informações sobre o fechamento da faculdade foi entregue ao Ministério da Educação. A decisão de elaborar o documento foi dos representantes da instituição, alunos e funcionários que participaram em sessão na Câmara de Vereadores do Recife, onde houve debate sobre os entraves para o funcionamento da unidade.

CÂMARA DE VEREADORES E CDL DE GARANHUNS:

Um dos últimos movimentos em vista a questão foi o do FAMEGJÁ unido ao Deputado Federal Fernando Ferro, CDL e Câmara de Vereadores em meados de fevereiro, de lá para cá não mais obtivemos informações.

Naquela época inclusive, a comissão FAMEGJÁ e o Presidente do Legislativo Local Audálio Ramos Filho estiveram em Brasília em visita ao Congresso Nacional e ao MEC.

Nas ruas, na imprensa e nas mídias sociais um levante popular pedindo o retorno da Fameg foi visto. Assinaturas foram colhidas, apoios foram conquistados para em conjunto cobrar e estimular a reativação da unidade; mas parece que tudo, como de costume em nosso país, foi literalmente “esquecido”. Já não vemos mais os ativistas da causa.

Em uma página triste de sua história, e como em muitos outros momentos “esquecida” a sua própria sorte, Garanhuns espera como uma mãe, o retorno de um filho ilustre à casa. Falta lastro político.

Da redação;
Texto: Gidi Santos

PREFEITO IZAÍAS ASSINA PACTOS DE COMBATE À VIOLÊNCIA E PROTEÇÃO AO IDOSO

                                                                                                              Foto/ Luanny Porto

Foram assinados na manhã desta sexta-feira (05), no gabinete do Palácio Celso Galvão, pelo prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, o Pacto dos Municípios pela Segurança Pública e a criação do Núcleo de Enfrentamento à Violência do Idoso de Garanhuns (Neviga). Na ocasião, estiveram presentes, o procurador geral de justiça de Pernambuco, Agnaldo Fenellon, o promotor criminal Francisco Dirceu de Barros, o promotor da 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania de Garanhuns, Domingos Sávio, promotoras Francisca Maura e Yèlena Monteiro, secretários municipais e outros servidores.
A iniciativa em assinar o Pacto dos Municípios pela Segurança Pública traz a Garanhuns um aperfeiçoamento na atuação da prevenção à violência, criando um comprometimento para que o município atue em parceria entre os órgãos oficiais de segurança e a sociedade. O pacto incentiva gestores municipais a construírem políticas de segurança por meio de ações preventivas e metas definidas, incluindo ações em bares, restaurantes, iluminação pública, sistema de monitoramento por câmeras, estruturação de conselhos, adesão à programas sociais, entre outros. Os municípios que conseguirem atingir o maior número de metas e, como consequência, a diminuição da violência, receberão certificados fornecidos pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE).
Na ocasião, também foi oficializada a criação do Núcleo de Enfrentamento à Violência do Idoso de Garanhuns (Neviga), que será um suporte no cuidado ao idoso, no município. A instituição funcionará de maneira integrada entre as secretarias de Saúde, Mulher, Assistência Social e Conselho do Idoso, tendo à frente a Secretaria de Saúde. A equipe será formada por quatro pessoas, que atenderão de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, na rua Ernesto Dourado, nº 890, no bairro Heliópolis.
O procurador geral de justiça de Pernambuco, Agnaldo Fenellon, falou da importância da assinatura do pacto e da criação do Núcleo de enfrentamento à Violência do Idoso de Garanhuns. “Essas iniciativas promovem ao município um despertar para segurança pública, que se comprometerá em firmar convênios, criar leis, entre outras ações, utilizando-se das ferramentas e instrumentos legais disponíveis, com o objetivo de atingir as metas fixadas”, comentou.

Secom – PMG 

CASA DOS CONSELHOS DE GARANHUNS PASSA A ATENDER EM NOVO ENDEREÇO


A Casa dos Conselhos de Garanhuns, localizada na rua Manoel Clemente, 93, Santo Antônio, ao lado da Secretaria Municipal de Educação, agora vai abrigar somente o Conselho Tutelar. Os demais conselhos estão em novo prédio, na rua Ernesto Dourado, 890, Heliópolis. Seis Conselhos, no total, recebem toda a população no processo de controle social.

De acordo com a Secretaria de Assistência Social, a iniciativa de deixar somente o Conselho Tutelar no espaço, é para atender melhor as demandas do local. “Nós percebemos essa necessidade do Conselho Tutelar e alugamos outro espaço para comportar os demais Conselhos de Garanhuns. Acreditamos que com isso, os serviços de acompanhamento de crianças e adolescentes será ainda mais atuante,” destacou a secretária de Assistência Social, Célia Sobral.
Segue, abaixo, os nomes dos Conselhos Municipais de Garanhuns e os seus respectivos presidentes:


Conselho Municipal de Assistência Social – Presidente Diana Maria da Conceição
Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescentes – Presidente Cibelly Dantas
Conselho Municipal da Pessoa Idosa – Presidente Maria do Carmo Nunes Florentino
Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência – Coordenador José de Juca de Melo Filho
Conselho Municipal da Educação – Presidente Adilson Araújo
Conselho Tutelar – Presidente Micheles Mandici

Secom - PMG

CORRUPÇÃO; EX-DIRETOR DA PETROBRÁS DELATA PROPINA PAGA A 32 DEPUTADOS

                                                     Foto/ Ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa 

Estadão Conteúdo (São Paulo) – O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa citou pelo menos 32 deputados e senadores, um governador e cinco partidos políticos que receberiam 3% de comissão sobre o valor de cada contrato da Petrobras firmados durante sua gestão na diretoria de Abastecimento da estatal petrolífera.
Desde a sexta feira passada, 29 de agosto, Costa está depondo em regime de delação premiada para tentar obter o perdão judicial. Ele é alvo da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, que desmantelou um grande esquema de lavagem de dinheiro e corrupção na Petrobrás. São depoimentos diários que se estenderam por toda semana. O número de políticos citados foi mencionado por Costa nos primeiros depoimentos, mas pode crescer até o final da delação.
Costa relatou a formação de um cartel de empreiteiras dentro da Petrobras, em quase todas as áreas da estatal. Partidos políticos eram supostos beneficiários de recursos desviados por meio de comissões em contratos arranjados. E exemplificou: “Todo dia tinha político batendo em sua porta”. Num depoimento, ele citou uma conta de um “operador do PMDB” em um banco europeu.
O ex-diretor contou que os desvios nos contratos da Petrobrás envolveriam desde o funcionário do terceiro escalão até a cúpula da empresa, durante sua gestão na diretoria de Abastecimento, entre 2004 e 2012.
O ex-executivo também citou quase todas as grandes empreiteiras do País que conseguiram os contratos. Inicialmente seu alvo foram as empresas, mas não havia como isentar os políticos, uma vez que, segundo ele, foram beneficiados com propinas. Por causa da citação aos políticos, que têm foro privilegiado, os depoimentos serão remedidos para a Procuradoria Geral da República. A PGR afirmou que só irá receber a documentação ao final do processo de delação.
PERDÃO JUDICIAL:
O acordo de delação premiada assinado por Paulo Roberto prevê praticamente o perdão judicial. A pena que ele receberá será mínima comparada aos 50 anos que poderia pegar se responder aos processos – já é réu em duas ações, uma sobre corrupção na Petrobrás e outra sobre ocultação e destruição de documentos.
O acordo prevê que o ex-executivo será colocado em liberdade quando encerrar os depoimentos. Ele deve ficar um ano usando tornozeleira eletrônica, em casa, no Rio, sem poder sair na rua.
Os depoimentos têm sido longos. No primeiro dia foram mais de quatro horas. Um advogado do Paraná que esteve com ele diz que Costa está “exausto, mas se diz aliviado”. O ex-executivo teria demonstrado preocupação apenas quando soube que a imprensa noticiou a delação premiada. Seu temor é se tornar um “arquivo vivo”.
Os depoimentos são todos filmados e tomados em uma sala na Custódia da PF em Curitiba. Ao final de cada dia os depoimentos são lacrados e criptografados pelo Ministério Público Federal, que os envia diretamente para a PGR, em Brasília. A PGR mandou emissário a Curitiba no início do processo de delação.
DOLEIRO:
O doleiro Alberto Youssef, também preso acusado de ser um dos cabeças do esquema desbaratado pela Lava Jato, também tentou negociar com o Ministério Público Federal uma nova delação premiada (ele fez a primeira no caso do Banestado, em 2003), mas desistiu ao ser informado que pegaria pelo menos 3 anos de prisão, em regime fechado.

Folha - PE

INSCRIÇÕES PARA O FESTIVAL DE CINEMA DE CARUARU SEGUEM ATÉ 10 DE OUTUBRO

                                                                 Foto/SebastiãoAlves (Sebá)/Arquivo Pessoal

As inscrições para a primeira edição do Festival de Cinema de Caruaru, no Agreste pernambucano, podem ser feitas até 10 de outubro. Interessados devem entregar um envelope lacrado à organização ou enviá-lo pelos correios. O edital e a ficha de inscrição estão disponíveis no blog do evento.

O festival ocorrerá em novembro em um centro de compras da cidade e inclui quatro mostras. Para as três competitivas (Agreste, Estudantil e Pernambuco), os vídeos devem ter de 5 a 20 minutos, já considerados os créditos iniciais e finais. Serão aceitos filmes nos gêneros documentário, ficção e animação, finalizados em qualquer formato e que possuam cópia em digital (h264) na resolução mínima de 1920x1080px. Cada mostra terá troféu e premiação em dinheiro para filme, atriz, ator, fotografia, diretor e roteiristas de destaque. Já a não competitiva é chamada Mostra Especial Reflexões.

Inclusas no projeto, haverá ações educativas com produção de filmes em escolas da região Agreste. Segundo Edvaldo Santos, diretor do evento, o objetivo é “criar para os estudantes um espaço de práticas de expressão, desenvolvendo a pesquisa de temas atuais, divulgando produções locais e despertando a profissionalização e o empreendedorismo”. Ainda de acordo com ele, o festival pretende ser “um espaço de difusão dos elementos culturais locais e está em sintonia com o desenvolvimento econômico e acadêmico de Caruaru e região”.

Para homenagens especiais durante o evento, foram escolhidos Romero Maciel, que administrou vários cinemas em Caruaru por mais de 20 anos, e o ator Sebastião Alves, popularmente conhecido como Sebá.

SERVIÇO:
                  
Inscrições para o I Festival de Cinema de Caruaru
Endereço: Rua Henrique de Oliveira, número 59, Bairro Indianópolis
Prazo: até 10 de outubro.


G1

TCE NOTIFICA EMPETUR E SUSPENDE CONTRATAÇÕES POR EMENDAS PARLAMENTARES

                                                 Imagem/Tribunal de Contas de Pernambuco

Após ser notificada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), a Empetur, suspendeu toda e qualquer contratação de shows com pagamento através de emendas parlamentares. Com a conclusão do primeiro relatório das investigações sobre os contratos realizados de janeiro a março deste ano, o tribunal enviou uma sugestão de medida cautelar, dando à empresa de turismo, cinco dias para apresentar a defesa.

De acordo com o conselheiro do TCE Dirceu Rodolfo de Melo Júnior esta suspenção é importante durante o curso das investigações porque evita que se cometam outras irregularidades.

“Nós temos a faculdade que dá prazo de cinco dias para o órgão competente se pronuncie sobre a medida cautelar. Enviaram ofício ao meu gabinete, suspendendo toda e qualquer contratação ou pagamento de shows que tem relação com emendas parlamentares”, afirma Dirceu.

O TCE já notificou seis funcionários da Empetur e 11 produtoras musicais envolvidas em algumas irregularidades dos contratos. De janeiro até março, foram liberados R$ 19 milhões do Governo do Estado através de emendas parlamentares.


CBN

TRE ACATA PEDIDO DO MINISTÉRIO PÚBLICO E PROÍBE USO DE IMAGEM DE EDUARDO CAMPOS

                                                               Imagem/Divulgação Eduardo Campos

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) acatou, em parte, o pedido do Ministério Público Eleitoral, de proibir que a Frente Popular confeccione propagandas identificando Eduardo Campos como candidato à presidência. Porém todas as peças, de televisão, rádio ou cartazes e cavaletes, que foram produzidas antes da morte do candidato ainda podem ser veiculados e distribuídos.

A Coligação Pernambuco Vai Mais Longe também está impedida de utilizar em seu guia eleitoral o pronunciamento de Paulo Câmara com efeitos sonoros, pois a peça foi considerada pejorativa. 

Para o Advogado da Frente Popular, Carlos Neves a medida não muda muita coisa na prática. “Conforme a decisão do Juiz, nada muda em nossa prática, pois desde o trágico falecimento do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos nós não produzimos material nosso contendo Eduardo como presidente. Todas as propagandas que têm Eduardo com Marina já foram entregues e distribuídas nas cidades e nos guias e não temos como recolher; aliás a sentença não determina recolhimento, afirma Carlos.

Ainda de acordo com Neves toda esta ação é desnecessária. Ele destaca que a representação no Ministério Público foi movida por uma denúncia feita pela coligação “Pernambuco vai Mais Longe” encabeçada pelo PTB.


CBN

PERNAMBUCO ALCANÇA META ESPERADA PARA O IDEB 2015 NO ENSINO MÉDIO ESTADUAL


Pernambuco superou já em 2013 o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) projetado para 2015 no ensino médio estadual, de acordo com os dados divulgados nesta sexta-feira (5) pelo Ministério da Educação (MEC). O Ideb projetado para 2013 era de 3,2 pontos, mas o estado alcançou 3,6, meta estipulada apenas para o próximo ano, ou seja, um crescimento 13% maior que o esperado.

Em 2011, o Ideb do ensino médio estadual era de 3,1, o que representou um aumento de 16%. Assim, Pernambuco subiu da 22° para a 4° posição no ranking nacional, com pontuação igual ao Rio de Janeiro, Minas Gerais e Santa Catarina, ficando  0,2 ponto a menos que Goiás, primeiro lugar no índice atual.

Pernambuco e Piauí foram os únicos estados do Nordeste que bateram as metas no ensino médio estadual. Os dois, junto com a Paraíba, foram também os únicos que registraram crescimento no Ideb deste segmento.

ESCOLAS PARTICULARES

A má notícia vem do ensino médio privado. Em Pernambuco, o Ideb caiu de 5,5 pontos para 5,2, provocando uma queda da 19° para a 23° posição na avaliação nacional.

Considerando o Ideb total do ensino médio, que reúne as redes pública e privada, 23 estados ficaram abaixo da meta projetada para eles no índice. Os únicos que ficaram acima da média foram Amazonas, Rio de Janeiro, Goiás e Pernambuco, que subiu de 3,4 (2011) para 3,8 (2013), acima também dos 3,6 pontos projetados.

Pernambuco cresceu, inclusive, mais que a média brasileira para o ensino médio total. O Ideb era 3,7 pontos em 2011, que se manteve em 2013, não atingindo assim a meta de 3,9.

Em nota, o Governo de Pernambuco comemorou o resultado e afirmou que, desde 2007, tem feito um "investimento maciço em educação, com a construção e a reforma das escolas da rede estadual, o pagamento de bônus aos professores que atingissem as metas pactuadas, o monitoramento das escolas e um grande Pacto Pela Educação".

O Ideb é um indicador geral da educação nas redes privada e pública. Foi criado em 2007 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e leva em conta dois fatores que interferem na qualidade da educação: rendimento escolar (taxas de aprovação, reprovação e abandono) e médias de desempenho na Prova Brasil, em uma escala de 0 a 10.

G1

COMPLETANDO 18 ANOS A URNA ELETRÔNICA CHEGA A MAIORIDADE NO BRASIL


A urna eletrônica foi lançada em 1996 para contabilizar os votos de milhões de eleitores com mais rapidez e segurança. Dezoito anos depois, o Brasil comemora o sucesso do sistema, que não teve nenhuma suspeita de fraude confirmada e acabou replicado em diversos países.

As eleições passaram a ser totalmente informatizadas em 2000 e desde então o desenho original da urna já passou por várias atualizações. Tanto o hardware como os diversos programas que integram o sistema eletrônico de votação foram concebidos e construídos sob orientação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O resultado das eleições presidenciais de 2010 foi divulgado às 20h04, registrando um novo recorde mundial na apuração da votação.

Em 2009, o tribunal convidou mais de 30 especialistas em tecnologia da informação a participar de testes públicos de segurança da urna eletrônica. Após quatro dias de tentativa, nenhum deles conseguiu invadir o sistema ou burlar os dados. Em novos testes públicos, em 2012, uma equipe da Universidade de Brasília (UnB). conseguiu "desembaralhar" a ordem dos votos registrados pela urna, mas não chegou a identificar os eleitores.

A tecnologia brasileira foi adotada no Equador, Paraguai, Argentina, Costa Rica e República Dominicana. Nos Estados Unidos, México e Canadá, é usada a urna eletrônica, mas em alguns estados e províncias leis exigem o voto impresso conferido pelo eleitorPara o s.

Ex-Secretário de Tecnologia da Informação do TSE, Giuseppe Janino, a informatização do voto no país é "um projeto de sucesso” principalmente pelo comprometimento da Justiça Eleitoral com a melhoria contínua e com a resposta a qualquer tipo de risco. Ele entende que “sempre há espaço para avançar”, mas que isso deve ser feito com cautela, pois as melhorias têm de ser inseridas de acordo com critérios de segurança e com a cultura adquirida pelo cidadão brasileiro.


Agência Senado

UPE DIVULGA 3ª LISTA DE REMANEJADOS PARA 2ª ENTRADA EM 2014


A Universidade de Pernambuco (UPE) divulgou a listagem do terceiro e último remanejamento extra do Processo de Ingresso 2014 para 2ª entrada. Ao todo, 73 candidatos foram remanejados no vestibular e 79 no Sistema Seriado de Avaliação (SSA3).

Os feras remanejados para segunda entrada deverão realizar suas matrículas na próxima quarta-feira (10/09/14). Os candidatos que não efetivarem suas matrículas no dia determinado serão eliminados automaticamente.

LOCAIS DE MATRÍCULA:

Os candidatos devem se dirigir aos locais determinados no Edital. Para os candidatos aprovados para os campi Benfica, Camaragibe e Santo Amaro, as matrículas serão realizadas, no horário das 8h às 16h, no Pátio de Convivência da Reitoria da UPE, situado na Rua Tupinambás, s/n, Santo Amaro (Rua ao lado da entrada principal da Reitoria).
Os candidatos classificados nos cursos oferecidos no Interior deverão se dirigir às unidades correspondentes aos cursos ao qual se inscreveram.
O candidato deverá apresentar no ato da matrícula 2 (duas) fotos 3×4 atualizadas, e ainda, original e fotocópia ou, apenas, fotocópia autenticada dos seguintes documentos:

*Cédula de identidade;
*CPF;
*Certificado de conclusão do ensino médio com respectivo histórico escolar. Para cotista, o histórico escolar deve comprovar que estudou os três anos do ensino médio e os anos finais do 6oao 9o (antiga 5a a 8a serie) do ensino fundamental em escola pública estadual ou municipal do Estado de Pernambuco;
*Certidão de nascimento ou de casamento;
*Título de eleitor e comprovante de votação;
*Para homens, prova de quitação do Serviço Militar, se maior de 18 (dezoito) anos.


UPE

ENTREVISTA; CANDIDATO ARMANDO MONTEIRO (PTB) ABLOGPE

ENTREVISTA; CANDIDATO PAULO CÂMARA (PSB) ABLOGPE

ENTREVISTA; CANDIDATO ZÉ GOMES (PSOL) A ABLOGPE